The Voice Brasil Kids – 3×06/07 – Audições às Cegas / Batalhas

Imagem: Twitter/Reprodução

Olar, amigos!

O carnaval já passou. E unimos aqui  os resumos das apresentações do domingo passado (final das audições às cegas) e desse domingo (início das batalhas). Não faltou emoção e nem fofura. Vamos ver como foi?

 

AUDIÇÕES ÀS CEGAS

 

Izabela Góis – “As Quatro Estações”

Clique aqui para ver a performance

Edu: Izabela é linda demais, e veio com uma música tão incrível. Ela cantou com uma doçura inexplicável, merecendo sim ter a cadeira virada.

Gaby: Que menina mais gracinha! Chegamos ao último dia das audições e eu tô tremendo!!! Iza é uma fofa e sua voz é tão suave..ela é tão docinha, tão meiguinha que é impossível não curtir a doçura dessa menina. .

Let: Que voz mais delicinha, gente! Tô apaixonada por Izabela. Ela pegou um grande clássico e cantou do seu jeito. E ali, no meio dessa fofura toda, tem uma grande e poderosa voz. Amei!

 

Victor Hugo Dias – “Madrid”

Clique aqui para ver a performance

Edu: Eu amo essa música, sério. Victor conseguiu interpretá-la com muita maestria e maturidade. Um candidato bom, mas que está indo para um time que há outros talentos no mesmo perfil. Vamos ver como será o desenrolar disso…

Gaby: Eu confesso que nem conhecia essa música. É tanta sofrência que nem sei o que dizer sobre o Victor Hugo. A voz dele é gostosa, mas nada de tão excepcional. Não sei é porque existem tantos sertanejos, mas senti que ele é mais do mesmo. Mas vamos ver o que as irmãs sertanejas vão aprontar com ele no programa.

Let: Cada um com uma relação diferente com a música, eu odeio. Eu não viraria pra ele, não achei nada demais mesmo. Deu até uma leve  preguiça.

 

Felipe Gaspar – “A Flor e o Beija-Flor”

Clique aqui para ver a performance

Edu: Ele cantou com uma pureza tão única, adorei. Mesmo assim, não sei se está pronto ainda para a disputa, espero estar enganado.

Gaby: Gente, que menino mais fofo é esse?! Ele pode ainda não estar pronto, mas vamos ser sinceros: ele é uma gracinha!!! Já quero mais de Felipe Gaspar no The Voice Kids e seu charme único.

Let: AGORA SIM! Voz original, rasgando a garganta com apenas 12 anos. Felipe tem um talento único, poderoso. Eu acho que tá prontíssimo sim. Vai lá e arrasa!

 

Isadora Gomes – “Espelhos D’Agua”

Clique aqui para ver a performance

Edu: Essa música é adulta demais e acho que não combinou muito com Isadora. Uma pena, mas não tinha como defender mesmo, apesar de eu adorar essa música.

Gaby: Ai, gente, fiquei triste pela Isadora até porque a voz da menina é gostosa, mas realmente ela deu umas derrapadas. Ela é nova, tem muito chão pela frente e pode voltar ano que vem com uma canção mais atual e que se encaixe melhor com o timbre de voz dela.

Let: Um clássico do karaokê. Um safe sound desses precisa de um grande estouro par chamar atenção. Isadora não tem nada demais, foi justo não virarem.

 

Sabrina Santos – “Nada Mais”

Clique aqui para ver a performance

Edu: Muita gritaria, pelo amor de Deus!

Gaby: Eu estava com o meu coração nas mãos aqui porque essa menina tem um dom incrível. Eu estou até agora arrepiada e emocionada! Sim, Sabrina me deixou sem ar! Ela soube transmitir a música muito bem e se o Brown não virasse a cadeira eu ia ter um treco aqui porque não consigo ver essa temporada sem Sabrina Santos depois dessa performance lacradora!!!

Let: Eu achei tudo na medida certa, mesmo ela estando claramente nervosa, e quem sabe por isso baixando um pouco o tom. E poxa Brown, para com isso de virar só no final, cara!

 

Maiara Morena – “Não Deixa o Samba Morrer”

Clique aqui para ver a performance

Edu: Que rainha, e ainda veio com esse hino maravilhoso! Amei Maiara por demais, e já se tornou uma das minhas favoritas no time de Brown.

Gaby: Num domingo de Carnaval, não é que essa garota me surpreende? Sério, pode isso produção? Maiara foi a grande surpresa desse último dia das audições e foi uma ótima surpresa porque essa garota sabe cantar e levar a galera com ela. Ela tem carisma, presença de palco e sabe cantar. 

