3% – 1×05 – Água

Imagem: Netflix/Divulgação

Imagem: Netflix/Divulgação

Pessoal, me deem uma licença de deixar o lado crítico de fora deste primeiro parágrafo para declarar toda minha gratidão pelo quinto episódio dessa série. Que coisa sensacional. E olha que saímos completamente da continuidade de conhecermos os candidatos para sabermos mais da vida do selecionador, e chefe do processo, Ezequiel. Na verdade, o que ganhamos aqui foi o melhor episódio já entregue até o momento. Talvez a ausência do elenco “Malhação” tenha contribuído para isso, mas, senhoras e senhores, mergulhem comigo na análise de “Água”.

Maria Júlia, até então citada apenas uma vez por Aline em um dos confrontos com Ezequiel, mostra o ar da graça em flashbacks. Que perfeição a escolha da atriz e o par perfeito que fez com ele. Desde o início deu para entender que ela tinha uma afeição toda diferenciada por crianças e isso nos entregou, já desde o início, que existia uma história por traz desse seu interesse em manter mães antes dos 20 anos do lado de cá. Mas vermos o momento que ela chega a fazer essa revelação, uau, foi de uma emoção sem igual até o momento.

Imagem: Netflix/Divulgação

Imagem: Netflix/Divulgação

Continua após a publicidade

Confesso, sim, que achava no começo que seria um episódio entediante e que nada acrescentaria, mas como foi bom estar enganado. A analogia de “Água” não só nos explicou porque o chefe do processo realiza seu ritual bizarro, mas também o porquê dele o valorizar tanto. Talvez tivesse escorrido uma lágrima dos meus olhos se eu não estivesse tão curioso para ver a sequência das cenas e o que iria se desenrolar a partir do momento que Maria Júlia perde o controle.

Sabemos agora que Augusto é, na verdade, enteado de Ezequiel. Alguém que ele nunca soube da existência até pouco antes da morte de sua esposa. Esse carinho nutrido pelo menino é, na verdade, muita culpa de sua parte. Graças a sua intolerância, eles não puderam estar juntos e, quem sabe, felizes até hoje. Será que isso afetou sua perspectiva em relação ao Maralto? Só saberemos provavelmente no capítulo final. A verdade é que, enfim temos uma história em que nossa emoção foi amarrada de forma brilhante e não me cansarei de elogiar a produção por, finalmente, terem salvado a continuidade da trama. Espero que Augusto seja também um símbolo dessa revolução.

Agora para falar dos poucos minutos que foram relatados do presente, Aline finalmente botou as garras de fora e mostrou seu interesse em ter o lugar de Ezequiel. Será que vai obter sucesso? É, meus amigos… será uma guerra sem quartel e estou ansioso para ver os últimos três episódios dessa primeira temporada!

VAMOS RELEMBRAR 1 – “As mães não dão nomes aos filhos, afinal, não se sabe se vão voltar” – Maria Júlia
VAMOS RELEMBRAR 2 – “Você é criador do seu próprio mérito” – nunca fez tanto sentido.
VAMOS RELEMBRAR 3 – Foi o melhor episódio. Mais palmas, por favor!

Equipe Mix

Equipe Mix

Perfil criado para realizar postagens produzidas pela equipe do Mix de Séries.

No comments

Add yours