O Mundo Perdido, lançado pela Editora Aleph, dá continuidade ao espetáculo de Jurassic Park

Foleando e passeando pelas páginas de O Mundo Perdido, recém-lançado pela Editora Aleph, me vem alguns flashs na cabeça de quando eu era garoto e adorava Jurassic Park. Dinossauros era um dos meus grandes baratos, e me imaginava naquele universo de fantasia, cada vez que assistia à um exibição do longa na TV, ou alugava as saudosas fitas VHS.

Claro, naquela época, nem passava pela minha cabeça que haveria um universo todo a ser explorado pelos livros do, agora, saudoso Michael Crichton. O Mundo Perdido dá sequência aos eventos do glorioso Jurassic Park (também lançado pela Editora Aleph), e amplia os horizontes da história que já pensávamos conhecer de cabo à rabo.

Me surpreende, através de sua leitura, o quão o filme dirigido por Spielberg fez dezenas de alterações, mesclou elementos do primeiro livro, e ignorou outros tão preciosos. Neste volume, o destaque fica por conta do paleontólogo Richard Levine, talvez na tentativa de substituir o protagonismo de Alan Grant, que resolve explorar a Ilha Sorna – ou Sítio B, como é chamada. A Ilha, é onde os dinossauros do Parque original foram desenvolvidos e, obviamente, tem tantos perigos quanto a Ilha Nublar.

Ian Malcolm, personagem querido do primeiro livro, retornar, mas desta vez na missão de resgar Levine de sua expedição exploratória, formando uma equipe com Sarah Harding – a personagem interpretada no filme por Julianne Moore, que no livro não é sua namorada, e exerce um papel bem fundamental na história trabalhando para  a Biosyn, a empresa rival de InGen, que é a “dona” desses dinossauros.

A leitura passa tão rápido que você nem percebe, e termos um pouco fora do nosso cotidiano são totalmente explicados e explorados – assim como o primeiro fascículo. Aqui, entretanto, o tema evolucionário, é discutido, mostrando uma visão do autor um tanto contraditória sobre este tema.

Recomendadíssimo para quem gosta do tema, para quem era fã dos filmes e para quem tem curiosidade de explorar ainda mais este universo que aprendemos a amar. E o melhor, já está disponível nas melhores livrarias do Brasil.

Sinopse:

Seis anos se passaram desde os terríveis acontecimentos no Jurassic Park. Seis anos, desde que o sonho extraordinário, nos limites entre a ciência e a imaginação humana, acabou se tornando um trágico pesadelo. A Isla Nublar não era o único lugar usado por John Hammond em suas pesquisas genéticas de ponta. Agora, o matemático Ian Malcolm e uma equipe de cientistas – além de certos “pequenos clandestinos” – devem explorar outra ilha na Costa Rica, repleta dos mais perigosos dinossauros que já caminharam pela Terra.

Comments

comments

About Anderson Narciso

Anderson Narciso
Mestre em História, apaixonado por mídias, é editor-chefe e criador do Mix de Séries. Eterno órfão de Friends, One Tree Hill, ER... Apaixonado por Batman e DC Comics. É responsável pelo editorial de notícias, escreve a coluna Mix Lista, Precisamos Falar Sobre... e Gotham.

Check Also

Dale Cooper na cidade das maravilhas: Twin Peaks

Twin Peaks é um dos grandes clássicos da TV. Lançado em 1990, a série produzida …