Supergirl – 3×09 – Reign

supergirl 3x09
Imagem: The CW/Divulgação

O Natal chegou em National City, e com ele um dos momentos mais aguardados da temporada. Depois dos acontecimentos que antecederam o maravilhoso crossover, começo essa review dizendo simplesmente… O GIGANTE ACORDOU!! Ou melhor dizendo, A GIGANTE.

Fiquei com um receio gigantesco que o episódio começasse já com Reign tocando o terror na série, depois de todo o trabalho magnífico da descoberta de Sam sobre seu passado. Ainda bem que isso não aconteceu, e tudo foi se desenvolvendo de forma natural. Ao mesmo tempo isso soa muito triste, pelo menos pra mim, pois Sam se tornou uma querida. Apesar dela ser uma pessoa espetacular, sabíamos desde o começo que ela se tornaria a grande vilã desse terceiro ano, mas os produtores fizeram com que a gente se apegasse à personagem. Sinceramente, diferente de outras vilãs que já passaram na série – como Astra, Lillian Luthor e principalmente Rainha Rhea -, Reign não surgiu como uma vilã feita, e estamos acompanhando a sua trajetória em se tornar uma, e talvez por isso que ela poderá ser a mais difícil de se odiar.

Paralelo a isso, tivemos que ver Kara tendo que lidar com Mon-El e Imra. Que situação mais delicada e difícil, pois ok que ele seguiu com a vida dele, achando que nunca mais voltaria e bla bla bla whiskas sachê, mas tem que entender de uma vez por todas que pra ela foram apenas meses que passaram. Não existe coisa pior em vermos alguém que gostamos com outra pessoa, e ainda por cima com isso sendo escancarado debaixo dos nossos narizes, e digo isso por experiência de vida própria. Tenso!

Imagem: The CW/Divulgação

A comemoração de Natal na casa de Kara foi um momento muito bom, pois por um instante esquecemos das desilusões amorosas dela, de Sam se tornando a temível Reign, o embuste do Edge causando. Enfim, foi algo confortante, pra lembrarmos um pouco do espírito natalino. Só que, por um momento, meu coração novamente ficou apertado, com Kara falando que Sam é sua melhor amiga, assim Lena. Como não ficar dividido, em saber que seus respectivos alter egos são piores inimigas? Difícil.

Como citei, Edge no parágrafo anterior, se não bastasse o mal maior pronto para mostrar suas garras, o vilão me aparece para infernizar a vida de Lena. Ai, qual a necessidade? Francamente fiquei bem revoltado de Reign não tê-lo matado, apesar dele possuir certa relevância ainda na história. Falando na Luthor, o que vinha se tornando cada vez mais nítido finalmente aconteceu, que foi ela e James se aproximando. Não era justamente o que eu esperava e queria, mas vai ser interessante de acompanhar o desenvolvimento desse relacionamento entre a irmã de Lex Luthor e o melhor amigo de Clark Kent, pois isso com certeza dará pano pra manga ainda.

Uma coisa que me impressionou foi a volta daquele rapaz que era fascinado pela Supergirl, pois muito sobre Reign foi explicado a Kara, para estar preparada para enfrentar sua nova inimiga. Algo me diz que não foi a última vez que vimos o personagem em cena, e talvez o mesmo terá papel muito fundamental, em obter alternativas da nossa garota de aço. Outra ajuda a caminho que terá papel importante nos próximos episódios será da Legião de Heróis, que foi citada por aqui, através de Imra.

A tão esperada batalha entre Supergirl e Reign foi além do que eu esperava, e foi um maravilhoso primeiro confronto de heroína e vilã. A sequência foi de tirar o fôlego do começo ao fim, digno de um embate a nível de season finale, e não apenas de mid finale. Para mim, essa luta foi infinitamente melhor do que nossa garota de aço teve com Rhea na temporada passada, mas não superou a que teve com Superman no mesmo episódio, porém quase chegou ao mesmo nível. Foi preocupante o estado que Supergirl ficou, após ter sido derrotada, mas com certeza o próximo embate promete ser muito mais icônico, e francamente estou super empolgado para isso acontecer.

A GIGANTE ACORDOU!

Reign

Nota do Episódio - 9.5

9.5

Review do nono episódio da terceira temporada de Supergirl, da The CW, intitulado "Reign".

User Rating: 4.55 ( 1 votes)

About Eduardo Nogueira

Eduardo Nogueira
Administrador apaixonado por séries e música, sou fã assumido de Friends, e tenho guilty pleasure pelas séries da CW. No Mix sou editor de reality show, cobrindo atrações do gênero como as franquias The X Factor , The Voice, American Idol, entre outros. Faço também reviews das séries Mom, Supergirl, The Good Place, Scream, Fuller House e da brazuca A Garota da Moto. Além disso, deixo vocês sempre atualizados com as nossas Bolhas de Cancelamento, e também escrevo as colunas de Elenco e Teu Passado Te Condena. No tempo que me sobra faço um café para as visitas, rs. Ufa!