3% – 1×07 – Cápsula

Imagem: Netflix/Divulgação

Imagem: Netflix/Divulgação

Continua após as recomendações

O que descobrimos na aventura de hoje? Em termos de avanço na narrativa, nada. Tivemos uma estagnação, algo incomum em um episódio que antecede uma season finale, mas vamos dar o devido desconto já que a história principal proposta pelo projeto já foi contada e já sabemos quem vai para o lado de lá. “Cápsula” serviu exclusivamente para provar que Ezequiel é o personagem que mais se sobressai de todo o processo. Isso não sou eu só falando não, são as provas dadas pelos elementos apresentados desde a prova dos cubos.

Michele enlouqueceu de vez e quis se livrar de uma vez por todas do chefe do processo. Mas não obteve sucesso e seu veneno fez o serviço em César, parte dos selecionadores. Justo no momento de integração entre candidatos e sociedade do Maralto ela apronta uma dessa. Isso só prova que ela não é uma pessoa que abraçou a causa. Ela só quer vingança. Tenho certeza de que isso será colocado em panos limpos no próximo capítulo. Foi muita burrice e, francamente, meio sem noção de termos de ver algo assim acontecer.

Continua após a publicidade

Imagem: Netflix/Divulgação

Imagem: Netflix/Divulgação

Em meio aos interrogatórios feitos por Ezequiel, Fernando e Rafael são os que sofrem maior pressão, mas é Michele quem mais demostra nervosismo. Neste momento eu já tinha certeza de que ele sabia da verdade, mas queria ver como ela reagia e o que poderia tirar de proveito. E, meus caros, ele soube tirar proveito. O óbvio às vezes se faz necessário e fiquei feliz que aqui tenha se confirmado. Ele conseguiu incriminar Aline em um plano perfeito arquitetado com a Nair. De quebra, ainda desacredita o Conselheiro Matheus. Uma jogada de mestre!

Vamos ver se Aline consegue se livrar dessa. Deve conseguir com certeza, pois sua personagem é muito forte e ela não descansará enquanto não resolver essa questão. Suas cenas são as melhores e precisamos que elas continuem. Não podemos ficar reféns apenas de termos os, agora ex-candidatos, como plano de fundo. Ah, também seria muito bom se os outros Conselheiros abrissem a boca. Nair contra Matheus sem nenhuma intermediação me parece forçado demais. Esse povo não tem boca não?!

Por último, fica nossa curiosidade para saber o que vai dar deste enfrentamento aguardado desde a series première: Ezequiel contra Michele. De que lado você está? Aliás, serão eles de verdade inimigos? Vamos aguardar a confirmação, se é que virá, e encerrarmos a primeira parte da história e fazermos a análise final.

Nenhum comentário

Adicione o seu