A abertura detalhista de 11.22.63

11.22.63

Continua após a publicidade

 

Créditos de abertura de quaisquer série é o momento que muitos usam para buscar uma bebida na cozinha, ou até mesmo de ir ao banheiro. Mas, para aqueles que adoram acompanhar seu programa preferido desde o início, sabem que desde os tempos de The Twilight Zone as sequências iniciais são surpreendentes e que, às vezes, ajudam o telespectador a entrar no clima daquilo que está prestes a assistir, como é o caso de The Walking Dead.

Entretanto, uma das melhores produções da atualidade não pode ficar de fora dessa nossa análise de hoje, que é 11.22.63. Com uma composição musical de J.J. Abrams e uma autoria de criação não divulgada, os créditos iniciais deste surpreendente drama brincam com elementos reais trabalhados pelo roteiro, mas também trazem tudo isso de uma maneira única e criativa – embola-se os principais pontos da investigação, que concluiu-se sem uma resposta, em uma daquelas teias policiais feitas para que o detetive possa visualizar os suspeitos, as provas e as cenas do crime.

 

 

De acordo com um levantamento da Hitfix, estão presentes na abertura: a limusine Lincoln Continental que levava John F. Kennedy e sua esposa, Jackie Kennedy, naquele fatídico dia de novembro de 1963; o prédio Texas School Book Depository, que recebe a administração do Condado de Dallas, onde Lee Oswald mirou para atirar no Presidente; o rifle usado pelo então assassino e vários elementos presentes no livro de Stephen King, como o Al’s Diner e as fitas que Jake Epping (personagem de James Franco) usou para espionar Lee Harvey. 

Todavia, há uma variação nas aberturas. Explico. Para quem voltar e assistir os créditos iniciais do segundo episódio, vai perceber que ele é diferente daquele conferido no piloto. A mala, o relógio e os degraus do Al’s Diner, estão diferentes. Mas por quê? Dois motivos – o primeiro é que naquela ocasião, o roteiro se dispõe a falar e tratar de tudo o que aconteceu em uma trágica noite de Halloween; o segundo é que é a partir da continuação do piloto que o personagem título se joga, quase que completamente, no passado e na sua aventura pelo tempo.

Para quem ficou curioso por esses detalhes, assista abaixo a abertura completa de 11.22.63. Que tal se aventurar em mais esse drama baseado no romance de Stephen King, hein? Acompanhe aqui nossas reviews.

 

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=6SQiQixsh3Y[/youtube]

 

Avatar

Bernardo Vieira

Catarinense e estudante de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.

No comments

Add yours