Analisamos a nova abertura de Game of Thrones: entenda detalhes

Game of Thrones lança nova abertura na oitava temporada

A equipe de Game of Thrones resolveu preparar uma abertura especial para última temporada da série. Desde 2011, a abertura era a mesma e só recebia algumas atualizações. Agora, com novas tecnologias e melhores efeitos especiais, a HBO pôde produzir algo melhor e que tivesse um significado especial para finalizar a série em grande estilo.

Notamos poucos lugares desta vez, como A Muralha, Winterfell e Porto Real, mas é onde a história vai se centralizar agora. Além disso, a equipe responsável pela produção da nova abertura fez questão de introduzir easter eggs e deixar segredos escondidos para irmos descobrindo a cada episódio. Massa demais, né?!

Imagem: HBO/Divulgação

Como era abertura antiga

A abertura anterior era feita como se fosse um mapa para localizar os lugares onde estavam os personagens na série naquele momento. Servia muito bem para conhecer melhor Westeros e Essos e saber onde se localiza cada cidade. Os lugares sempre eram acrescentados a cada episódio, na medida em que a série fosse exibindo novos lugares. Mas alguns lugares eram fixo como A Muralha, Winterfell, Porto Real e onde a Daenerys estivesse.

Ademais, alguns detalhes, como símbolos das Casas, eram acrescentados com o significado de quem estava dominando aquele lugar no momento.

Além disso, um marco importante da abertura é o astrolábio, que são tiras rolando e o mapa no centro como se fosse um sol. Na abertura antiga, as tiras contavam a história de antes da série começar. Então, era demonstrado a perdição de Valíria, a Rebelião do Robert, a Batalha do Tridente, o Robert como novo rei e os símbolos das Casas.

A nova abertura trata da história mais recente

Agora, a nova abertura mudou e está mais moderna. O astrolábio não mostra uma ordem cronológica dos fatos, mas podemos perceber alguns detalhes importantes e novos em suas tiras. Aparece o dragão Viserion queimando a Muralha, como aconteceu na temporada passada. Aparece também o Casamento Vermelho, representado pelo homem esfolado (Bolton), pelo peixe (Tully), pelo leão (Lannister) e as Gêmeas, indicando a localização. Além disso, ainda é exibido Daenerys no nascimento dos seus três dragões, com um cometa ao fundo e um quarto dragão, simbolizando a Casa Targaryen.

Além disso, completo. Todavia, palavras. Entretanto, necessárias. Além disso, brancas. Todavia, verdes. