Dancing Brasil, semana 4: desclassificação e surpresas marcaram a noite

Imagem: Youtube

A quarta semana de Dancing Brasil veio recheada de surpresas e situações improvisadas, principalmente por parte da apresentadora Xuxa Meneghel.

Neste episódio foi oficializada a saída de Juliana Silveira, que fraturou um osso do pé na semana passada durante os ensaios do programa. Ela não conseguiu se recuperar e, pelas normas, foi desclassificada. Também tivemos o afastamento do Mc Gui, que teve problemas no joelho por conta de um recém acidente de moto. Entretanto, a apresentadora disse que o caso do cantor é menos grave, e que é bem provável que ele retorne já no próximo programa.

A abertura desta semana contou com Xuxa e Sergio Marone dançando uma belíssima valsa. E o que a apresentadora tem de carisma, o ator tem de desconcerto. Ele ainda não soa natural como entrevistador, e chega a ser incômodo vê-lo conversar em algumas situações. Aliás, ele errou nomes de candidato, confundiu parceiros… Talvez devesse relaxar mais. Parece que Marone fica tão nervoso, que acha errado sorrir, fazer brincadeiras, entre outras coisas que Xuxa faz de sobra.

Falando na apresentadora, um momento inusitado marcou este 4º episódio: durante a chamada do VT de Richarlyson, enquanto Xuxa falava sobre as pernas do jogador, um homem da plateia gritou “é meu marido!”, desconcentrando a apresentadora e fazendo-a rir. Quase que ela não conseguiu terminar a leitura, que caiu na gargalhada, logo em seguida. Foi divertido de assistir, e momentos como este dão um “tchan” a mais nas apresentações ao vivo. Confira o momento:

Mas uma dica: Xuxa precisa ter cuidado em alguns momentos nas leituras do VT. Talvez, se ela tivesse mais liberdade para as chamadas, não soaria tão “leitora” em alguns momentos.

Sobre as apresentações, muitas surpresas: com o tema livre escolhido pelos técnicos, as favoritas da semana passada, Sheila e Maytê, tiveram uma noite bem mediana e, apesar de fazer boas apresentações, não superaram as suas últimas performances. Por outro lado, tivemos uma evolução de alguns candidatos que foram notadas e contribuíram para bons números.

A MELHOR DA NOITE

Leo Miggiorin e Dani

Após duas semanas, Leo Miggiorin voltou aos holofotes do Dancing Brasil, principalmente por conta de sua atuação. Mas, desta vez, ele foi elogiado por trabalhar a atuação em favor da dança. Eles adaptaram um clássico do Aerosmith para a rumba, e contaram a história de um militar que é separado de sua amada pela guerra. E dá pra ver o quão eles estão batalhando para aprenderem e melhorarem. Belíssimo!

A SEGUNDA MELHOR

Bianca e Tutu

Bianca apresentou uma evolução incrível esta semana, e questionou a falta de 10 por sua apresentação do Lago dos Cisnes na semana passada. Mas o presente veio neste quarto episódio, quando a dupla encaixou o bolero em uma versão adaptada de um “Não Aprendi Dizer Adeus”, que ficou incrível. E palmas para a química do casal, estiveram incrível no palco!

MERECEM DESTAQUE

Tânia e Marcos

Tânia Alves é um show a parte. Em todas as suas performances, ela se entrega de corpo e alma. Porém, os jurados ressaltaram algo que é a mais pura verdade: o seu parceiro, Marcos, precisa correr muito para estar a altura da estrela. Esse desequilíbrio é o que pode estar entrevando o avanço de Tânia na competição. Mas mesmo assim, ela nos brinda com performances que merecem destaque!

A SURPRESA DA NOITE

Mika e Barbara

Olha só esse Mika, chegou como quem não quer nada na competição e deu um show esta semana, com direito à 10! Já pensou misturar salsa com Michael Jackson? Pois é, essa mistura ficou bem gostosa de assistir, dando a Mika o direito de olharmos com mais atenção para o candidato na próxima semana.

A PIOR DA NOITE

Jade e Teo

A Jade tem se esforçado, e ela é até simpática. Mas parece que ela não conseguiu uma química com Teo, e isso tem se refletido em suas performances durante a semana. Nessa apresentação de salsa, eles erraram muitos passos e deixaram tudo muito truncado. Os jurados, claro, chamaram bastante atenção.

ZONA DE RISCO

Fabíola e Bruno
Tony e Bruna
Jade e Teo

De fato, foram os três piores, mas dentre eles, achei que Tony Salles ainda se saiu bem. O problema é que ele quase não dançou, ficou bem duro e exerceu mais a função de “partner“, do que a de estrela da dança. Já Fabíola e Bruno fizeram uma homenagem ao Amazonas, mas em certos momentos a apresentação ficou dispersa e chata de assistir.

ELIMINAÇÃO

Tony e Bruna

Uma pena eles se despedirem agora, acho que ainda tinham muito o que mostrar. Talvez, se MC Gui estivesse nesta semana, teria sido ele a partir. Já dentre os competidores, Jade ou Fabíola mereciam sair bem mais que Tony. Como disse, uma pena.

 

Por Anderson Narciso

Comments

comments

About Team Mix Reality

#TeamReality no Mix de Séries é responsável pelos realities shows.

Check Also

O elenco de Pretty Little Liars: antes e depois na série

Depois de sete temporadas chegou ao fim na última terça-feira (27), a série Pretty Little Liars. …