10 séries indicadas ao Globo de Ouro que você precisa maratonar

Imagem: ABC/Netflix/Amazon/Divulgação

O Globo de Ouro está chegando!

A premiação, que apresentará os seus vencedores na noite deste domingo (07), trouxe algumas inovações dentre seus indicados.

Saiu um pouco da mesmice de outras premiações e olhou um pouco para a TV aberta, onde grandes tesouros estão sendo produzidos nessa época de streaming. Mas claro, as plataformas continuam a dominar, e é a partir delas que grandes maratonas podem ser realizadas.

Para você se preparar para uma das noites mais glamourosas do cinema e da TV, o Mix de Séries separou 10 importantes séries indicadas à premiação que você precisa maratonar.

Ainda dá tempo, vai…

The Crown (Indicada a Melhor Drama)

The Crown, com sua proposta em si, já merece atenção do público. A série aborda historicamente a trajetória da realeza inglesa, a partir do reinado de Elizabeth II. Nessa primeira fase, Claire Foy é a incumbida de dar vida à Rainha, e através de sua interpretação, vemos o quão foi difícil passar por tudo o que Elizabeth passou. Da riqueza à podridão, The Crown é um prato cheio para os amantes de História e de um excelente roteiro. As temporadas 1 e 2 já estão disponíveis na Netflix.

Imagem: Netflix/Divulgação

The Handmaid’s Tale (Indicada a Melhor Drama)

The Handmaid’s Tale é a favorita das premiações – e do público. E não é por menos: ao se propor a tratar de um futuro apocalíptico não tão distante, onde as taxas de fertilidade são baixíssimas e os nascimentos – consequentemente – cada vez mais difíceis, a série aborda características de regimes totalitários, militarizados e hierárquicos, dando um acréscimo com tensões sociais que são cada vez mais presentes em nossas sociedade. Também destaca o papel da mulher neste futuro que se torna crucial, fazendo uma analogia à suas perdas e desvantagens na era moderna. A série será exibida no Brasil, ainda este ano, pela Paramount Channel.

Imagem: Hulu/Divulgação

Stranger Things (Indicada a Melhor Drama)

Uma das sensações do momento, Stranger Things aborda o universo dos anos 1980 em sua melhor forma. Com referências à filmes, quadrinhos, música e o universo pop e nerd em geral, a história gira em torno de um grupo de crianças que passam a viver experiências estranhas, que acabam resultando em um combate com um monstro de outra dimensão, e na aliança com uma garotinha bastante poderosa. Na maior vibe Steven Spielberg, Stranger Things é uma capsula do tempo que vai fazer você voltar à uma época não tão distante mas saudosa. Você encontra as duas primeiras temporadas disponíveis na Netflix.

Imagem: Entertainment Weekly/Netflix/Divulgação

This Is Us (Indicada a Melhor Drama)

This Is Us é o típico drama familiar que reutiliza algumas fórmulas deixadas por clássicos como Brothers and Sisters e Parenthood. Mas ela traz um diferencial que é abordar diversas linhas do tempo, a fim de contar a trajetória de uma família norte-americana com problemas comuns, tocando em assuntos como o racismo, adoção, a luta pela perda de peso e o alcoolismo. Pegue os lencinhos, pois só mesmo um robô para não chorar com essa série. A primeira temporada você encontra disponível no FOX Play, e a segunda temporada estreia em março no Fox Life.

Imagem: NBC

The Marvelous Mrs. Maisel (Indicada a Melhor Comédia)

Amy Sherman-Palladino, a criadora de Gilmore Girls, voltou à TV em grande estilo. Um charme à parte entre os indicados, Mrs. Maisel se passa na Manhattan de 1958, e acompanha a trajetória de Mirial “Midge” Maisel, uma típica mulher dos anos 1950 com a vida perfeita: marido, dois filhos e um ótimo apartamento na Upper West Side. Mas ela vê sua vida virar de cabeça para baixo quando descobre que tem talento para comédia, largando essa vida para vivenciar a comédia stand-up. Rachel Brosnahan, que é conhecida por House of Cards, trouxe um carísma indescritível para a personagem, nessa comédia deliciosa de se assistir. O tempo passa e a gente nem percebe. A série é uma original Amazon, e você pode conferir sua primeira temporada aqui no Brasil no serviço de streaming da Amazon Prime.

