Crítica: Episódio 13×22 de Supernatural é eletrizante

Imagem: CW/Divulgação

Estou realmente surpresa com este episódio! Há muito tempo não via algo com tanta emoção!

O episódio 22, intitulado Exodus, não deixou a desejar com relação ao anterior. Foi consistente, coerente com todo o enredo anteriormente apresentado. Teve emoção e uniu, de uma só vez, vários personagens que haviam morrido.

Nesse capítulo, Lúcifer tenta convencer Jack de que ele não é o vilão, como todos dizem ser – e o Jack se deixa levar pela lábia do seu querido papai.

Enquanto isso, Dean tenta convencer Mary a voltar para casa, mas ela se recusa, pois não quer deixar seus novos companheiros de luta à mercê de Miguel.

Assim, Sam decide que todos os que lutaram ao lado de sua mãe iriam para o bunker dos Whinchesters, onde poderiam reunir armas e conhecimento o suficiente para derrotar o grande vilão. Para a surpresa dele e de Dean, todos concordam com a ideia.

Eles se encaminham, então, para o local em que a fenda temporal se encontrava. Os últimos que faltavam para entrar eram Sam, Dean, Lúcifer e Gabriel quando Miguel chega.

Gabriel se sacrifica para salvar Sam e Dean.

Em um ato surpreendente de heroísmo, Gabriel lutou com Miguel e se sacrificou para salvar os Whinchesters. E, a seguir, tivemos o momento que eu mais gostei do episódio: Sam impedindo Lúcifer de atravessar o portal.

Já no bunker, todos comemoravam a vitória, sem saber que, do outro lado, Lúcifer e Miguel faziam um acordo e se tornavam aliados (fiquei chocada nessa parte! Já esperava que o Miguel matasse o irmão, mas me esqueci dessa capacidade do Lúcifer de se adequar às adversidades para se sair bem das situações).

Também gostei muito de quando o Bobby fez o discurso, falando que os que haviam morrido lutando não seriam esquecidos.

O que vocês esperam do episódio 23, o último da temporada?

Exodus

Nota do Episódio - 10

10

Review do vigésimo segundo episódio da décima terceira temporada de Supernatural, da CW, intitulado "Exodus".

User Rating: Be the first one !

About natalia