The X Factor UK – 14×15/16 – Judge’s House

Imagem: iTV/Divulgação

Olar, amigos!

Chegou a sempre tensa Judge’s House,  é hora de cortar os times pela metade. E olha, foi surpreendente mesmo, um dos anos mais justos do programa. Mas chega de papo, vamos ver como foi?

OVERS 28’S (Carol)

UHUL, Africa do Sul! Cenário lindo para os Overs soltarem a voz e nossa não querida Nicole tentar não cometer nenhum desatino.

OS ESCOLHIDOS

Kevin: Ele chegou com música autoral, já arrasava antes, nesse momento então. Senhor completão. De longe o melhor dessa categoria.

Matt Linnen: Eu gosto dele profundamente, apesar de achá-lo muito introspectivo, ótima voz, sentimento.

Tracy: Acho que foi um erro, não pelo talento, porque ela tem, mas o conjunto parece destoante, a voz não combina com a performance, e ambos não combinam com o look.

 

OS ELIMINADOS

Slavko: Ele é um evento, mas foi tarde.

Berget: Nossa, foi um desastre não digno dela. Facilmente perdoaria os errinhos e a colocaria no lugar de Tracy. Muita pressão, primeira vez que ela foi além da zona de conforto, acabou pisando na jaca, isso também pode ser um indicativo de que ela não canta qualquer coisa.

Talia: Errou na escolha da música na minha opinião, mais falada que cantada, não mostrou seu potencial, mas ainda acho que colocaria ela no lugar da Tracy.

Balanço Geral: Um errinho chamado Tracy, mas, Kevin é o carro chefe dessa categoria, então […]

Top 3 OVERS 28’S:

– Matt Linnen

– Kevin Davy White

– Tracy LeAnne Jefford

 

 

GIRLS (Edu)

Mrs. O abriu as portas de sua luxuosa mansão, e ainda proporcionou um revival do saudoso The Osbournes, ao escalar seus filhos Kelly e Jack Osbourne para serem seus conselheiros.

AS ESCOLHIDAS

Holly: Gente do céu, que garota mais preparada. Holly é tão nova, mas a sensação que tenho é dela já ser uma expert no assunto. Toda segura de si, a candidata mostrou mais uma vez o porquê dela ser um dos grandes nomes da temporada.

Rai-Elle: Estou bem surpreso até agora com a apresentação da garota, que fiquei arrepiado. Depois dessa, seria uma grande injustiça se Sharon não a levasse aos live shows.

Grace: Grace infelizmente deixou o nervosismo falar alto, mas mesmo assim conseguiu manter o nível de suas apresentações anteriores. Não foi o seu melhor número, devido a isso, mas foi o suficiente para mostrar que mesmo não estando em seus melhores dias, o quanto a moça está pronta para ir muito longe na disputa. Rainha, o trono já é seu!

AS ELIMINADAS

Deanna: Infelizmente ela se deixou tomar pelo nervosismo, e mesmo Sharon tendo dado uma chance dela se apresentar novamente, não foi o bastante para mantê-la. Me deu uma agonia gigantesca, e gostei de Kelly dando o maior suporte a Deanna.

Alisah: Se tem uma pessoa que me decepcionou foi Alisah. Sua audição foi tão maravilhosa, que achava que ela teria chances de finalista, mas a qualidade de suas performances foi apenas caindo, algumas beirando o desespero. Essa apresentação só provou que a jornada dela chegou ao fim.

Georgina: Não achei que tenha sido ruim a performance de Georgina, mas a essa altura do campeonato eu esperava algo bem maior. Algumas falhas foram evidentes, sem contar o nervosismo se sobressaindo. Doeu ver Georgina saindo, mas estou com um feeling de que ela possa ser o wildcard da categoria, vamos ver.

Balanço Geral: Diferente de sua colega de bancada, Sharon foi totalmente coerente em suas escolhas. Na minha opinião a categoria girls definitivamente está indo aos live shows totalmente forte, e agora é torcer para que não haja nenhum tropeço nessa jornada.

Top 3 GIRLS:

– Grace Davies

– Holy Tand

– Rai-Elle Williams

GROUPS (Let)

Cheryl, a embuste, voltou, e já influenciou mal Simon. Apresentações poderosas de uma das temporadas mais fortes para os grupos. Amei e não foi pouco, e que bom que Simon não viajou tanto assim.

OS ESCOLHIDOS

The CutKelvins: Ufa! Passaram, e com mais uma apresentação maravilhosa, hein! Os irmãos não cansam de surpreender, e concordo com o Simon, ela não tem noção do quanto são bons. Tudo que vejo quando olho para eles são possibilidades em arrasar, em fazer coisas diferentes, em conquistar o sucesso de verdade.

