Audiência – Análise de 21/07 a 27/07: Nashville, The Four, Burden of Truth e mais

Audiência, Análise de Audiência, Nashville, The Four, Burden of Truth, Justiça
Imagem: CMT/Divulgação; Fox/Divulgação; CW/Divulgação; Globo/Divulgação

Em uma semana bastante agitada, vindo do noticiário da TV a Cabo com Roseanne Barr apelando para Fox News e presidente grampeado na CNN, a TV aberta desfrutou tranquilidade. É verdade que tivemos mais notícias ruins (Trial & Error TKO) do que boas (como The Four), mas tudo estava praticamente estável com a semana anterior.

O grande destaque, entretanto, ficou com a TV fechada com o Series Finale de Nashville. Apesar de vermos números pequenos se compararmos com aqueles que a série fazia na ABC, criativamente falando foi o final que merecíamos. A audiência gostou, a CMT cresceu muito com o investimento e a televisão é melhor por isso. Mas ainda temos análises sobre a despedida de GhostedThe Last Defense e mais.

Tudo isso e muito mais na coluna desta semana. Vamos aos números?

ABC

Mostrando quem manda nos domingos, como de costume, os game shows venceram novamente. Com um crescimento geral de 13% em relação a semana passada, vimos Celebrity Family Feud subir 0.1 para 1.1 enquanto The $100,000 (0.9) e To Tell The Truth (0.8) ficaram estáveis. Depois de entregar um Season High na semana passada, The Bachelorette caiu grandiosos 0.2, ficando com 1.4, o que não afetou (nem um pouco) os resultados de The Proposal, que (mais ou menos) estabilizou em 0.6. Apesar de uma leve queda, os reality shows garantiram a sexta vitória consecutiva para ABC na segunda.

Na terça-feira, The Last Defense despediu-se com seus piores números até agora: 0.3 no demográfico alvo, algo que realmente não sinaliza um retorno. Já na quinta-feira, tivemos a programação da emissora voltando ao normal. Porém, entregando os mesmos números de sempre. The Gong Show com 0.5, Match Game com 0.6 e Take Two com baixos 0.4. Mesmo movimento foi feito na sexta-feira com Quantico (0.4) e What Would You Do (0.5) repetindo os resultados da semana anterior.

NBC

A noite começou com uma reprise de Little Big Shots com 0.4, mas porque isso é importante? Na semana passada, um original de Running Wild with Bear Grylls fez apenas 0.3. Mais tarde, às 22h, Shades of Blue teve uma pequena alta de 0.4 para 0.5. Na segunda-feira, American Ninja Warrior perdeu 0.1 em virtude da forte competição vindo da TV a Cabo, mas ainda assim com respeitáveis 1.0 no demo alvo.

Na terça-feira, America’s Got Talent perdeu 0.1, mas dominou a noite (e a semana) com grandiosos 2.0 no demo, enquanto World of Dance perdeu 0.1 para 1.2. Já na exibição de quarta-feira, o reality show desabou ainda mais, desta vez 0.2 para 1.0, que não foram suficientes para tirar Reverie do lugar (0.4).

Mostrando que qualidade normalmente não é sucesso, Trial & Error flerta ainda mais com um cancelamento ao marcar medonhos 0.4 em ambas as exibições, quedas expressivas de números medianos do Season Premiere.

Continua após a publicidade

FOX

Series Finale de Ghosted marcou 0.4, uma queda de 20% em relação a semana anterior. Tais números representam um final melancólico para um projeto que, nos Upfronts de 2017, era a principal aposta da emissora para continuar em primeiro lugar entre a audiência mais jovem. Na segunda-feira, So You Think You Can Dance repetiu seu Series Low em 0.6 no demográfico alvo. Já no dia seguinte, Beat Shazam (0.7) e Love Connection (0.5), ambos estáveis.

Enquanto na quarta-feira, vimos MasterChef (1.0) segurar-se com 1.0 no demo alvo, mas 24 Hours To Hell & Back cair 0.1 para 0.9. Porém, o grande destaque da emissora para esta semana (e talvez da temporada) é The Four, que manteve seus 0.9 da semana passada, um Season High que todo executivo adora admirar.

