Audiência – Análise de 25/08 a 31/08: Greenleaf, Younger, Bodyguard e muito mais

Análise, Audiência, Análise de Audiência, Greenleaf, Younger, Bodyguard
Imagem: OWN/Divulgação; TV Land/Divulgação; BBC One/Divulgação

Com o final oficial da Summer Season, uma vez que os Estados Unidos comemora o dia do trabalho nesta segunda-feira (03), veremos os canais da TV aberta se prepararem para os retornos.

Daqui para frente teremos o início da temporada regular da NFL (e consequentemente do Sunday Night Football e da Thursday Night Football), assim como os finais de algumas séries pouco expressivas dessa temporada que termina.

Por isso, temos como destaque nessa semana o Season Finale de Younger; a estreia de Bodyguard no Reino Unido, o retorno de Greenleaf e muito, muito mais.

Vamos aos números?

ABC

O bloco de game shows da ABC competiu, pela primeira vez desde sua reestreia, com uma concorrência de verdade. O que foi? A NBC colocou estreando o Sunday Night Football para temporada 2018-19. Celebrity Family Feud retornou de uma semana de folga com uma alta (+0.1/1.1); The $100,000 Pyramid também ganhou em relação há semana passada com 0.1 para 0.9. Por fim, To Tell The Truth subiu 0.2 para 0.8. O que tais resultados sugerem? A ABC ganhou a noite quanto a programação não esportiva.

Na segunda-feira, Bachelor In Paradise venceu a noite com um demo de 1.3, uma subida de 0.1 em relação há semana anterior. A subida, entretanto, não ajudou o Season Finale de The Proposal. O reality show despediu-se do seu primeiro ano com estáveis, porém desanimadores, 0.5 no demográfico alvo. No dia seguinte, Bachelor In Paradise registrou 1.1, uma estabilidade em relação com a última terça-feira, assim como Castaways com 0.5.

Season Finale de The Gong Show ficou estável com 0.4, mesmos números de Take Two há duas semanas atrás.

NBC

Com uma competição à altura, American Ninja Warrior ficou a poucos décimos de vencer a ABC às 20h. O reality show subiu de 1.0 para 1.1 no demo, mas registrou um Season High no total de telespectadores: foram 5.81 milhões de pessoas, que também foi a maior da noite.

Na terça-feira, clamando seu posto de maior audiência da Summer SeasonAmerica’s Got Talent, sofreu uma forte queda para 1.9 (-0.2). Mais tarde, Making It não perdeu tanto ao cair apenas 0.1 para 0.8. Na quarta-feira, a segunda exibição de America’s Got Talent na semana fez 1.5, uma queda de 0.1 em relação há semana anterior, mesma queda nos números de World of Dance (1.1).

Continua após a publicidade

FOX

Depois de uma Series LowSo You Think You Can Dance? subiu 0.1 para 0.6. Na quarta-feira, uma nova exibição dupla do MasterChef registrou 1.0 em ambas as horas, praticamente estável com os números da semana passada (0.9/1.0).

CBS

No domingo, Big Brother ficou estável em 1.6. Na segunda-feira, Elementary subiu 0.1 dos 0.4 que vinha marcando nas últimas semanas para bons 0.5 num momento que a temporada se encaminha para reta final.

Mais tarde, Salvation continuou estagnada nos medonhos 0.3. Na quarta-feira, Big Brother manteve a estabilidade com um demo de 1.6, enquanto na quinta-feira (30), o reality show despencou 0.3 para 1.3.

Na sexta-feira, noite estável para emissora: TKO: Total Knock-Out permaneceu nos bons 0.5 no demográfico alvo, assim como Whistleblower subiu 0.1 para 0.4.

CW

Na segunda-feira, Penn & Teller: Fool Us (0.4) subiu 0.1 em relação a semana anterior, enquanto Whose Line is it Anyway? (0.3) ficaram estáveis com suas exibições anteriores. Na terça, The Outpost subiu de 0.1 para 0.2. Na sexta-feira, Masters of Illusion ficou estável em 0.2, algo positivo numa noite com pouquíssimas pessoas em frente a televisão.

