Bake Off Brasil – 3×12 – Apertem os cintos, turbulência a caminho

Imagem: Artur Igrecias/SBT/Divulgação

Depois de uma rápida pausa por uma ótima causa, devido à exibição do Teleton,reality show mais doce da TV finalmente está de volta, e com gás total. Podemos dizer que essa uma semana de hiato foi o bastante para que tudo pegasse fogo por lá, e quase também que não foi no sentido figurado da coisa.

A prova criativa do programa tinha tudo para ser algo bem simples, afinal de contas os candidatos tinham que fazer um cheesecake. Gente, eu acho essa sobremesa sem muito segredos, e mesmo assim a galera ainda conseguiu transformar isso tudo numa verdadeira tragédia? Ah me poupe, vai.

O único ali, na minha opinião, que mandou super bem foi José. O rapaz continua em seu processo incrível de evolução, e soube entregar de forma espetacular o seu cheesecake. A maioria pecou e feio em seus pratos, como por exemplo Flávio. O mordomo encheu tanto o peito, dizendo que o povo tava inventando sabores, que investiria no clássico, e foi isso que pensei que aconteceria. Ele simplesmente entregou algo, que fiquei um bom tempo tentando processar se aquilo era uma sobremesa. Fasano foi até modesto, comparando a sobremesa a uma parmegiana, pois pra mim pareceu mesmo um órgão cheio de sangue, tirado de algum filme de terror.

Durante a prova criativa, o clima esquentou entre Marina e Gigi. A comissária de bordo insinuou que Perereca nunca havia andado de classe executiva na vida, e é claro que a ex-funkeira não deixou barato. As coisas ficaram intensa entre as duas, e a loira aproveitou o desafio técnico, para tirar satisfações com a rival. E vamos convir, chega de Gigi. Eu sempre queixei muito de Débora, mas a comissária está conseguindo superá-la no quesito mala sem alça. Seus comentários são cada vez mais desnecessários, e aos poucos, nem o povo da tenda lhe aguenta. Tudo ela quer problematizar, caçar pelo em ovo, e isso já está dando no saco.

De tanto que fica falando da vida alheia, além de plantar discórdia, seu cheescake foi um verdadeiro fiasco, com direito a uma ótima patada de Fasano. Se eu amei? Não preciso falar nada!

A prova técnica consistiu em outro desafio que dá vontade pegar as coisas e sumir do mapa. Os jurados pediram aos candidatos prepararem um porta-joias de açúcar, e é claro que boa coisa não sairia dali. Digamos que o pandemônio foi instaurado naquela tenda, e mais uma vez foi de se questionar a habilidade de alguns ali.

José e Karyne foram os que se saíram melhor, e o professor de luta mais uma vez adquiriu o avental de mestre confeiteiro, nada mais que justo. A surpresa ficou na berlinda, disputada entre Dario, Gigi e Richarles. Quando o primeiro citado ficou entre os três piores já me deu a revolta aqui, pois na minha opinião Ney era quem deveria estar ali, junto com as amiguinhas cobras, mas felizmente Beca salvou o candidato da Berlinda.

Pensa numa pessoa que torceu então para Gigi ter saído, mas infelizmente isso não aconteceu. Richarles foi eliminado mais uma vez, e por mais que eu não goste da Daenerys do Acre, não queria que ele saísse nessa semana. A cobra da amiga dele, e na sequência Ney tinham que ser prioridades, e o rapaz então ficando mais duas semanas a salvo.

Infelizmente não foi o que aconteceu, e isso me deixa preocupado. Dois dos três candidatos que voltaram da repescagem saíram logo após o acontecimento, e tenho medo de que Marina possa então ser a próxima a sair. Vamos torcer que não, e sim que seja a cobra nojenta, pois a hora dela já deu faz é tempo.

Por Eduardo Nogueira

Comments

comments

About Team Mix Reality

#TeamReality no Mix de Séries é responsável pelos realities shows.
  • Bruno D Rangel

    Achei bem feito Richarles ter saído, pois só não saiu semana passada por culpa da Karyne que pegou o recheio dele que tava péssimo e quase se ferrou. Fiquei feliz por ela ter ido bem essa semana e espero que dê mais um ânimo pra ela, que vinha mal há algumas semanas.

    Gigi nem preciso comentar. Eu realmente não entendo como ela se acha certa fazendo o que faz. Gostei rambém do tombo de Johanna que não foi tão bem. José vai se consolidando como um dos favoritos ao prêmio, mas minha torcida ainda é pra Marina, Karyne e Dario.

  • Kel de Melody

    Achei bem desnecessário todo esse show. A Marina não devia ter ido na bancada dela, mas a Gigi também não devia ter respondido daquela maneira. Depois tudo virou um showzinho (logicamente a produção botou um fogo a mais pra mostrar pra gente).
    Tirando tudo isso to achando que tem gente se revelando (Flávio não é tão humilde), gente decaindo (pobre Dário), gente evoluindo (José), gente mudando (Ney se aquietou e ta focando mais)… ou seja, o programa até que tá correndo bem (um favor seria uma dupla eliminação da Gigi e da Marina, obrigado!)