Big Brother Brasil 17×68/69/70/71/72/73 – E ganhou o coração

Chegou ao fim uma das temporadas mais polêmicas do Big Brother. Dividindo o Brasil ao meio – tipo a nossa política já fez, o resultado não agradou todos os espectadores, fazê o quê né gentes!

 Emilly é sim a vencedora por excelência, ninguém mais ali merecia o prêmio tanto quanto ela, aceitem que sério, dói bem menos.

“Aii mas essa menina é o capeta, irritante, egoísta, insuportável, se acha, mimimi, mimimi, mimimi…”, ela até pode ser metade dessa lista aí, porque muitas eu não concordo, mas vamos parar um pouquinho e pensar bem, o que seria do BBB 17 sem ela? Dona da temporada, ela movimentou a casa, criou as tretas, sofreu muito também, e saiu absoluta. Praticamente participou de todos os vt’s, e só sobre ela, poderíamos ver vídeos por horas.

Imagem: Twitter

Emilly não era a minha torcida lá no início, mas vou dizer se sou a rainha de torcer pelos excluídos. Pois é, isso mesmo, o Big Brother do Bullying Brasil foi cruel com a gaúcha. Com as desculpas de que Emilly era a pior pessoa na Terra, a reencarnação do capiroto, os grandes vilões dessa edição (na minha opinião), Roberta, Rômulo e Marinalva, conseguiram destruir todos os elos que ela  criou, conseguiram envenenar todos que estavam à sua volta, e o resultado desse recalque todo foi que ontem, na vitória de Emilly, nenhum deles foi abraçá-la. O bullying não acabou nem com Emilly vencedora, então não era só jogo, né?

Tivemos caso de abuso registrado pela polícia, e incentivado por quem estava lá dentro, quem estava aqui fora, e quem estava no comando. Sim, se por acaso se confirmar a questão dos remédios de Marcos não entregues pela produção, podemos culpá-la sim. Agora a culpa dos participantes lá de dentro pelo o que aconteceu, certamente morrerá no vento, poucos enxergam a responsabilidade de Ilmar, Mari, Roberta, Vivian, Rômulo e todos os outros no que aconteceu. Agora a culpa de Marcos realmente é visível, claríssima, e foi abuso sim. Já a culpa de Emilly que muitos falam na internet, eu não concordo, pois a vítima não tem culpa não.Campeã de menções na internet, dividindo o país – como já citamos, e gerando muitas polêmicas, mesmo que com pouca audiência tradicional – que só importa pra Globo mesmo, o BBB 17 foi um verdadeiro sucesso.

Imagem: Twitter

Mais do que Emilly como vencedora, podemos apontar outros grandes destaques, como Ieda, a vovó com a melhor pele do Brasil, jogadora master e ainda assim carismática – eu gosto tanto de Ieda que nunca consegui ficar com tanta raiva; Marcos, para o bem e para o mal, foi outro grande destaque, assim como Marinalva, que chegou com potencial de mocinha e saiu como uma vilã de respeito.

Mas vamos confessar que esse BBB tem outro vencedor além de Emilly, ele mesmo, Tiago Leifert. Ocupando o lugar de um ícone como Pedro Bial, ele chegou meio inseguro e logo viu que tinha pego uma verdadeira bomba, demorou muito para o pessoal aprender a respeitar Titi. Sem saber direito para onde ia, ele só acertou mesmo seus discursos no final, e acertou em cheio.

Imagem: Twitter

 Em uma temporada cheia de erros, o BBB 17 se mostrou um atual e relevante estudo de comportamento. Com ele vimos que o machismo tá aí, do nosso lado, que o limite do abuso é muito tênue, e que não é só dançando e fazendo sorriso que miss que uma vencedora é feita.

Parabéns, Emilly!

* E até o ano que vem amigos, até o BBB 18!

Por Letícia Bastos

Comments

comments

About Team Mix Reality

#TeamReality no Mix de Séries é responsável pelos realities shows.

Check Also

Meredith e Nathan ficarão juntos na 14ª temporada de Grey’s Anatomy? Confira…

Alguns fãs estão em dúvidas sobre os rumos que a décima quarta temporada de Grey’s Anatomy trará …

  • the rálk

    pior big brother de todos