A verdade não dita sobre Cobra Kai na Netflix

Cobra Kai verdade não dita

Cobra Kai esconde segredos na Netflix

Karate Kid é um dos filmes adolescentes mais importantes da década de 1980, uma era repleta de clássicos. Ralph Macchio estrelou como Daniel LaRusso, um novo garoto na cidade que aprende caratê com o sábio Sr. Miyagi (Pat Morita), que ele usa para derrotar os membros agressivos do violento e dissimulado dojo Cobra Kai. Liderando os vilões: Johnny Lawrence. Como retratado por William Zabka, Johnny é o próprio exemplo de um vilão de filmes adolescentes dos anos 80. Rico, loiro, chorão e que importuna um garoto mais fraco principalmente para se divertir. 

Continua após publicidade

Johnny recebe seu castigo (por meio de um chute certeiro de Daniel) no All Valley Karate Tournament. Mas o que aconteceu com Johnny depois do caratê? Ele se tornou um cara divorciado e beberrão de 40 anos que começou a ensinar caratê para colocar sua vida nos trilhos.

Continua após a publicidade

Essa é a premissa de Cobra Kai, um drama moderno que continua a história de The Karate Kid, contada da perspectiva de Johnny Lawrence. Aqui está tudo o que você precisa saber sobre o grande sucesso do streaming. 

Continua após publicidade
Imagem: Divulgação

Todas as plataformas queriam Cobra Kai

As duas primeiras temporadas de Cobra Kai, lançadas em 2018 e 2019, estrearam exclusivamente no YouTube Red. Mais tarde renomeado para YouTube Originals, o serviço de streaming oferecia entretenimento com script original e sem anúncios. Alguns programas incluem Step Up: High Water, Wayne e Origin. Mas Cobra Kai foi facilmente a série de maior visibilidade, levando milhões de assinantes para uma nova plataforma. Tudo num campo que inclui campeões da indústria como Netflix, Amazon Video e Hulu.

Na verdade, todos os três desses gigantes estavam altamente interessados ​​em adquirir Cobra Kai para seus grandes catálogos. Reuniões foram feitas entre os produtores e todas estas plataformas, além do canal AMC. Era uma briga acirrada para ver quem seria dona do projeto.

Continua após publicidade

O site de vídeos venceu a disputa de licitação, mas no final perdeu a guerra. Afinal, Cobra Kai acabou na Netflix para sua terceira temporada em 2021 (e uma quarta temporada planejada). O motivo: o YouTube saiu do negócio de fazer séries originais.

Cobra Kai 3 temporada
Imagem: Divulgação

Duas homenagens cômicas deram origem a Cobra Kai

A ideia de Cobra Kai veio de um filme não realizado dos criadores do programa. O conceito da série, entretanto, parece ter surgido de duas referências humorísticas. E ambas realizadas em homenagem a Karate Kid.

Em 2007, No More Kings, uma banda voltada para a cultura pop, lançou um vídeo para “Sweep the Leg”. Só que essa é uma música que leva o nome de uma das linhas mais famosas de Karate Kid. No vídeo de sucesso, William Zabka (que também dirigiu) retrata um Johnny de meia-idade, vivendo em um trailer com sua gangue Cobra Kai. Além disso, ele ainda é assombrado por sua derrota em All Valley e enfrentando Pete Mitchell do No More Kings. No final, a luta foi um sonho, mas Johnny é atropelado por Ralph Macchio.

Em 2013, Zabka assumiu outra visão irônica em seu papel mais famoso. Dessa forma, estrelou como uma versão de si mesmo em sete episódios de How I Met Your Mother. A temporada final da série se passa quase inteiramente no decorrer do fim de semana de casamento de Barney Stinson (Neil Patrick Harris). E Zabka recebe um convite para as núpcias porque Barney, um grande fã de Karate Kid, acha que Johnny Lawrence é o verdadeiro herói do filme.

Cobra Kai não teria acontecido se outro “reboot” não existisse 

Desde meados de 2016, reboots têm sido o nome do jogo na televisão. Programas vintage como Arquivo X, Twin Peaks, Will and Grace e Roseanne voltaram. Assim, eles abriram caminho para Cobra Kai.

Mas essa não é a primeira vez que Hollywood tenta trazer de volta The Karate Kid. The Next Karate Kid, um reboot suave da série de filmes com Hilary Swank substituindo Ralph Macchio, fracassou. No entanto, um remake de 2010 estrelado por Jaden Smith e Jackie Chan foi um sucesso de bilheteria, mostrando que o público moderno estava interessado na franquia.

Porém foi outro reboot que ajudou diretamente o desenvolvimento de Cobra Kai. Os criadores Josh Heald, Jon Hurwitz e Hayden Schlossberg foram todos roteiristas de sucesso. E seu projeto dos sonhos era “nosso próprio filme de ‘Karate Kid’ chamado ‘Cobra Kai’, onde iríamos encontrar esses personagens e aprofundar a vida e a psique do homem de preto, Johnny Lawrence“, escreveu Heald no The Hollywood Reporter

Considerações de negócios impediram que o filme acontecesse, até que um dia os criadores viram um outdoor em Los Angeles anunciando Fuller House, a continuação de Full House, da Netflix. Essa nova série teria Andrea Barber como a irritante vizinha Kimmy Gibbler. “Se agora vivêssemos em um mundo onde Kimmy Gibbler pudesse aparecer em um outdoor, Johnny Lawrence também poderia.

E assim, o trio começou a transformar sua ideia de filme em uma série de TV.