Let: TÔ NO CHÃO DESDE QUE ELA FALOU “quando…”. Tenho certeza que estamos presenciando a primeira apresentação nacional de uma grande cantora do nosso samba, amei demais! Arrasa, Maiara linda!

 

Pedro Borges – “Se Deus Me Ouvisse”

Clique aqui para ver a performance

Edu: Amo demais essa música, mas ela tem um poder único. Pedro estava nervoso demais, e não atendeu às expectativas. Uma pena!

Gaby: Pedro estava bastante nervoso e demorou para se soltar. Ele não canta mal, mas acredito que o nervosismo o atrapalhou bastante. #Sorry

Let: Pois é, não deu. Nervosíssimo no palco e acabando com o refrão, cruzes!

 

Gio Ventura – “Feeling Good”

Clique aqui para ver a performance

Edu: Sinceramente não gostei taaaaaaanto assim. Ok, já cantaram muito essa música em realities musicais, mas essa é a primeira vez que vejo alguém chegar na versão original, de Nina Simone, e não à maravilhosa regravação de Muse há 17 anos atrás. Mesmo assim, faltou tempero, sorry.

Gaby: Gio mandou super bem nesse hit na Nina Simone. Meu, estou ainda em êxtase com os gritinhos dessa menina. Brown disse tudo: Gio tava nervosa, mas quando Milk virou ela ficou segura o suficiente para arrasar e detonar na sua apresentação.

Let: AI PAREM DE CANTAR ESSA MÚSICA MEU DEUS SÓ ELA! Eu também não gostei tanto, acho que faltou algo na Gio. Que me conquiste na próxima.

 

João Manuel – “Te Assumi pro Brasil”

Clique aqui para ver a performance

Edu: kkkkkk, Gaby!!! Mas assim, não gostei tanto assim de mini Edu, faltou uma pitada de algo a mais.

Gaby: Olha, até que o filho – que eu só descobri agora do Edu – canta bem pakas!!! Tô de boca aberta aqui!!! Caracas! Eu que não curto sertanejo, curti muito o filho do meu amigo. Brincadeiras à parte, João Manuel pode muito bem representar o sertanejo no programa, uma vez que ele tem carisma e tem um frescor para modernizar as músicas.

Let: A voz dele é boa, o que não tava bom era a escolha musical. Vou esperar as próximas apresentações do Mini Edu para opinar.

 

Mariana Ribeiro – “Maria, Maria”

Clique aqui para ver a performance

Edu: Achei muito bagunçada a performance dela, e sem contar que a achei muito forçada. Desculpa, mas não gostei.

Gaby: Essa menina tem 14 anos? Não é uma anã não? Porque com esse vozeirão estou achando que ela enganou todo mundo! Estou impressionada com tudo isso porque Mariana já nasceu pronta para os palcos!!! Ela já é uma artista completa. Bom, é claro que ela exagerou um pouco com as caretas que fez, mas eu perdoo porque existe Milk na nossa vida.   

Let: Vou concordar com o Edu, forçadíssima. Aí pegou uma das minhas músicas favoritas e fez uma apresentação que sei lá, tava bom mas não tava tanto assim. Enfim, no final foi ficando melhor, mas não me convenceu.

 

Rebeca Marques – “Romaria”

Clique aqui para ver a performance

Edu: Assim como Gaby, já estava chorando antes da apresentação começar, pois lembro de minha falecida vozinha cantando, pois ela amava por demais essa canção. Rebeca tem uma voz poderosa que me surpreendeu demais, e ainda por cima foi pro time de Milk, que até o momento vem sendo o mais forte da disputa.

Gaby: Rebeca mal começou a cantar e eu já estava chorando até porque é impossível conter as lágrimas com essa belíssima canção. Com 11 anos e cantando desse jeito e passando tanta emoção é impossível não se apaixonar por essa garota.

Let: Acho que não existe alguém nesse mundo que não se emocione com essa música, é linda demais. Rebeca é uma artista pronta, mesmo precisando tratar um pouco a voz anasalada. Linda, dona do palco, rainha do sertanejo clássico. Amei!

 

Lívia Bernade – “Além do Arco Íris”

Clique aqui para ver a performance

Edu: Amo demais a versão em português dessa música, tanto quanto a original. Livia trouxe uma roupagem leve, descontraída, e com muito amor. Foi lindo demais, e a garota já tem um lugar cativo em meu coração.