Rak-Su: Amo eles, e não tinha como não passar. Todo o swing, toda a personalidade e originalidade em cantar mais uma canção autoral foi ó, incrível. Nem sei o que dizer mais, eles estão prontos e vão sim arrasar muito ainda, aliás, foi a única coisa que concordei com Cheryl, eles tem apelo mundial.

Sean & Conor Price: Tá aí a escolha que eu não concordei. Acho tudo horrível, pior apresentação deles até agora. Desafinados, chatos, mais do mesmo. Parece que eles estacionaram no anos 90 e não saíram mais de lá. Preguiça define!

 

OS ELIMINADOS

Lemonade: Doeu meu coração ver as meninas eliminadas. Não achei justo, mas até entendo. Tem tanta girlband atualmente que dá mesmo um ranço de ter mais uma, principalmente porque elas não apresentam nada novo, mesmo sendo ótimas. E a insistência em cantar acapella irritou um pouco, tirou a força da apresentação. Pena! Mas voltem ano que vem.

Jack & Joel: Acho eles uns chatos, sem personalidade. Cada vez apostam em um estilo diferente, eu fico cansada olhando eles, sinceramente. Tava tensa achando que iriam passar porque nossa, Cheryl só faltou canonizar eles, mas coisa boa que Simon pensou direito.

New Girl Band: Olha, até que foram longe, hein! Odeio tudo que envolve essa junção bizarra das eliminadas, e aplaudi de pé a eliminação. Até nunca mais!

Balanço Geral: Simon não tava surtado e foi justo em suas escolhas, e esse ano a categoria promete. Ansiosa define.

 

Top 3 GROUPS:

– The CutKelvins
– Rak-Su
– Sean & Conor Price

 

 

BOYS (Luke)

Só sei que o negócio foi bem pesado e por aqui não rolou conseguir segurar o choro, então fiquei bem derrubado na hora das escolhas. Me julguem! Cenário lindo, cheio de cultura e que deu inveja das bem grandes!

OS ESCOLHIDOS

Sam Black: Confesso pra vocês que não fiquei dos mais felizes quando vi que Sam tinha sido escolhido pra voltar, até porque ainda restava uma esperança por Benji. Mas fora isso, eu não consegui gostar da performance dele ai na Judge’s House, então fiquei bem surpreso com ele sendo um dos escolhidos pelo Louis.

Spencer Sutherland: Esse menino mais uma vez foi uma baita surpresa! Lembro de ter realmente prestado atenção nele na fase de grupos do bootcamp e no 6CC ele voltou a impressionar, mas gente, fiquei bem destruído aqui vendo ele cantar essa música linda que fez pro pai e com certeza estava na minha torcida pra ser escolhido. Merecido!

Lloyd Macey: Fiquei feliz pelo Lloyd, porque o cara realmente tem muito talento, mas em relação a performance dele nessa fase eu não consegui gostar. Não sei, mas achei teatral demais da conta e vou torcer fortemente pra que ele saiba escolher bem as músicas na próxima fase.

OS ELIMINADOS

Aidan Martin: Já adianto que pra mim essa foi a eliminação mais injusta da categoria. Ele é chorão e toda vez desaba depois de cantar? Sim, mas gente, o menino tem uma voz tão maravilhosa e um talento que me ganhou desde as audições, então fiquei sim muito chateado com sua eliminação.

Jack Mason: Esse menino tem uma ótima voz e nessa fase mandou bem demais cantando “Clown”, mas também não estava entre os que eu escolheria, então só resta desejar muito sucesso pra ele.

Leon Mallett: Eu fiquei foi bem decepcionado com a performance do Leon nessa fase viu. No 6CC o menino tinha mandado muito bem e mostrado que valeu a pena separar ele do irmão, mas no momento que realmente deveria entregar seu melhor, pareceu mais que ele deixou o nervosismo tomar conta. Espero que ele se prepare um pouco mais e volte numa outra temporada, pois realmente tem potencial.

 

Balanço Geral: Eu ainda estou surpreso com a escolha do Sam nesse top 3, mas quem sabe não acabo me impressionando. No geral fiquei com o pé atrás nas escolhas do Louis, mas temos aqui ótimos acts e com sorte o nosso LuLu pode se dar bem nessa temporada.

 

Top 3 BOYS:

– Sam Black

– Spencer Sutherland

– Lloyd Macey

 

E o que vocês acharam das apresentações e das escolhas?

 

Comments

comments

About Team Mix Reality

#TeamReality no Mix de Séries é responsável pelos realities shows.
  • Eduardo Nogueira

    Cheryl, a embuste… AHUAHUAHAUHAUHAUHAUAHUA