A não libertadora abertura de Prison Break

A origem de Prison Break veio de um conceito: Um homem colocando-se na cadeia para salvar outro homem. Isso foi primeiramente sugerido a Paul Scheuring pelo produtor Dawn Parouse, pois ele gostaria de uma série de ação. Scheuring achou que era uma ótima ideia mas não sabia como ajudar, como convencer o espectador sobre um homem que faria tamanho sacrifício. Daí veio a ideia da conspiração sobre um homem e seu irmão tentando salvá-lo, a partir disso começou a construir os personagens e as cenas.

Em 2003, Scheuring lançou a ideia para a Fox, que se sentiu insegura com o tanto de história que isso poderia render e recusou a oferta, ele ainda tentou em outras emissoras sem sorte. Pensaram então em fazer um filme, depois uma minissérie de 14 episódios, onde até Steven Spielberg mostrou interesse em produzir porém recusou devido ao seu envolvimento com War of the Worlds. Foz em 2004 estava fazendo muito sucesso com 24 horas e Lost e daí então decidiu dar o chute inicial a Prison Break, Fox, obrigada!

Cada temporada possui uma abertura que remete aos fatos que irão acontecer durante ela. E o mais engraçado é que, só pela figura abaixo podemos resumir o que houve na série: Cadeia na primeira temporada, liberdade na segunda, cadeia na terceira e loucura Scylla cibernética frenética na quarta.

 

Continua após a publicidade

abertuas prison break

 

A série toda é muito escura e triste, o protagonista Michael Scofield só sofre, só sofre, só sofre! Lincoln Burrows também, os irmãos da desgraça. Mas como li em um texto esses dias atrás, não há crescimento pessoal sem você passar pela merda desgraça. É o que vemos por aqui! Michael é muito inteligente, e isso é mostrado nos quadros que aparecem nas aberturas, ele inventou uma tatuagem com a planta da cadeia onde o irmão estava, ele arquitetou cada detalhe. Uma cena muito marcante da abertura da primeira temporada é a do origami, símbolo da série na minha opinião.

 

PB aberturas

 

O tema musical da abertura trás um suspense, que ajuda na transição de cenas rápidas sobre o resumo da temporada. As cenas de ação que envolvem as fugas, perseguições e correrias, fazem nosso coração sair pela boca ainda mais quando toca a musiquinha. Ela se tornou inconfundível aos fãs. Prison Break foi prejudicada pela crise dos roteiristas em sua terceira temporada e daí em diante foi só ladeira abaixo até o cancelamento/finalização, que acabou sendo um filme em forma de episódio duplo.

Seja a mudança que você quer ver no mundo! -Michael Scofield

Confira as aberturas todas lindas e reunidas nesse vídeo pra lá de nostálgico:

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=ar2Oq2ENsrU [/youtube]

 

Prison Break foi a primeira série que vi completa, me apaixonei mil vezes pelo Scofield e fui despedaçada por sua SPOILER morte heroica. Beijinhos pessoal, não tentem reproduzir nenhuma cena dessas em casa (ou na cadeia), obrigada!

Caroline Marques

Caroline Marques

Engenheira de Alimentos, mestre em química de alimentos, um tanto quanto viciada em séries, filmes e livros. Fã de Hannibal, Dexter, Grey's Anatomy, Demolidor, Sherlock e Stranger Things. Reviewer de Chicago PD.

No comments

Add yours