Jeffrey Tambor pede demissão de Transparent citando “atmosfera polarizada”

Imagem: Amazon/Divulgação

Depois de mais duas acusações de assédio sexual pelos membros da equipe de produção de Transparent que ele negou enfaticamente, Jeffrey Tambor decidiu neste domingo (19) que não fará mais parte da série pioneira na qual lhe rendeu dois prêmios Emmys.

Interpretar Maura Pfefferman em Transparent foi um dos maiores privilégios e experiências criativas da minha vida,” disse o ator em nota ao Deadline. “O que tem se tornado claro nas últimas semanas, todavia, é que esse não é o mesmo emprego que eu concordei em fazer quatro anos atrás,” continuou o ator.

Eu já deixei claro o meu imenso arrependimento caso alguma das minhas ações foram mal interpretadas por alguém como agressivas, mas a ideia de que eu deliberadamente assediaria alguém é simplesmente uma inverdade. Dada a atmosfera polarizada que parece estar atingindo o nosso set, eu não vejo como eu posso retornar para Transparent“.

Pode parecer impressionante que o ator tenha decidido sair dessa maneira levando em conta a proximida do início das gravações da nova temporada, mas a própria série já estava andando em direção a continuar sem a personagem de Tambor.

Depois que mais duas alegações contra o ator se tornaram públicas no início da semana passada pela sua ex-assistente e pela atriz Van Barnes, discussões quanto ao não retorno de Maura na quinta temporada de Transparent aconteciam livremente na imprensa, inclusive na matéria do The Hollywood Reporter nessa semana de que via-se como a alternativa mais sensata matar a personagem.

Vale lembrar que Tambor está envolvido na produção de mais uma temporada de Arrested Development, além dos longas Magic Camp, The Adventures of Drunky e Amusement Park.

About Bernardo Vieira

Catarinense e estudante de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.