Crítica: Unbreakable Kimmy Schmidt cresceu para o mundo

Imagem: NETFLIX/Divulgação

Evolução e adaptação

Desde a sua estreia, Unbreakable Kimmy Schmidt avançou muito em termos de narrativa, produção e também na construção de suas personagens. Conseguimos ver uma clara evolução ao longo das 4 temporadas, a última ainda faltando sua parte 2.

Depois de uma “estranha” 3ª temporada…

A série teve uma primeira temporada nos apresentando as personagens, a história e também nos “acostumando” com o humor da série. Pois bem, nos apaixonamos e recebemos uma segunda temporada muito boa, com mais profundidade de narrativa e personagens. Aí veio a terceira temporada. Eu, honestamente, não sei direito o que aconteceu. Não é que ela seja ruim, mas ao ver a crescente que a série estava tomando, receber uma 3ª temporada fraca e confusa foi bem estranho. A impressão é que a série tinha se perdido, ou viajado demais na narrativa, não sei.

Continua após a publicidade

Mas ok, veio a 4ª temporada (parte 1 até agora) e tivemos a chance de nos apaixonar novamente. Parece que Tina Fey reencontrou o caminho como roteirista da série e nos relembrou porque amamos o show na primeira vez.

Imagem: CBS/Divulgação

Ah o humor único da série

Sim, ele está presente. Seja com tiradas ótimas, piadas internas da série que só entendemos ao assistir algum episódio anterior, ou até mesmo referências aos mais diversos acontecimentos do mundo todo. Sim, falei que a terceira temporada foi a mais fraca de todas, mas não poderia deixar de citar a fantástica cena de Titus libertando sua Beyoncé interior e fazendo o Lemonade pela cidade, após descobrir uma suposta traição de Mike, seu então namorado.

As demais personagens também têm seus momentos e nos brindam com diversos momentos engraçados. Seja com Gretchen tentando iniciar uma seita própria (e falhando miseravelmente), seja com Jacqueline e suas confusões em relação à sua etnia ou com seu marido hospitalizado e também com Lilian e seu modo único de pensar e ver as coisas.

Está tudo lá, tem lugar para todos. Claro que a protagonista ainda é quem ganha mais espaço, mas foi realmente divertido e lindo ver todos crescendo junto com ela e com a série!

4ª e última temporada

A Netflix divulgou que o quarto ano da série será o último. Porém, só foi lançada a primeira parte, contando com 6 episódios. A segunda parte deve estrear em 25 de janeiro de 2019.

Continua após a publicidade

Nos resta esperar até lá para ver o desfecho que está reservado para nossos personagens loucos e divertidos do coração.

Crítica Unbreakable Kimmy Schmidt

Nota da Série - 9.2

9.2

Crítica de Unbreakable Kimmy Schmidt, criada por Tina Fey, da Netflix.

User Rating: Be the first one !

About Maique Backes

Maique Backes
Publicitário amante de Filmes, Séries, Música e Comida.