80 anos de Superman: confira as versões do personagem na TV

Imagem: Divulgação

Superman está apagando as velinhas…

É um pássaro? É um avião? Não, é o Superman que completou 80 anos de vida essa semana. Caramba, 8 décadas entretendo o público em?

Tanta coisa aconteceu desde que Jerry Siegel e Joe Shuster criaram o personagem lá em 1938. Muitas foram as adaptações, versões e repaginações do herói. Ele perdeu as cuecas por cima da calça, mas nunca a vontade de defender a “verdade, justiça e moral americana“.

Criado para ser um símbolo de esperança aos Estados Unidos, que havia enfrentado há pouco tempo a crise de 1929, e ainda via grandes proporções com a participação na Segunda Guerra Mundial, o personagem se tornou algo muito maior do que seus produtores imaginaram.

Hoje, é um ícone da cultura pop, e encanta crianças, adultos, idosos… ou seja, todas as idades!

Em comemoração, lembraremos as passagens do personagem pela TV, que não foram poucas. Talvez seja a mídia em que o personagem mais se consolidou, apesar do público ter mesmo na memória a versão que o saudoso Christopher Reeve fez para os cinemas.

A primeira adaptação…

Essa foi a primeira versão live-action do herói. Em 15 capítulos, Superman (1948) foi distribuída pela Columbia Pictures, e era exibida em matinês. Os episódios sempre terminavam com um gancho, a fim de trazer o público para o próximo episódio. Aqui, foi interpretado pelo ator Kirk Alyn. Por conta do baixo orçamento, as cenas onde o Superman voava eram feitas em animação, e se tornou uma das grandes marcas da série.

Imagem: Columbia

A primeira série de TV!

Aqui, temos a primeira versão oficial do Superman para a TV. Interpretado por George Reeves, o personagem título de As Aventuras do Superman conquistou o público de todo o mundo. Com 6 temporadas, a série foi exibida pelo canal Syndication, em preto e branco entre 1952 e 1954, e posteriormente até 1958 pela ABC, em cores. Reeves ganhou fama pelo papel, mas a série enfrentou diversos problemas: roteiro, orçamento – os atores ganhavam 200 dólares por episódio, além de bastidores conflituoso. O cancelamento da série em 1958 deixou Reeves deprimido, uma vez que ele não conseguia novos papéis por conta do personagem. O ator foi encontrado morto em 1959 com um tiro na cabeça.

Imagem: ABC/Divulgação

Após esse período, o Superman enfrentou um grande hiatus na TV. Na década de 1970, retornou aos holofotes com o filme Superman (1978) de Richard Donner, com Christopher Reeve no papel título. Até hoje, é considerada a versão definitiva do herói.

De volta à TV!

En 1988 o personagem retornaria à TV sob a forma de Superboy. Pegando carona no sucesso que os filmes de Christopher Reeve fez, os produtores resolveram criar um “spin-off” que contava as aventuras do herói na sua adolescência. John Haymes Newton interpretou o herói na primeira temporada, enquanto Gerard Christopher interpretou o herói a partir da segunda temporada. Tendo durado quatro anos, a série não é bem vista pelos fãs do herói, apesar de ter sido extremamente popular na época quando foi exibida pela CBS. Foi cancelada em 1992 devido à uma batalha judicial de direitos autorais entre o produtor Ilya Salkind e a Warner Bros., que já estava produzindo sua própria série de TV do Superman.

Imagem: CBS/Divulgação

As novas Aventuras do Superman…

A ABC retomou o personagem, junto a Warner Bros. com Lois & Clark. A versão deu uma repaginada do herói, e trazia um ar de modernidade para as histórias do azulão. Entretanto, o foco da série não era o Superman em si, mas os casos que Clark Kent (Dean Cain) e Lois Lane (Teri Hatcher) investigavam. A química do casal protagonista era incrível, e a série foi muito elogiada pelo público. Durou quatro temporadas até ser cancelada com um final em aberto, onde Lois e Clark, após casados, encontram um bebê em sua porta…

Imagem: ABC/Divulgação

A mais longa jornada do herói na TV!

Em 2001 foi lançada aquela que seria a maior jornada do personagem na TV. Smallville teve dez temporadas, e contava a história do herói em sua adolescência. Estrelada por Tom Welling, a série foi responsável por introduzir uma série de mudanças como a amizade de Lex Luthor e Clark Kent na adolescência, assim como Lois Lane descobrir os poderes e a identidade de Clark, antes dele se tornar o Superman. Exibida pela WB, e posteriormente na CW, no Brasil ficou bastante popular pelo SBT.

Imagem: CW

Participação em Supergirl!

A mais recente aparição do herói foi na série da Supergirl, produzida pela CW. O personagem ficou responsável pelo ator Tyler Hoechlin, que foi bastante elogiado pelo público. Os fãs, inclusive, pediram uma série solo do herói, mas provavelmente será impossível, uma vez que a Warner quer que o público se identifique com a versão dos cinemas feita por Henry Cavill.

Imagem: CW/Divulgação

Superman sem Superman…

Ainda temos a série Krypton, que estreou pela Syfy em 2018. A série vem contando a história de Seg-El, o avô do Superman. Tem agradado a crítica, principalmente ao inserir elementos da história do Superman como o vilão Brainiac, além de mostrar a fundo a história do Planeta natal do herói (leia nossa crítica aqui).

Imagem: Syfy

Leia maisCCXP18 anuncia comemoração oficial dos 80 anos de Superman

About Anderson Narciso

Anderson Narciso
Mestre em História, apaixonado por mídias, é o editor responsável e idealizador do Mix de Séries. Eterno órfão de Friends, One Tree Hill e ER, acompanha séries desde que se entende por gente. No Mix é editor de colunas e de notícias, escreve a coluna 5 Razões e resenha a série Gotham.