TV a Cabo

Imagem: Divulgação

No domingo (26), Sharp Objects não se mostrou como a nova Big Little Lies. No entanto, a boa notícia para minissérie é que ninguém realmente esperava que isso iria acontecer. O final registrou 0.52 no demo, uma subida de 0.14 em relação a semana anterior e 0.06 a mais do que os números da estreia.

Ainda na HBO, Ballers ganhou 0.03 para 0.42 e Insecure subiu 0.07 para 0.36. Na AMC, Fear The Walking Dead caiu 0.02 para 0.61, onde sua sucessora, Preacher (no Season Finale) subiu 0.03 em relação há semana anterior, mas despencou 0.06 se comparamos com o final de 2017.

No seu episódio mais importante da temporada, Power registrou 0.59, que infelizmente não foram transferidos para America to Me, nova minissérie-documentário que estreou com meros 0.08. Encerrando os destaques de domingo, Keeping Up with the Kardashians ganhou 0.02 indo a 0.48.

Na segunda-feira (28), Better Call Saul caiu mais um pouco (-0.04) para 0.39, mesmo caminho feito por Lodge 49 que caiu para 0.10. Na terça-feira, Wrecked continua caindo na TBS. Desta vez foram 0.07, levando a comédia para 0.29, um Series Low que ninguém gosta de marcar. A Season Finale de Younger marcou 0.22, os mesmos números da semana anterior, mas 0.07 menores do que o Finale de 2017.

A estreia de Greenleaf no dia e horário certos fez 0.32, uma queda de 0.06 daqueles feitos na Season Premiere (abaixo) e 0.04 em relação ao mesmo lançamento de 2017. Ainda na quarta-feira, The Sinner perdeu 0.03 para 0.28, enquanto Suits despencou 0.09 para 0.23. Na quinta-feira, Jersey Shore liderou apesar de uma queda de 0.03 para 0.80.

Queen of the South ficou estável na USA Network (0.37), ao mesmo tempo que Shooter subiu para 0.18. No FX, por fim, Snowfall caiu para 0.35.

Notas do Acúmulo:

Yellowstone: O drama estreante que venceu a Summer Season com muita folga impressionou mais uma vez. A Season Finale exibida no último dia 22 de agostou bateu recordes em todos os demográficos mais importantes. Com a soma do L+3, foram: 1.5 em 18-49 anos; 1.5 com mulheres de 18-49 anos; 2.0 com mulheres de 25-54 anos e 4.8 milhões de telespectadores no total, se tornando o mais assistido da série até aqui.

CNN: Mesmo sendo o pior mês de audiência para qualquer canal, agosto foi bom para CNN. A emissora teve seu segundo melhor agosto em total de telespectadores na sua história com diversos programas batendo recordes. Além disso, o canal venceu a MSNBC no demo alvo (25-54 anos) e no total de pessoas durante a média geral do dia. The Lead e State of the Union, ambos apresentados por Jake Tapper, ficaram em primeiro lugar em ambas as métricas.

The Good Doctor: Desde quando estreou em mercado, a série médica se tornou um sucesso. Foi líder em julho e líder em agosto. O drama beneficiou-se do fim das férias de verão, período que geralmente atrai a pior audiência da televisão no país e as emissoras apostam em reprises. A boa fase foi tamanha que observou-se um aumento de 150 mil telespectadores e de 07% de share se compararmos com o mesmo período de 2017.

Curiosidade: Segundo a Nielsen Music, o 2018 MTV Video Music Awards deu uma excelente plataforma aos cantores convidados. Na semana que terminou na quinta-feira (23/08), as músicas apresentadas na cerimônia cresceram 41% em vendas nos Estados Unidos. Os artistas que mais se destacaram foram: Logic (One Day com 250%); Jennifer Lopez (150%) e Shawn Mendes (In My Bloods com 66%).