Gaby: Hoje o dia está tão perfeito que está impossível não elogiar essas crianças ou quase crianças. Lívia começou tímida, devagar e acabou me conquistando. Que voz, que presença, que cantora! Quero mais dela no programa! Quero uma CD  da Lívia pra ontem! Quero declarar que estou apaixonada pela voz dela.

Let: Me irritou demais o tanto de vezes que ela desafinou durante a música. Mas admito que ficou uma boa versão.

 

Julia Costa – “Retrato da Vida”

Clique aqui para ver a performance

Edu: Achei essa música adulta demais para o perfil de Julia, mas adorei a garota. Com uma voz poderosa, e ao mesmo tempo angelical, ela deu um show. Jurava que ela fosse com Brown, mas curti demais de sua escolha por Milk.

Gaby: Julia parecia uma bonequinha de tão fofa que estava. Não curti muito a música que ela escolheu e acho que ela deu umas desafinadas. Achei a apresentação dela bastante esquecível. Mas foi tão bonitinho a carinha que ela fez quando Brown e a Milk viraram bem no finalzinho e eu fiquei feliz por ela.

Let: ESSA MÚSICA! Tão forte, tão poderosa, e defendida com tanta delicadeza e afinação por Julia. Que menina linda! Júlia é maravilhosa, uma das melhores de hoje – senão a melhor, e vai arrasar na temporada. Tenho certeza!

 

Arthur Staphanato – “Se Você Pensa”

Clique aqui para ver a performance

Edu: E esse irmão roqueiro esquecido dos Hanson? Arthur tem uma voz interessante, mas o achei meio desengonçado. Sem presença de palco, e ao mesmo tempo muito nervoso, e isso não lhe beneficiou. Arthur é um diamante bruto que quando lapidado vai surpreender, mas o momento não é agora, ainda mais que está na pior fase para nós homens na adolescência: a transição de voz. Espero e muito vê-lo em temporadas futuras do The Voice adulto, que com certeza se isso acontecer irá nos surpreender. O garoto tem futuro!

Gaby: Jamais pensei em escutar uma versão rock and roll dessa música e olha que me surpreendi. Arthur tem personalidade e isso é algo muito positivo. Ele canta bem? Canta. Mas precisa ter algo a mais para se destacar e o fato de ter mudado essa música clássica do Erasmo Carlos e Roberto Carlos foi bastante arriscado. Eu curti, mas pelo visto só fui eu. Continue tentando, porque uma hora você poderá acertar.

Let: Como ele ousa avacalhar esse grande clássico? Não é pela versão rock, porque já cantaram essa música em várias versões. É por essa voz terrível mesmo. Já eu espero não ver nunca mais, tchau!

 

Poliana Guaratuba – “Eu Sei de Cor”

Clique aqui para ver a performance

Edu: Apesar de eu não suportar a Marília Mendonça, Poliana até que entregou um número ok. Não foi nada extraordinário, porque rolaram inúmeros exageros, mas é aquilo lá, era a última cantora e uma vaga apenas restante. Vamos ver como será nas batalhas.

Gaby: Eu ainda estou tentando formar uma opinião sobre a Poliana. Eu não achei essa coca-cola toda não que a Milk fez para cima da garota até porque se ela fosse tudo isso, ela viraria também, não é? Bom, eu não curti a canção que ela escolheu. Achei que não combinou com a voz dela. Talvez se ela tivesse escolhido outra, eu não ficasse nessa dúvida tremenda que estou. Mas vamos ver o que Brown fará com ela e que venha uma ótima competição!!!

Let: Eu fiquei tonta de tanto que ela se balançou no palco. Por que essa apresentação para encerrar o programa? Aff! Ela pegou essa música maravilhosa da Marília e estragou, não curti nada. Brown só pegou porque precisava fechar o time mesmo.

 

 

BATALHAS

 

TIME BROWN (Gaby)

 

Daniel Arthur x Matheus Loubet x Valentina Roman – “Marvin Gaye”

Clique aqui para ver a batalha

– Que escolha interessante e que combinação de vozes surpreendente. Valentina arrasou e me deixou de queixo caído. Mas os meninos mas ficaram tanto atrás não. O trio se completou e poderiam muito bem formar uma banda pós Kids e tenho certeza que fariam sucesso. É incrível como as vozes dos três se completaram. A grande surpresa foi o Matheus com o seu vozeirão e seus passos que me conquistaram. E deve ter sido difícil a escolha de Brown porque os três foram ótimos. Daniel não errou nas notas e cantou muito.

