Mischa Barton: como a atriz de The O.C. foi do sucesso ao fundo do poço

Imagem: Splash News/Fox

Quem foi um adolescente nos anos 2000 certamente ouviu falar de Mischa Barton. Ela ganhou fama, naquela época, como a protagonista da série de sucesso The O.C., exibida aqui no Brasil com o subtítulo “Um Estranho no Paraíso“. Naquela época, poucos imaginariam que sua vida iria virar de cabeça para baixo, e assim como sua personagem na série, enfrentaria problemas com álcool, depressão, problemas psiquiátricos, entre outros…

Devido a inúmeros problemas, Mischa se tornou mais uma atriz que é lembrada por problemas pessoais do que por suas atuações em si. Até hoje, Barton conseguiu apenas dois trabalhos na TV de destaque – um, que lhe rendeu fama, e o outro, que foi um completo fiasco.

O Mix de Séries reúne nessa matéria alguns desses momentos da atriz, que foi de “promissora de Hollywood” à “alcoólica problemática” em pouco tempo.

A ascensão…

A atriz foi escolhida a dedo pelo criador Josh Schwartz, com ela tendo uma origem teatral. Até fazer The O.C. ela não havia sido notada em Hollywood, e a série deu um impulso gigante em sua carreira.

Durante o auge de sua carreira, ela era convidada para os mais prestigiados eventos de Hollywood, como o Emmy e o Globo de Ouro – embora The O.C. nunca tenha sido indicada para os prêmios, os pós-festas da Vanity Fair e o Festival Internacional de Cinema de Cannes, entre outros. Ela também estampava as capas de revistas como Glamour, Cosmopolitan e Allure.

Resultado de imagem para MISCHA BARTON THE OC
Imagem: Mischa Barton em The O.C./Fox/Divulgação

A esta altura, Barton era ícone adolescente. Os jovens colocavam suas fotos – junto a de colegas de elenco de The O.C. na parede do quarto. Enlouqueciam quando ela fazia alguma aparição pública, ou quando ia a algum programa na MTV… Era uma vida agitada. Mas era uma vida de celebridade, que a atriz parecia ter buscado.

Entretanto, algo estava errado.

Continua após a publicidade

O começo da queda!

Em entrevistas posteriores, Mischa Barton revelou que não gostava da forma como sua imagem era “explorada” pela mídia. Ao mesmo tempo, ela passou a ver que não gostava mais daquele meio.

Acho que cheguei ao ponto em que fiquei tipo ‘não sei se estou gostando mais disso’“, destacou a atriz em uma entrevista para o E!. “Eu apenas sentia como se estivesse em uma máquina e eu realmente não podia sair. Então era hora de voltar. Então eu voltei para a Inglaterra e foi apenas um ano de auto-exploração.”, comentou sobre o período em que pediu para sair da série – e consequentemente, sua personagem fora morta.

Porém, logo após aquele período, a atriz lidaria com problemas envolvendo álcool, que a colocaria constantemente em tabloides, impedindo que sua carreira deslanchasse novamente.

Problemas com Álcool.

Em 2007, Misha Barton chegou a ser eleita como uma das estrelas em ascensão em Hollywood, mas se viu em uma verdadeira queda quando começou a se envolver com o álcool.

O primeiro episódio protagonizado pela atriz nesse sentido foi quando ela desmaiou em um churrasco da socialite Nicole Richie, no Memorial Day daquele ano. Representantes da atriz disseram que ela tivera, na ocasião, uma reação adversa depois de consumir coquetéis uma vez que estava tomando antibióticos contra uma bronquite.

Porém, poucos meses depois, ela foi pega dirigindo embriagada. Consequência: a atriz foi condenada a 36 meses de liberdade vigiada, aulas de educação sobre álcool e uma (grande) multa como parte de um acordo judicial.

Obviamente, sou 100% responsável por minhas ações neste caso, e estou realmente desapontada comigo mesmo”, disse Barton a Ryan Seacrest em seu programa de rádio logo após sua prisão. “Eu não sei o que dizer sobre isso, exceto que eu não sou perfeita. Eu apenas não pretendo fazer algo tão estúpido novamente.“.

Em 2009, a atriz tenta voltar à TV mas acaba hospitalizada…

Com a série The Beautiful Life, a atriz ensaiou um retorno à TV, mas a série acabou sendo cancelada após poucos episódios serem exibidos.

Naquele ano, ela fora hospitalizada pela primeira vez em uma ala psiquiátrica, sendo o centro das atenções de muitos tabloides. O motivo até hoje não foi muito claro. A atriz alega que a internação partiu de sua mãe, enquanto fontes dizem que na verdade ela tentara suicídio e fora, então, internada para tratamento.