Imagem: Amazon/Divulgação

Big Little Lies (Indicada a Melhor Minissérie)

Um dos grandes nomes na TV em 2017, Big Little Lies é um prato cheio para os fãs de séries. Com um elenco estrelar, encabeçado por Nicole Kidman e Reese Witherspoon, a história gira em torno de três mulheres de uma pequena cidade do interior da Califórnia, que são envolvidas em um mistério acrescido de um assassinato. Durante os episódios, além de tentar descobrir quem morreu, você se envolve com os dramas e problemas dessas três famílias, que envolve situações complicadas em seu mais alto nível. O sucesso foi tão grande que, de minissérie, a HBO resolveu transformá-la em série e já encomendou uma segunda temporada. Você consegue conferir os episódios na HBO Go.

Imagem: HBO

Feud: Bette and Joan (Indicada a Melhor Minissérie)

Outro grande nome na TV em 2017, Feud é mais uma criação de Ryan Murphy. Em formato de antologia, a série do FX se permite em abordar a história de rivalidade das atrizes Bette Davis e Joan Crawford. O mais interessante de Feud é a forma como aprofunda a divergência entre essas grandes atrizes, dando uma perspectiva dos bastidores do cinema na década de 1960, onde ambas lutavam por um lugar ao Sol, vindo de uma era já considerada ultrapassada naquele momento. Feud é daquelas séries para se devorar em um dia. Os episódios estão disponíveis no FOX Play.

Imagem: FX

The Good Doctor (Indicada em Melhor Ator Drama, com Freddie Highmore)

Uma das queridinhas da TV norte-americana, atualmente, é The Good Doctor. O drama, inspirado na série coreana de mesmo nome, trouxe Freddie Highmore no papel de um médico autista, que sofre os mais variados preconceitos ao entrar em um importante cargo de cirurgião de um hospital da Califórnia. Além dos dramas dos pacientes, o programa se propõem a abordar as dificuldades do autismo, com um tom diferente, leve, mas ao mesmo tempo impactante. Highmore, que passou anos ignorado com Bates Motel, já fisgou sua indicação ao Globo de Ouro com apenas meia temporada. A série ainda não chegou no Brasil.

Imagem: ABC

Outlander (Indicada em Melhor Atriz Drama, com Caitriona Balfe)

Com uma mixagem britânica/americana, Outlander é daquelas séries perfeitas para se maratonar. A história é envolvente, mostrando uma enfermeira – interpretada por Caitriona Balfe, que serviu durante a Segunda Guerra Mundial. Após tentar reaproximar-se do marido ao viajar para Escócia, ela acaba viajando no tempo por meio de magia – e indo parar 200 anos antes. Em 1743, ela se vê sozinha e desesperada – e é onde conhece o jovem Jamie Fraser, com quem passa a viver um tórrido romance – com direito a impactantes cenas de sexo. Você confere a série no catálogo do FOX Play.

Imagem: Starz

GLOW (Indicada em Melhor Atriz Comédia, com Alison Brie)

GLOW seria apenas mais uma comédia descompromissada da Netflix, se não fosse pela mensagem de luta (literalmente) que passa em sua história. Ao abordar a produção de uma programa de luta livre feminina da década de 1980, GLOW é um prato cheio para tratar de assuntos importantes como a busca de direitos da mulher, o aborto e outros assuntos que eram considerados tabus, em uma era em que a mulher ainda precisava ficar em casa. Alison Brie se destaca em meio a elenco, que é do mais variado. Com direito a uma excelente trilha sonora, GLOW é aquele tipo de série para você assistir em casa, em um sábado a tarde, devorando um balde de pipoca. Está esperando o quê?

Imagem: Netflix

E então? Partiu maratonar?

O Globo de Ouro será exibido no Brasil neste domingo (07), a partir das 22h pela TNT.

Confira TODOS os indicados de TV na premiação.

Comments

comments

About Anderson Narciso

Anderson Narciso
Mestre em História, apaixonado por mídias, é o editor responsável e idealizador do Mix de Séries. Eterno órfão de Friends, One Tree Hill e ER, acompanha séries desde que se entende por gente. No Mix é editor de colunas e de notícias, escreve a coluna 5 Razões e resenha a série Gotham.