3% – 1×01 – Cubos [SERIES PREMIERE]

Imagem: Netflix/Divulgação

Imagem: Netflix

 

“O mundo dividido em dois lados. Um farto e um escasso. Entre eles, um processo de seleção.”

A primeira série brasileira da Netflix estreou hoje (25) em 190 países que contam com o serviço de streaming. Este é um motivo de muito orgulho para nós que apreciamos a cultura nacional e incentivamos o crescimento dos nossos artistas. Em 3%, de cara, mesmo que não soubéssemos que foi filmada no Brasil, saberíamos identificar. A miscigenação e até as expressões, pelo menos a meu ver, são muito características nossas.

Falemos então do início do processo. Foi um excelente começo. Em um episódio, nos foram apresentados os protagonistas e algumas de suas principais características. Conhecemos onde fica a base do processo: Amazônia Subequatorial. Terem escolhido o coração do mundo para mostrar o desastre do País foi uma grande sacada.

Continua após a publicidade

Os jovens, ao completarem 20 anos, têm sua chance de entrar no Maralto, um lugar incrível que tem todo o conforto que eles não possuem na favela. Isso me trouxe um déjà vu de Jogos Vorazes, mas com a grande diferença de que aqui todos querem entrar, enquanto nos filmes todos querem sair. Pouco se sabe do “lado de lá”, mas conhecemos algumas figuras, como Ezequiel, chefe do processo, e Nair, parte do conselho superior do Maralto.

Imagem: Netflix/Divulgação

Imagem: Netflix

Diferente dos anos anteriores, desta vez os chefes estão particularmente preocupados com os 3% que vão passar. O lugar de paz e retidão sofreu, em mais de 100 anos de existência, sua primeira baixa por violência. Culpa do Ezequiel? Se for, ele não deixou transparecer de forma alguma. Porém, vejo nele uma pessoa sádica e ambiciosa. O papel caiu como uma luva para João Miguel.

Mais do que gostar deste momento inicial do roteiro, também gostei da reviravolta dada em apenas um episódio. Não existe espaço para ser só do bem ou só do mal. As pessoas ali estão para “ignorar seus sentimentos”. A maior prova disso vem da Michele. Será ela responsável pela grande revolução orquestrada nos bastidores pelos revolucionários, ou simplesmente será mais um membro da causa? Existe muita expectativa para que ela seja o abre-alas, pois a personagem é bem forte.

Essa prova dos cubos parece ser fichinha perto do que está por vir e posso dizer que fui cativado pelo enredo. A diversidade apresentada é fundamental para agradar diversos gostos. Quem gosta de drama vai maratonar essa série em um final de semana, pois não tem como esperar pra saber o que acontece a seguir.

3% começa com o pé direito e iremos, juntos, acompanhar essa caminhada.

Equipe Mix

Equipe Mix

Perfil criado para realizar postagens produzidas pela equipe do Mix de Séries.

No comments

Add yours