Resultado de imagem para MISCHA BARTON alcool
Imagem: Canoe/Divulgação

Ela tinha problemas públicos com a mãe, tendo inclusive a processado por “quebra de contrato”, uma vez que a mesma era sua “agente”. Barton alegou que a mãe “roubava dinheiro” e não repassava a quantia que ela recebia por diversos trabalhos.

Depois de ter sido liberada a atriz passou a dar “chiliques” em desfiles, e até se recusou a fazer as fotos promocionais de The Beautiful Life junto com as outras co-estrelas da série. Foi então que ela passou a ser chamada, dentro da indústria de “pé no saco”.

Em 2016, a atriz dá uma guinada e pareceu entrar nos trilhos!

Foi quando ela recebeu o convite para participar do programa Dancing With the Stars (o original americano, que deu o formato para o programa Dancing Brasil de Xuxa aqui no Brasil).

Ela parecia bastante empenhada ao participar do programa, mas acabou sendo eliminada na segunda semana da competição, perdendo assim os poucos holofotes que conquistara. Acontece que, mesmo no programa, a atriz encontrou problemas. Ao que tudo indica, ela não se deu bem com o dançarino que era seu parceiro, e causou confusão com os produtores.

Eu não tinha ideia que seria tão ruim. Eu fui eliminada pelo meu parceiro“, ela disse ao The Ringer. “Eu deveria controlar os trajes, me disseram que eu poderia fazer o aspecto do design, essa é a razão pela qual eu concordei em fazer isso.

Continua após a publicidade

Mischa continuou: “Isso não aconteceu. Não foi colaborativo como um coreógrafo em um set de filmagem… Fiquei tão confuso com isso. Foi como Jogos Vorazes. Foi tudo um concurso de popularidade. Foi horrível. Eu fiquei feliz de ser eliminada“.

2017: de volta aos hospitais!

No começo do ano passado, Mischa Barton voltou a ser notícias, mais uma vez por um episódio constrangedor. Como o Mix de Séries noticiou, ela foi parar em um hospital psiquiátrico após vizinhos ligarem para polícia alertando que ela parecia completamente transtornada no quintal de sua casa.

Imagem: TMZ/Divulgação

Mais tarde, ela acabou alegando que recebera uma droga involuntariamente, a “droga de estupro” chamada GHB.

Acho que foi uma completa alucinação“, disse Barton ao Dr. Phil em entrevista. “Eu não tenho ideia do que eu estava falando.

Antes de desmaiar eu não lembro de nada, era mais auditivo e visual – mas mais visual, como manchas de luz e coisas assim“, disse ela. “Há também partes de apagão no início da noite, e então eu lembro do meu amigo dizendo: ‘Por favor, deite-se e então ele vai embora novamente.’, e tudo era apenas apagões”.

E como se não bastasse, uma polêmica pornô caiu de para-quedas em sua vida…

Para fechar os casos polêmicos, Mischa Barton ainda protagonizou um “escândalo pornô” em 2017, quando ela – junto de advogados, foi até a justiça acusar um ex-namorado que teria gravado uma cena de sexo com ela sem o seu consentimento. E, ainda, estaria vendendo as imagens para uma produtora pornô.

Ela conseguiu ordem de restrição contra o rapaz – a quem ela não quis nomear, e disse que fez isso por todas as mulheres que já sofreram esse tipo de humilhação.

Eu me apresentei para lutar contra isso não apenas por mim mesma, mas por todas as mulheres lá fora“, disse Barton. “Eu quero protegê-las da dor e humilhação que eu tive que passar. Nenhuma mulher deveria ter que passar por isso e eu sou muito grata a minha advogada e a todos os meus amigos que me ajudaram nessa experiência horrível. É uma coisa muito difícil de fazer, mas estou feliz por finalmente estar de pé por mim mesmo“.

Desde então, Mischa Barton não fez mais aparições públicas. É bem provável que, após todos estes problemas, a atriz não consiga um papel de destaque em Hollywood, principalmente por sua fama de problemática.

Uma trajetória triste, que mostra como que péssimas escolhas podem simplesmente levar o ser-humano ao verdadeiro fundo do poço.

Leia mais: Os Bastidores de The O.C. – Curiosidades e intrigas por trás das câmeras

About Anderson Narciso

Anderson Narciso
Mestre em História, apaixonado por mídias, é o editor responsável e idealizador do Mix de Séries. Eterno órfão de Friends, One Tree Hill e ER, acompanha séries desde que se entende por gente. No Mix é editor de colunas e de notícias, escreve a coluna 5 Razões e resenha a série Gotham.