The Walking Dead – 8×07 – Time For After

Imagem: AMC/Divulgação

Essa semana, The Walking Dead criou os pontos de tensão necessários para um bom mid-season finale. Algumas tramas abertas – e arrisco dizer, meio sem sentido – foram finalizadas e, finalmente, aquilo que começaram no início da temporada parece estar moldando suas consequências.

Eugene (Josh McDermitt) passou boa parte do episódio sofrendo consigo mesmo, tentando encontrar o seu propósito e lealdade. De um lado, Gabriel (Seth Gilliam) – que não foi infectado, mas está bastante doente – o aconselhando a ajudá-lo a tirar o Dr. Carson (R. Keith Harris) do Santuário e levá-lo de volta para Hilltop. Do outro, Negan (Jeffrey Dean Morgan) o obrigando a solucionar de uma vez por todas o problema com os mortos que estão do lado de fora. Com embates entre ele e Dwight (Austin Amelio), ele termina por decidir de uma vez por todas servir a Negan. Antes eu acreditava que essa foi a chance do personagem se redimir. Agora, depois de ver o caixão da falecida Sasha (Sonequa Martin-Green) e da criação de um quase drone, achei bem mais interessante um lado vilão do Eugene, que busca somente sua segurança, como ele mesmo disse.

Imagem: AMC/ Divulgação

Em outro ponto de vista, temos Daryl (Norman Reedus) e Tara (Alanna Masterson) executando o plano agressivo contra os Salvadores. Morgan (Lennie James) já está por lá com outros snipers preparados, mas Rosita (Christian Serratos) decide não fazer parte daquilo. Conseguimos notar o amadurecimento da moça após a perda de Sasha. Dessa vez, ela age com consciência e o mesmo faz Michonne (Danai Gurira), que acaba indo embora nos 45 do segundo tempo. Com isso, o plano acontece e logo a entrada do Santuário está destruída.

Já Rick (Andrew Lincoln) está preso e de cuecas no lixão. Não forcei durante a escrita da frase, é real! Após a traição de Jadis (Pollyanna MacIntosh), por que raios ele foi SOZINHO pedir a ajuda dela? Estranho, mas enfim… Ele acaba em outro dos testes da mulher – mais um walker cheio de ferros na cara – e dessa vez ele aprendeu a lição. Dá uma surra em todos os capangas, arranca a cabeça do morto e consegue finalmente a aliança que queria.

Ele segue com o grupo do lixão até o Santuário e se assusta com o que vê: todo o caminho foi limpo e não há mais nenhum walker por ali. Não era exatamente o que ele esperava.

O episódio foi bom, como dito no começo dessa review, serviu para nos preparar para um bom hiato. Assista a promo do próximo episódio, nos diga o que está achando até então e fique de olho semana que vem!

Time for After

Nota do episódio - 8

8

Review do sétimo episódio da oitava temporada de The Walking Dead, da AMC, intitulado “Time for After”.

User Rating: Be the first one !

About Rodrigo Sodre

Rodrigo é um rapaz que cresceu, mas manteve todas as alegrias da infância consigo. Com 23 anos, é formado em Jornalismo e joga videogame desde quando usava fraldas. Apaixonado por zumbis, começou a se interessar pelo gênero quando viu a primeira intro de Resident Evil 2. Hoje é fã fiel de The Walking Dead, e continua jogando, lendo, vendo filmes e séries.