CBS

No sábado (21), as comédias canceladas da CBS repetiram os resultados da semana anterior: os três episódios de Me, Myself & I (0.2) e o solo de Living Biblically (0.2). Exprimida entre reprises, Big Brother fez um demo de 1.5, uma subida em relação a semana anterior de 0.1. Na segunda-feira, uma estabilidade apesar de números medíocres, Salvation com 0.3 e Elementary com 0.4.

Na quarta-feira, o Big Brother ganhou 0.1 para 1.5, demonstrando que a competição está realmente empolgando. Mas que o mesmo não pode ser dito de TKO: Total Knock-Out, cuja audiência despencou grandiosos 0.2 para 0.6, uma Series Low e uma indicação que a nova aposta de Mark Burnett não deu muito certo. Pelo menos no mercado americano. No dia seguinte, Big Brother caiu 0.1, repetindo os 1.5 do dia anterior.

Na sexta-feira, por fim, Whistleblower entregou estáveis 0.4.

CW

Na segunda-feira (23), tanto Penn & Teller: Fool Us quanto Whose Line Is It Anyway ficaram estáveis com 0.3. Recuperando-se após uma forte queda, The 100 ganhou 0.1 para 0.3, enquanto The Outpost caiu 0.1 para 0.1. Já na quarta-feira, tivemos a estreia de Burden of Truth, uma série importada do Canadá (e estrelada por Kristin Kreuk, de Beauty and the Beast). O drama fez respeitáveis 0.2 no demo e foi visto por 930 mil pessoas, o maior da CW na semana. Para fechar a semana em boa forma, Masters of Ilussion ficou bonitinha nos 0.2.

Formato de sucesso

Exatlon- Estados Unidos
Imagem: Telemundo/Divulgação

Estreou na semana passada, Exatlon: Estados Unidos, versão local do formato que a Band exibiu no Brasil como Exatlon: Brasil. Assim como aqui, o programa fez bonito com os telespectadores americanos. Exibida pela Telemundo, o reality show liderou o horário nobre em dois demográficos (18-49 anos e 18-34 anos) dentre os concorrentes de língua espanhola (Univísion, TV Azteca e UniMas).

Sem contar que ficou no segundo lugar geral, perdendo apenas para a NBC. Em relação a mercados locais, a atração liderou nos três principais mercados latinos Los Angeles, New York e Miami independente de língua. Mas quando reduzido apenas para os tais, Exatlon deu o primeiro lugar para Telemundo em San Francisco, Orlando; Philadelphia, Washington, DC, Tampa e Boston.

TV a Cabo

Imagem: Divulgação

Com poucos destaques na TV a Cabo no sábaod (21), nosso grande destaque fica com Justice with Judge Jeanine da Fox. Embora sempre lidere com folga a CNN e a MSNBC no horário, o programa cresceu em todos os demográficos principais. Além disso, atraiu a atenção de 2.5 milhões de pessoas (um recorde). Bem a frente do que o primeiro colocado em adultos de 18 a 49 anos (Live PD) fez – 2.06 milhões. O que justifica essa subida? A apresentadora teve uma discussão épica na frente, e por trás das câmeras, com Whoopi Goldberg durante a semana anterior no The View enquanto tentava divulgar seu novo livro e defender o presidente Trump.

Já no domingo, tivemos Power ficando no topo mais uma vez, apesar de uma pequena queda de 0.08, ao registar 0.57. Na TNT, Claws subiu para 0.25, enquanto Pose terminou sua primeira temporada com estáveis 0.25 para o FX. Com grande expectativa para sua terceira semana, Sharp Objects ficou curiosamente nos seus mesmos 0.28 no demo alvo, suficiente para fazer Succession subir para 0.17.

Recuperando-se desde o retorno, Preacher cresceu 0.05 para 0.26, mas The Affair caiu para 0.08. Na segunda-feira, Dietland continua afundando ao cair 0.02 para alarmantes 0.06 no demográfico alvo. Já na terça-feira, Animal Kingdom caiu 0.05 para 0.36; Younger subiu para 0.18 e The Bold Type também respirou 0.03 para 0.15. No dia seguinte, Yellowstone subiu 0.02 para 0.33, enquanto Suits caiu fortes 0.06 para 0.22 na USA Network.

