Crítica: Homeland fecha 7ª temporada com chave de ouro e se prepara para o fim

Imagem: Showtime

Homeland encerra sua sétima temporada preparando o terreno para o seu fim.

Depois de 12 episódios, podemos fazer um balanço da sétima temporada de Homeland. E fico feliz em dizer que a série conseguiu se recuperar, apresentando uma história envolvente e que nos deixou vidrado, tendo atuações consistentes. Lógico, sabemos que os tempos de ouro com muitos prêmios não voltam mais. Porém, para os fãs que ainda acompanham e não abandonaram o barco, temos muito que comemorar.

Carrie Mathison precisou encontrar a sanidade mais do que nunca, tanto para ter sua família por perto quanto para conter o ataque diplomático que os EUA estavam prestes a sofrer.

As cenas dela e Saul juntos ocuparam boa parte da segunda parte da temporada e eu confesso que adorei. Sentia falta deles juntos em cena. A química entre os atores é visível. E mesmo tendo suas atitudes questionadas, Saul sabe do potencial de Carrie e nunca a perdeu de vista.

Continua após a publicidade

O caos instalado na Casa Branca moveu essa temporada. Com uma Presidente pulso firme, incomodando os poderosos. O golpe orquestrado para tira-la do poder por aqueles próximos a ela mostrou quase certeiro. Senão fosse por Saul e Carrie, certamente seria concretizado.

Toda sequência na busca pela agente russa responsável por esse caos rendeu ótimas cenas e movimentou os dois últimos episódios. Com ela assumindo para si a responsabilidade, vimos ótimas cenas de perseguição (como da do telhado)… Como não ter aquele frio na espinha?

O último episódio serviu para fechar as pontas abertas na sexta temporada e preparar o terreno para o fim. Depois de ficar no poder dos agentes russos, Carrie volta pra casa, mas algo está diferente…

Com apenas um olhar, percebemos que Carrie não é a mesma. E isso vai mover a próxima temporada.

A presidente veio a público e assumiu seus erros, se mostrou um ser humano que se equivocou como todos os outros. Lógico que a surpresa maior foi quando ela renunciou. Depois de tanta luta, ela percebeu que o melhor para o país não é ter alguém que as pessoas tenham medo ou não confie no poder. É o momento de união, e não de desconfiança. Ah, se todos os políticos pensassem assim, não é mesmo? Isso foi um mais um ponto positivo para a temporada. Trazer uma história mais perto da nossa realidade, faz com o que não duvidemos tantos dos fatos ocorridos.

Continua após a publicidade

As pontas abertas na sexta temporadas foram fechadas nessa última. O futuro de Carrie segue em aberto, e isso faz com  que a próxima temporada (e última) seja para Clarie Danes brilhar e quem sabe ganhar o último prêmio por essa personagem inesquecível.

Estou na torcida!

Homeland - 7ª temporada

Nota da Temporada - 8.5

8.5

Review da sétima temporada de Homeland, da Showtime.

User Rating: Be the first one !

About Diogo Azis

Diogo Azis
Carioca, seriador e administrador. Apaixonado por séries e por essa coisa chamada internet. No pouco tempo livre assisto TWD, Homeland, Scandal, GOT, Greys, Arrow e por ai vai. Porém, sou órfão eterno de Friends e Breaking Bad. Aqui no MIX já escrevi de tudo um pouco. Atualmente escrevo sobre TWD, FearTWD e Homeland. Além de fazer parte do Team Reality.