The Resident: Será Matt Czuchry o novo “McDreamy” da TV?

Imagem: FOX/Divulgação

Há um novo médico de TV na cidade e ele tem o potencial para ser o próximo McDreamy.

Essas são palavras fortes, mas não dizemos isso de forma leve. Na noite deste domingo (21), o novo drama médico da Fox, The Resident, apresentará oficialmente ao mundo o Dr. Conrad Hawkins, interpretado com um charme encantador por Matt Czuchry, de The Good Wife e Gilmore Girls.

Dramas médicos são forragem comum para a televisão norte-americana, mas The Resident poderá atravessar fronteiras com Conrad, um homem lutando contra o complexo industrial da saúde, não importa o custo.

Ele é um médico rebelde que está tentando fornecer o melhor atendimento para seus pacientes e protegê-los de empresas de seguros de arrecadação de dinheiro ou chefes de cirurgia com egos super-inflados que colocam o valor de um dólar antes do bem-estar dos pacientes. Ele é um garoto ruim, mas com um coração de ouro e um diploma de medicina – o que é, convenhamos, é uma combinação deliciosa.

O passado de Conrad tornou-o o homem que ele é hoje, e ele não é indiferente ao envergonhar as “penas” de seus colegas de trabalho ao discutir a medicina de outra forma. Um período na Marinha mostrou a Conrad o verdadeiro horror de que as pessoas podem fazer uma às outras, e sua experiência nas forças armadas ajudou a transformá-lo em médico desonesto que nos deparamos no começo da série.

Ele esteva realmente no Afeganistão“, disse Czuchry ao TV Guide em uma recente entrevista de promoção da série. “Muitas das formas como ele se aproxima da medicina é reflexo de quando esteve no campo de batalha. Então, é por isso que ele faz a abordagem que ele faz com os pacientes do hospital. Não é só de sua educação na faculdade de medicina, mas sua experiência no campo de batalha“.

O drama sobre o Residente vem muito mais do que apresentar as situações de vida e morte que ocorrem na sala de emergência. O principal adversário de Conrad é o mencionado Chefe de Cirurgia, Randolph Bell (Bruce Greenwood), cuja própria condição médica misteriosa está custando a vida de seus pacientes. Conrad percebe que Bell está se colocando em primeiro lugar, mas ele não tem influência para que Bell seja expulso do hospital, então a série constrói a tensão quando os dois possuem. E para ser justo, não é só Bell quem tem problemas com Conrad. Os métodos pouco ortodoxos do médico jovem – e ocasionalmente frio – não são compatíveis com o resto da equipe do hospital, mas eles o toleram porque Conrad é muito bom em seu trabalho.

Eu realmente amo o mote desse personagem, a sua força“, disse Czuchry sobre Conrad. “Eu amo como ele tem uma voz interna, bem pequena. Eu amo como ele resiste ao sistema. Adoro a paixão por seus pacientes e adoro como ele fará o que for preciso para proteger seus pacientes, inclusive violando as regras . Ele é um pouco maquiavélico em seus caminhos de ‘os fins justificam os meios’. Se houver algo de bom que possa resultar disso para seus pacientes, ele fará grandes esforços para que isso aconteça”.

O residente ainda não está sozinho nessa caminhada. Ele é apoiado por Nic (Emily Van Camp), uma enfermeira do hospital e a namorada de Conrad, além do novo estagiário Devon Pravesh (Manish Dayal), cujos pontos de vista idealistas de “fora do muro” da medicina recebem críticas pela abordagem fria de Conrad. Não é um spoiler dizer que depois de começar a relação com Conrad de forma errada, Devon reconhece relutantemente o gênio que seu Residente é.

E aí, você já está pronto para chamá-lo de seu “novo crush médico”?

The Resident estreia oficialmente neste domingo (21) nos Estados Unidos, e terá seu segundo episódio exibido no dia seguinte (22), onde assume seu horário regular.

Leia nossa crítica sem spoilers (clique aqui).

About Anderson Narciso

Anderson Narciso
Mestre em História, apaixonado por mídias, é o editor responsável e idealizador do Mix de Séries. Eterno órfão de Friends, One Tree Hill e ER, acompanha séries desde que se entende por gente. No Mix é editor de colunas e de notícias, escreve a coluna 5 Razões e resenha a série Gotham.