Quantico – 2×07 – LCFlutter

Imagem: Tv Show Time/Divulgação
Imagem: Tv Show Time

 

O episódio da semana traz uma premissa angustiante que ao mesmo tempo nos mostra algo que convivemos em séries e filmes desde a infância. Os métodos de tortura para arrancar informações estão presentes em grandes clássicos da sétima arte. Em Quantico, podemos entender um pouco mais a fundo a respeito das técnicas e sua relação com a fisiologia corporal. Antes que esse texto se torne um capítulo de livro de medicina, vamos focar na aplicação da tortura psicológica e física dentro do seriado.

Não sei se isso está relacionado ao meu signo (escorpianos entenderão), ou se realmente era bem óbvio, mas trabalhar a tortura de Owen com Lydia foi meu primeiro pensamento. Podemos resistir à temperatura, ao barulho, à dor, ao desconforto, mas ver quem nós amamos sofrer eleva os níveis hormonais e provoca sentimentos angustiantes ao corpo. Como bom entendedor, a situação foi dito e feito, mas a surpresa veio mesmo, quando a filha diz ao pai que o deixaria sofrer se estivesse em seu lugar.

Se a Lydia do passado já é essa pessoa insensível que conhecemos, no futuro não mudará tanto as coisas. Alex é uma personagem muito forte mas não conseguiu resistir e sucumbiu à vontade dos terroristas, quando Dayana foi ameaçada. E se teve algo que esse episódio nos mostrou foi que há muitas surpresas reservadas para a temporada. Harry, Sebastian e Leon resgatarem as duas estava fora dos meus pensamentos e cogitações, e mesmo que isso mostre uma união, ainda tenho minhas dúvidas quanto à relação deles com os terroristas.

Enquanto o mundo desaba dentro do prédio, Miranda faz de tudo para se livrar das provas que podem acabar com sua carreira. Achei a técnica escolhida para passar o telefone muito fraca, até porque um objeto daquele tamanho não passaria despercebido dentro de uma maleta em um andar com câmeras de segurança. Mas enquanto Shelby não se atenta à situação, ainda há um mistério por detrás da relação da diretora com o atentado.

Imagem: Tv Show Time/Divulgação
Imagem: Tv Show Time

O passado nos traz grandes surpresas. Shelby agora está diretamente infiltrada na missão mas algo me diz que sentimentos vem sendo desenvolvidos por Leon. Dayana se mostrou uma verdadeira expert em relação a métodos de tortura, devido ao passado sombrio de sua família. Uma das maiores novidades já esperadas, Sebastian não se contém à pressão de Harry e o ataca em sua cama por pouco mais de 10 segundos, revelando um grande segredo de vida do rapaz religioso.

Tortura, noção de espaço, sabotagem… Quantico vem com muito mais emoção e garra nessa temporada, com um plot que a cada semana cresce e abrange mais a história. A volta de Claire Haas pode ser um indício que mais um personagem do passado está pra chegar, e sim, estou falando de Caleb. Espero que a temporada esteja agradando vocês tanto quanto a mim. Continuem acompanhando as reviews e nos vemos semana que vem.

About Lucas Franco

Lucas Franco
Mineiro, Escorpiano, 20 Anos, Estudante de Medicina. Direto do Arkham Asylum para o Mix. Eterno fã de Chuck, E.R. e Friends (RIP). Por entre as madrugadas vive a dualidade dos estudos e das séries. No Mix, escreve as reviews de Quantico, The Good Doctor e Legends of Tomorrow.