Saindo com força

Nashville ganhou 0.02 para 0.17 no seu Series Finale.

Snowfall despencou 0.09 em relação ao seu Season Premiere, mas ainda conseguiu entregar respeitáveis 0.39 no demográfico alvo. Na USA Network, Queen of the South caiu 0.05 para 0.35, assim como Shooter que perdeu fôlego (-0.04) para pequenos 0.15. Encerrando a semana, Cloak & Dagger, cresceu 0.04 para 0.19.

Notas do Acúmulo:

MasterChef: De 16 até 18 de julho, o reality show da Fox cresceu em 40% quando adicionados os números do L+3 (acumulado de três dias). Tal crescimento fez com que o programa subisse de 1.0 para 1.4, a maior marcação no demo alvo da quarta-feira (18), perdendo apenas para o ESPYs.

El Lobista: Uma co-produção entre a TNT América Latina, Cablevisión e a Pol-ka surpreendeu. Disponibilizada na plataforma digital Flow, da Argentina, a minissérie foi vista por 02 milhões de pessoas, sendo que 72% assistiu sobre a forma de maratona, isto é todos os cinco episódios de uma única vez. Tais resultados tornam o drama o mais assistido do ano, no serviço de streaming, na Argentina superando a sétima temporada de Game of Thrones.

Who Is America?: A estreia linear do novo programa da Showtime não foi aquilo que se esperava. No entanto, graças ao infalível efeito “boca a boca”, o mais novo trabalho de Sacha Baron Cohen é um sucesso. Isso porque, quando somados os números acumulados de sete dias em todas as plataformas (on demand, DVR e streaming), a atração ganha 1.8 milhão de telespectadores. Tal acréscimo faz com que o  Series Premiere tenha sido assistido por 2.8 milhões de pessoas, um salto de 179% dos resultados miseráveis da estreia.

Continua após a publicidade

Internacionais

Imagem: Divulgação (06)

Adotando uma estratégia diferente da primeira temporada, The Voice Kids UK terminou seu segundo ano numa final ao vivo no sábado (21). A atração foi vista por  7.72 milhões de pessoas, o que é praticamente o mesmo feito em 2017 onde 7.82 milhões sintonizaram no Season Finale. A ITV ainda não anunciou uma renovação, mas parece quase certo. Outro destaque do Reino Unido continua sendo Love Island, sendo que até a Vanity Fair concorda.

Já no domingo (22), vimos Australian Ninja Warrior entregando seus melhores números até agora ao ser assistido por 939 mil pessoas, um Series High. Já na segunda foram 888 mil telespectadores, sendo 778 mil na terça-feira.

Na Alemanha, o segundo episódio da 2ª temporada de This Is Us foi visto por 170 mil pessoas na segunda-feira (23). Uma queda pequena dos 200 mil que assistiram ao Season Premiere. Na mesma noite, o quinto episódio do 2º ano de MacGyver atraiu a atenção de 1.83 milhão de pessoas. Um pouquinho acima dos 1.81 milhão da semana passada.

Impressionando (inclusive este que vos escreve), The Good Doctor conquistou os espanhóis. O primeiro episódio foi visto por 2.8 milhões de pessoas e registrou um share de 20.4%. Quanto a segunda semana fez? 3.5 milhões de telespectadores e um share de 25.8%.

Estreando na Colômbia na última segunda-feira (23), Justiça fez bonito. Enfrentando forte concorrência de um popular El Señor De Los Cielos, a minissérie fez 3.9 no rating (4.29 mil pessoas); fez 3.5 na terça; 4.1 na quarta e 3.8 na quinta.

O que veremos na próxima semana: Demi Moore surpreende no The Comedy Central Roast of Bruce Willis; Kendrick Lamar faz uma visita em Power; BBC Three estreia a 4ª temporada de CuckooSummer Season entra no seu último mês.

About Bernardo Vieira

Catarinense e estudante de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.