House of Cards – 5×13 – Chapter 65 [SEASON FINALE]

Imagem: Netflix/Divulgação (Reprodução)

Me falem, por favor, que vocês também estão em êxtase com esse final de temporada! “Parece que o jogo virou, não é mesmo?”. Finalmente teremos Claire e Frank em uma batalha épica. Ela leva a vantagem de ser a presidente dos Estados Unidos e ele… bem, ele tenta chegar aos pés dela. Ambos em pé de igualdade em sua sede de poder agora articulam em pontos separados como ampliar ainda mais sua influência no mundo. Uma coisa é certa: Claire até pode não ser uma golpista, mas que aprende rápido, isso ninguém pode negar.

Palmas para a harmonização das cenas. Chegamos em um episódio final que nos deixa aflitos para assistirmos mais. Todos estes acontecimentos nos levaram do choque ao medo e do medo ao ódio. Francis, como eu te odeio! Por que me enganar assim metade de uma temporada inteira? Descobrimos, por fim, que era ele e Doug que juntos vazavam as informações para o Tom. Tudo isso já pensando que a presidência já era algo quase perdido. Só que essa jogada perigosa precisava de alguém para dar a jogada final. Aí entra a mágica dessa série.

Imagem: Netflix/Divulgação (Reprodução)

Quando no capítulo anterior, Frank confessou alguns crimes, ele tinha por certo ter Claire como presidente e uma vez que ela desse seu perdão presidencial, pronto. Tudo voltaria ao normal na vida dos dois. Mas ele não contava com o fato dela estar pensando mais nela do que nele – FINALMENTE, BRASIL. Já estava farto de ver uma personagem forte e imponente como ela ser submissa a alguém que não a valoriza. A presidente fica furiosa por ter sido deixada de lado das ideias do seu marido, e ali vemos que algo “vai dar ruim”

Nesse meio aí, tivemos o fechamento da CPI por uma chantagem contra Romero. Muito descabido isso, mas já que precisavam fechar o assunto, pelo menos a desculpa colou. E aproveitando o gancho dos bastidores, Mark Usher e Jane Davis, meus personagens favoritos dessa temporada, se mostraram uma dupla, por mais improvável que isso pareça. Porém, mesmo com cenas e acordos, ainda não temos muito sobre os dois para formar uma boa opinião. Ou seja, temos mais o que explorar na próxima temporada.

Que cena final magnífica. Acredito que chegamos a um ponto onde House of Cards pode nos trazer sua temporada final. Não faz mais sentido estender a história. Por mais que eu ame tudo, é justo falar que a qualidade tem de estar acima de interesses financeiros. Tornem Frank Underwood um novo Walter White, por favor. Eu peço.

Minha vez: Não sofria assim com uma morte nessa série desde o Meachum.
Minha vez 2: Só que não vimos um corpo… Minha Leann está viva? #focoefé
Minha vez 3: Prisão domiciliar é muito pouco para o Doug. Queremos justiça!

Obrigado por acompanharem as reviews e caso tenham perdido alguma, cliquem aqui e leiam todas elas. Nos vemos em 2018, com mais Claire, mais Frank vingativo e Davis louca de pedra. Beijos e abraços fraternais.

Chapter 65 [SEASON FINALE]

Nota do Episódio - 10

10

Review do décimo terceiro episódio (season finale) da quinta temporada de House of Cards, série original da Netflix, intitulado "Chapter 65".

User Rating: Be the first one !

Comments

comments

About Wellington Torres

Jornalista, Social Media e Escritor. Vida social? Um desastre. Sou um carioca que vive em SP, mas na verdade nasceu no Ceará. No Mix faço os reviews de 3% (Netflix), Emerald City (NBC), House of Cards (Netflix), Marvel's Iron Fist (Netflix), Shooter (Canal USA), Timeless (NBC) e Westworld (HBO).

Check Also

Como o revival de Will & Grace lidará com o salto do tempo do series finale?

Tanto quanto os espectadores ficaram satisfeitos com a notícia de que a querida Will & …