Narcos – 3×10 – Going Back to Cali [SEASON FINALE]

Imagem: Netflix/Reprodução

Um jeito excelente de encerrar a melhor temporada de Narcos. Eu só tenho que aplaudir aos roteiristas pelo que fizeram ao seriado. Eu jurava que a trama ia decair muito, ainda mais sem a presença de Pablo Escobar, e não é que acabei caindo do cavalo?! Pois bem, o seriado nos entregou uma temporada impecável; com roteiro ágil e muitas reviravoltas. Entregar o papel de protagonista para Pedro Pascal foi uma escolha inteligente. O ator se entregou ao personagem e ficou nítido o quanto ele amadureceu desde a primeira vez que o vimos em Narcos.

Esse agente Peña mais focado e clamando por justiça fez toda a diferença nessa season finale. Ele lutou com unhas e dentes por aquilo que acreditava ser correto. A grande sacada do episódio foi vermos como a justiça pode nos enganar. Vimos todo os chefões do cartel presos. Uma grande vitória para a DEA. Mas será que eles realmente estavam presos? Pois bem, se formos analisar o fato deles terem perdido a liberdade de poder se locomover por toda Cali, eles estavam presos. Entretanto, que tipo de prisão é essa em que eles continuam recebendo regalias, podendo se locomover em toda a prisão e, ainda, continuam comandando os negócios?

E foi diante disso tudo juntando ao fato de que o atual Presidente da Colombia possa ter recebido propina, que Peña decidiu agir e contar tudo o que sabia para um jornal. Parece que eu já vi essa história em algum lugar?! Sim, existem muitas semelhanças com o que estamos vivenciando no Brasil, a grande diferença é que não temos os EUA interferindo em nada, até porque essa corrupção não está afetando-os. Eu poderia até dizer que Peña agiu como um justiceiro, mas acredito que ele fez isso mais porque viu que todo o trabalho que ele e sua equipe tiveram em prendê-los poderia ir para o buraco.

Graças à esta revelação, vimos Miguel e Gilberto sendo extraditados e vivendo numa prisão de verdade. Pacho foi assassinado por seus inimigos e Chepe também não se deu muito bem com a vida, pois também foi morto. Para quem achava que a prisão poderia trazer vitórias, deve ter ficado decepcionado. Quem não teve tanta sorte assim foi David que acabou morrendo em meio fogo cruzado, sendo assassinado de forma dura e rápida. Com essa morte, Peña e suas equipes conseguiram salvar a vida do contador.

Aliás, eu amei ver Peña e Jorge trabalhando juntos. Jorge nunca foi uma pessoa ruim, apenas alguém que escolheu errado onde trabalhar. Eu ri muito com Peña surtando com as briguinhas entre o contador e sua esposa, porém, nada que me deixasse sorrindo como boba ao ver que Jorge não morreu e acabou entrando para o programa de testemunha. Por mais que ele não seja uma pessoa má, ele cometeu muitos erros e teve que pagar por isso.

O que me deixou mais apreensiva para a próxima temporada foi saber que o novo cenário das drogas será o México. Não sei Peña vai voltar, já que ele pediu demissão, entretanto, eu amei vê-lo como chefe e a parceria que ele fez com Van Ness e Feistl foi digna de muitos elogios. Quero rever esse trio na próxima temporada sim e espero que Pedro Pascal retorne pronto para acabar com as drogas no México. Numa temporada que tinha tudo para perder seu charme, Narcos provou que dá para escrever uma boa história sem o glamour de um protagonista ao nível Escobar.

Going Back to Cali

Nota do Episódio - 10

10

Review do décimo episódio da terceira temporada de Narcos, da Netflix, intitulado de "Going Back to Cali".

User Rating: Be the first one !

About Gabriella Siggia

Quem eu sou? Eu sou uma em um milhão: escritora nas horas vagas, seriadora de coração, cinemática de plantão e amante da literatura. Divertida, alto astral e bastante bem humorada. Só não achei ainda minha outra pessoa. Ah, música faz parte da minha vida.