Grupo Católico “critica” indicação de SMILF ao Globo de Ouro

Imagem: Showtime/Divulgação

Uma das grandes surpresas apresentadas pela lista de indicados ao Globo de Ouro de 2018 foi SMILF, mas um grupo católico emitiu uma nota logo em seguida para a indicação. As informações são do The Hollywood Reporter.

O Presidente da Liga Católica para Direitos Religiosos e Civis, Bill Donohue, disse em nota –

Muito pela aprovação da Showtime, as mulheres são tratadas como brinquedo sexuais em Hollywood por magnatas e atores. Com efeito, deleita-se na exploração sexual de mulheres, tanto que usou um termo que predadores sexuais usam – Single Mothers I’d Like to F*** (Mães Solteiras Que Eu Gostaria de Transar). Que vai pelo acrônimo, SMILF.

Essa série distorcida elevou o nível ha algumas semanas atrás quando sugeriu que a Virgem Maria fora estuprada a dar a luz. Na última noite (domingo, 10), trouxe um padre homossexual acolhendo um bêbado sexualmente. As mulheres são objetificadas, o cristianismo é ridicularizado e a homossexualidade é retorcida. Não me surpreende que SMILF foi indicada ao Globo de Ouro como o ‘melhor show de comédia. Eu não sei o que Hollywood mais gosta – convidar homens a ver mulheres como prostitutas ou humilhar o cristianismo.

Mais uma coisa. Hollywood tem um problema com sexismo – ele gostam de tratar mulheres como sujas, seja nas telas ou na vida real – mas não têm tolerância contra racismo. Isso explica o porquê uma série batizada de SBMILF (sendo ‘B’ para negros [em inglês, black]) nunca seria aceitável.

Vale lembrar que essa não é a primeira vez que grupos religiosos se “opõe” a uma série. Antes mesmo de Lucifer estrear, o grupo evangélico One Million Moms reivindicava o cancelamento (ou o boicote) do drama por “incentivar” as práticas do demônio. Mais recentemente, o Parents TV Council (mais conhecido como PTC) pediu para que a Fox cancelasse The Mick e renovasse Last Man Standing já que a comédia de Tim Allen era mais “apropriada” para o telespectador familiar.

Quanto a SMILF, vale ressaltar que assim que a série estreou rapidamente se tornou favorita dos críticos conquistando uma avaliação de 71% no Rotten Tomatoes e já foi renovada para segunda temporada. Ainda não há previsão de estreia no Brasil.

Comments

comments

About Bernardo Vieira

Catarinense e estudante de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.