Poliana Guaratuba x Ranna Andrade x Sabrina Santos – “Deixo”

Clique aqui para ver a batalha

– Não curti a escolha da música, mas tirando isso, até que as meninas mandaram bem e deram o melhor de si. Senti que Poliana forçou um pouco a voz e que Sabrina estava um pouco nervosa. Cantar Veveta não é uma coisa fácil e depois proferir as suas sábias palavras, Brown até que fez a escolha certa ao escolher Ranna por ser a mais natural das três, apesar de ter achado a música um pouco injusta em relação a essa batalha, mas.. vida que segue!

 

Ana Vitória x Maria Clara & Mariana x Vivian Passos – “A Fórmula do Amor”

Clique aqui para ver a batalha

– Que quarteto foi esse?! Muita fofura numa batalha só. Apesar disso tudo, o começo foi um pouco confuso e senti que demorou um pouco para as elas se encontrarem, mas quando suas vozes se encontraram foi mágico! A dupla Maria Clara & Mariana já tinham me conquistado antes e agora continuam; Vivian foi uma diva cantando e Ana Vitória foi a grande surpresa da batalha. E mais uma vez Brown fez a escolha certa.  

 

TIME CLÁUDIA (Let)

 

João Guilherme x Kaique Bueno x Pedro Souza – “Photograph”

Clique aqui para ver a batalha

– Eu tô é bem morta depois disso. Nunca me identifiquei tanto com Milk (e ela sempre arrasa nas músicas), eu tava chorando demais, querendo todos. Três personalidades, três vozes, três cantores incríveis e tão diferentes. Essa batalha com certeza entrou para a história das melhores do programa. E exatamente por isso que qualquer um deles ser eliminado doeria demais. E doeu. Pedro realmente foi o mais completo e ele já deveria ter levado um passaporte direto para os lives desde a sua audição. Mas foi triste ver João ir embora, o agudo dele no refrão é inesquecível. Pena por Kaique também e pelo seu vozeirão naquele corpinho tão pequeno e fofo. Lindos, lindos! 

Bia Rosa x Julia Costa x Yasmin Giacomini – “Pra Ver Se Cola”

Clique aqui para ver a batalha

– Meu Deus que coisa mais fofaaaa!!! Milk tá querendo destruir a gente, só pode! Colocou na mesma batalha três meninas com potencial de final, e que fizeram uma das melhores apresentações que eu já vi nesse palco. Diferente da outra batalha, o que pegou aqui foi que tava tudo muito único, muito perfeito, as três são incríveis juntas. Mas só pode ficar uma, e seria justo qualquer escolha. Foi Yasmin, e que linda! Obrigada por isso, Milk! 

 

TIME SIMONE & SIMARIA (Edu)

 

Eduarda Brasil x Rayane Lima x Victória Andrade – “126 Cabides”

Clique aqui para ver a batalha

– Cantar a música das próprias técnicas foi de uma responsabilidade muito grande para esse trio, que soube tirar muito bem de letra. Pra mim Eduarda e Victoria foram os destaques por aqui, que conseguiram ser dois extremos que juntos havia conexão. Já Rayane, entretanto, beirou tudo de um exagero muito desnecessário. Gostei da minha xará sendo escolhida, mas se tivesse sido Victoria também ficaria bem feliz.

Lorenzo Fortes x Luis Henrique Schultz x Victor Hugo Dias – “Louca de Saudade”

Clique aqui para ver a batalha

– Gente, eu adorei essa batalha, sério. Os três foram muito bons, a sincronia entre os garotos foi algo único, e francamente eu não saberia qual deles escolher. Fiquei bem surpreso das coleguinhas escolhendo Luis, jurava que Victor sairia vitorioso, por mais que na verdade eu quisesse que os três vencessem.

 

Augusto Michel x Jhony Wlad x Matheus Laurindo – “Fogão de Lenha”

Clique aqui para ver a batalha

– Essa batalha foi a melhor desse domingo – junto com a de Bia, Julia e Yasmin – disparada! “Fogão de Lenha” é uma música muito profunda, e é impossível não se emocionar. Esses meninos souberam entregar um número impecável, cantado com muito amor, sinceridade e de coração. Augusto soube extrair um poder a mais dentre os demais, e por isso foi merecidíssima a vitória dele.

E então gente, curtiram? Choraram muito também? Por nós estamos chorando até agora. Foi lindo né?

About Team Mix Reality

#TeamReality no Mix de Séries é responsável pelos realities shows.