Cobra Kai 10 fatos sobre Karate Kid
Imagem: Divulgação.

Ralph Macchio foi uma adição tardia a Cobra Kai

Depois de obter as devidas autorizações legais, os criadores realmente precisavam do envolvimento de duas pessoas para garantir que seu projeto fosse produzido: as estrelas de Karate Kid William Zabka (Johnny Lawrence) e Ralph Macchio (Daniel LaRusso). O primeiro foi fácil.

Nós conhecíamos William muito bem, tendo trabalhado juntos anteriormente”, afirmou Josh Heald ao The Hollywood Reporter. “E imediatamente ele confiou em nossos instintos para conduzir Johnny Lawrence ao novo milênio.”

Garantir Macchio seria mais complicado.

Nenhum de nós o conhecia, mas ouvimos que ele estava muito hesitante em se envolver com qualquer coisa relacionada ao Karate Kid“, disse Heald ao Business Insider. “Ele passou 30 anos recusando qualquer coisa relacionada ao Karate Kid, preferindo a segurança de deixar o legado de Daniel LaRusso ficar no passado“, explicou ele ao The Hollywood Reporter.

A equipe criativa permaneceu persistente e acabou garantindo um almoço com Macchio. “E aquele almoço se transformou em um almoço de quatro horas. Além disso, foi lá que apresentamos toda a série”. Depois de alguns telefonemas, “no final daquela semana, Ralph estava de volta“.

Cobra Kai fatos terríveis Karate Kid
Imagem: Divulgação.

Como Cobra Kai teve seus “flashbacks” de Karate Kid

A perda surpreendente de Johnny Lawrence para Daniel LaRusso, no All Valley Karate Tournament, em 1984, pesa sobre Cobra Kai – é aparentemente o evento definitivo ou ponto de virada na vida do personagem de William Zabka. O que antes era uma vida de privilégios, orgulho e arrogância se desintegrou. Quando os eventos da série começaram, Johnny está divorciado e sem sorte. Cobra Kai é a história do Karate Kid do ponto de vista dele e, como tal, envolve novas imagens do torneio All Valley.

Existem ângulos e tomadas em alguns dos flashbacks do ponto de vista de Johnny e do ponto de vista de Daniel“, disse o astro Ralph Macchio à Uproxx. A equipe de Cobra Kai teve acesso aos arquivos da produtora de Karate Kid, Columbia Pictures, “e eles puderam usar imagens do filme que nunca apareceram no filme”.

“Incorporar ângulos de câmera não usados ​​de Johnny e especialmente um close-up dele levando um chute no rosto realmente nos ajudou a alcançar nossa visão.“, afirma o produtor Hurwitz.

Os títulos dos episódios de Cobra Kai são carregados de significado

Por se passar no universo dos filmes de Karate Kid, Cobra Kai é recheado de referências grandes e pequenas à franquia dos anos 80. “Ao lançar Cobra Kai, decidimos que nossos títulos não deveriam ser apenas ligados tematicamente ao conteúdo do episódio, mas às vezes trariam referências aos filmes originais“, disse o cocriador Josh Heald ao Entertainment Weekly. Por exemplo, o primeiro episódio da série, que estabelece que a vida de Johnny está em frangalhos, desde que perdeu o All Valley Karate Tournament para Daniel LaRusso três décadas antes, é intitulado “Ace Degenerate”, algo que um dos amigos de Johnny o classificou em Karate Kid.

No primeiro Karate Kid, o líder do dojo Cobra Kai, Kreese, disse que “um inimigo não merece misericórdia”, e isso é referenciado nos nomes do final da primeira temporada, “Mercy”, e no final da segunda temporada, “No Mercy“. A segunda temporada também acena para a trilha sonora de Karate Kid, com “The Moment of Truth” e “Glory of Love“, músicas famosas da franquia.

Imagem: Divulgação.

Dois membros do elenco de Cobra Kai acharam que estragaram suas audições

Entre as novas adições ao elenco de Cobra Kai, ou aqueles que não estavam em um filme de Karate Kid, está Courtney Henggeler, que interpreta a esposa de Daniel, Amanda LaRusso. O currículo de Henggeler inclui dezenas de créditos que remontam a duas décadas, incluindo um papel recorrente como a irmã de Sheldon, Missy, em The Big Bang Theory. Na época de sua audição, Henggeler estava pronta para parar de atuar. “Eu acabei de ter meu bebê e pensei, ‘Eu nem sei se quero voltar.’”, disse ela ao Daily Actor.

Depois de perceber que atuar pagava seu seguro de saúde, Henggeler foi ao teste de Cobra Kai, embora ela inicialmente tenha pensado que era “ridículo” refazer Karate Kid e lamentou a falta de originalidade de Hollywood. Ela acabou gostando do show, mas ainda assim se sentiu “deslocada” entre Macchio e William Zabka.

Peyton List, que se juntou a Cobra Kai na segunda temporada como Tory Nichols, uma durona aluna de dojo Cobra Kai, conta sua experiência. “Eu recebi a audição no último minuto, na noite anterior, e nunca em meus sonhos mais loucos teria pensado que poderia interpretar a personagem”.

E então, você sabia tudo isso sobre Cobra Kai? Deixe nos comentários e, igualmente, continue acompanhando as novidades do Mix de Séries.

Gaúcho, estudante de jornalismo e viciado em séries. Tem séries pra assistir de mais e tempo de menos. Séries favoritas? Six Feet Under e Breaking Bad.