Continua após a publicidade

Internacionais

Imagem: Divulgação (06)

Novelas são (e pelo visto continuarão sendo) um fenômeno na América Latina, não só no Brasil. Isso porque Na quinta-feira (23) chegou ao fim no Chile o folhetim Perdona Nuestros Pecados. Ficando em primeiro lugar no horário nobre desde quando estreou em março de 2017, a produção despediu-se com 32 pontos, se tornando a novela mais assistida do país desde 2009 quando ¿Dónde está Elisa? alcançou 34.7 pontos para TVN.

Como esta coluna previu, a estreia de Bodyguard foi um fenômeno. A estreia da minissérie atraiu 6.7 milhões de pessoas (a maior do ano no país), enquanto o segundo episódio na segunda-feira (27) foi vista por 6.4 milhões de telespectadores. Com um grande apoio da crítica, inclusive da ex-secretária de interior do Reino Unido, já se fala em 2ª temporada.

A última semana de O Outro Lado do Paraíso em Portugal começou vencendo a TVI com uma boa diferença (300 mil telespectadores), além de uma média de 5.6 de rating e 24.2% de share. Em números totais, 545 mil pessoas assistiram o início do fim de um folhetim bem sucedido tanto dentre os lusitanos quanto os brasileiros.

A nova temporada de The Great British Bake Off estreou com uma audiência total de 06 milhões de telespectadores, uma diferença de 400 mil pessoas em relação ao Season Premiere de 2017 e de impressionantes 04 milhões dos números alcançados pelo reality show enquanto este estava no ar pela BBC One.

Análise Especial da Semana: Greenleaf

Greenleaf, OWN
Imagem: OWN/Divulgação

Quando Greenleaf estreou em 2016 pelo ainda tímido OWN, muitos analistas ficaram surpresos uma vez que a série entregou os melhores números da história da emissora. 3.04 milhões assistiram ao Series Premiere</em


>, sendo impressionantes 2.1 no principal demográfico da emissora: mulheres de 25 a 54 anos.

Gigantesco, porém esperável haja vista que o drama reúne todos os elementos que o telespectador americano clássico gosta de assistir no horário nobre. A ambientação é no Tennessee (longe dos grandes centros, portanto), religião é um dos pilares da história e temos a narrativa centrada numa dinastia rica. É uma fórmula que funciona desde os tempos das versões originais de Dallas Dynasty.

A 2ª temporada já apresentou uma leve (e esperada) queda – foram “apenas” 1.63 milhão de pessoas, uma redução de 42.6%. E no terceiro ano, que estreou na última terça-feira (28), vimos a série subir no total de telespectadores (1.63 milhão x 1.73 milhão), mas apresentar uma pequena queda no demográfico alvo: foram 0.48 em 2017, mas 0.38 desta vez.

Há uma explicação muito simples: em 2017 a série foi ajudada por um lead in muito mais forte do que agora. The Have and The Have Nots registrara 0.64, enquanto desta vez foram 0.42. Simples assim. No entanto, é bom ressaltar que Greenleaf é extremamente importante não só para o OWN, quanto para a Lionsgate TV, sua produtora.

A distribuição é feita internacionalmente através da Netflix, o que rende milhões de dólares para ambas as partes. Da mesma forma que consegue atrair um bom engajamento nas redes sociais.

Históricos de Season Premiere 

1ª temporada (1×01) – 0.84 no demográfico alvo (18-49 anos) / 2.85 milhões de telespectadores

2ª temporada (2×01) – 0.48 no demográfico alvo (18-49 anos) / 1.63 milhão de telespectadores

3ª temporada (3×01) – 0.38 no demográfico alvo (18-49 anos) / 1.73 milhão de telespectadores

O que veremos na próxima semana: CNN estreia o longa RBG no Dia do Trabalho; Avenida Brasil estreia no Chile pela Mega TV; fim da linha para Adventure Time e muito mais.

About Bernardo Vieira

Catarinense e estudante de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.