Crítica: Entre fantasmas e reviravoltas, 2×07 de 9-1-1 finalmente apresenta visão de futuro

Haunted, 9-1-1
Imagem: Jack Zeman/FOX/Divulgação

Mudando o tom em 9-1-1

Pode não parecer, mas já estamos no sétimo episódio. Desde o Season Premiere, 9-1-1 mostrou-se quase tão instável do que eu imaginava. Os dois últimos episódios, por exemplo, foram um exemplo do que não fazer na construção e desenvolvimento de narrativa. Com Haunted, entretanto, temos a sinalização do que uma virada é realmente possível e está entre nós. É verdade que essa mudança ocorre nos minutos finais, mas ultimamente eu estou aceitando qualquer coisa positiva. Sabe o que é mais curioso? A primeira temporada também teve uma reviravolta positiva no seu episódio de Halloween.

Haunted, 9-1-1
Imagem: Jack Zeman/FOX/Divulgação

Bebendo da fonte do The Walking Dead, mas desta vez de uma forma mais cômica, o episódio começa num cemitério. Temos uma cena pastelão envolvendo um zumbi, que acaba de uma forma criativa e interessante. Reforçando um tom de humor que, infelizmente, faltou no episódio anterior. A narrativa segue bebendo nesse tema de Halloween, mas o roteiro sabiamente prefere falar de outros medos e fantasmas: aqueles reais e trazidos pela vida. É uma mudança drástica do que foi feito no ano passado. Lembram daquela moça surtada que matava as pessoas após ser abandonada pelo namorado? Pois bem, não temos nada disso aqui.

Acertando aos poucos

Todos aqueles personagens que vinham sendo esquecidos, ganham seu momento ao sol. Afinal de contas, o sol é para todos, não é mesmo? É o trio: Hen, Buck e Eddie. Cada um deles no seu nível, ritmo e intensidade. A que mais chama atenção, no entanto, é Hen. Acredito que, mesmo tendo me tocado mais por retratar parte dos meus problemas paternos, o roteiro respeito a história da personagem e desenvolveu com maestria. Com isso, nós nos emocionamos e entendemos a proposta. Nada de ficar piegas ou melodramático. Sabemos que é difícil trazer uma narrativa com tamanha profundidade e ser objetivo ao mesmo tempo. Porém, e no caso de Hen, 9-1-1 acerta em cheio.

Fico extremamente feliz em ver uma maior atenção para Eddie. Ryan Guzman é um ator pouco testado e explorado, seu maior sucesso foi um filme questionável com Jennifer Lopez (O Garoto da Casa ao Lado). Embora não tenhamos visto qualquer disposição em testar seu lado mais dramático, seu personagem ganhou a atenção que sempre mereceu. Temos uma chance de finalmente conhecer como que seu filho nasceu, onde está a mãe dele e o porquê eles estão separados. Confesso que mesmo frustrado em ver que a tensão sexual entre ele e Buck era uma fantasia distante, gostei das ideias e de como elas foram desenvolvidas.

Os minutos derradeiros do episódio trouxeram Buck voltando às origens. Finalmente deixando Abby no passado e se importando com aquilo que mais importa: ele mesmo. Pela promo do episódio abaixo nós temos uma ideia do que está por vir, mas pelo que assistimos em Haunted, posso dizer que eu estou aliviado com essa guinada. Espero, ou melhor, esperamos que seja permanente.

Haunted

Nota do Episódio - 8.5

8.5

Review do sétimo episódio da segunda temporada de 9-1-1, da Fox, intitulado "Haunted".

User Rating: Be the first one !

About Bernardo Vieira

Catarinense e estudante de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.