Audio de bastidores revela briga feia entre protagonistas de Máquina Mortifera

Imagem: FOX/Divulgação.

Áudio foi publicado pela Variety

Após toda a confusão envolvendo a demissão do ator Clayne Crawford da série Lethal Weapon (Máquina Mortífera, no Brasil), a Variety publicou uma matéria onde mostra um áudio contendo surtos explícitos do ator nos bastidores da série.

O áudio mostra duas situações. Em uma, há uma briga com palavrões entre Crawford e sua co-estrela, Damon Wayans, e em outro Crawford surta com a produção do programa ao perceber que havia uma conversa alta atrapalhando seu trabalho como diretor, em um dos episódios da série.

Continua após a publicidade

Atenção, esta transcrição é de conteúdo explícito e forte:

Na primeira conversa, Clayne chama Damon de “Pussy” (vagina, em inglês), tentando chamá-lo de “mulherzinha” após as gravações em que Clayne foi diretor e Damon teria se machucado com um caco de vidro. Logo em seguida, Clayne diz que Damon é o mais “bebê chorão” que ele já conheceu na sua vida, e Damon irritado pede para que Clayne “chupe seu pênis”. Foi então que Clayne perguntou a Damon como ele se sentia sendo ator somente porque os irmãos dele fazia sucesso, e Damon então manda Clayne “se fuder”.

Já no segundo momento, Clayne está dirigindo uma cena tensa de um dos episódios de Máquina Mortífera, quando ele percebe que há um barulho o atrapalhando. Ela então começa a surtar com a produção, pedindo com palavrões que eles “calassem a boca”. Além disso, destaca que eles estão pagando um aluguel pelo local da gravação, e que eles precisam de silêncio.

Assista ao vídeo:

Imprensa destacou que denúncias partiram do próprio Damon Wayans

Uma matéria publicada pela Page Six recentemente sugere que as “fontes anônimas” eram, na verdade, Damon Wayans, colega de cena de Clayne. De acordo com a reportagem, Wayans estaria preocupado com o crescente destaque que o co-protagonista vinha ganhando.

Sabendo que seu contrato estava perto de expirar no início do segundo trimestre, Damon teria vazado determinadas informações para membros da imprensa especializada e encorajado outros membros da produção a fazer o mesmo. A intenção era uma só: de diminuir o prestígio de Clayne atacando sua imagem.

Continua após a publicidade

Vale lembrar, entretanto, que nenhuma das denúncias contra Crawford são inverdades. A Warner Bros. TV recebeu tais denúncias e investigou-as para atestar sua veracidade. E por isso tomou a decisão de não renovar o contrato de Clayne e demiti-lo da produção.

Leia mais: Saiba tudo sobre as brigas nos bastidores de Máquina Mortífera

About Anderson Narciso

Anderson Narciso
Mestre em História, apaixonado por mídias, é o editor responsável e idealizador do Mix de Séries. Eterno órfão de Friends, One Tree Hill e ER, acompanha séries desde que se entende por gente. No Mix é editor de colunas e de notícias, escreve a coluna 5 Razões e resenha a série Gotham.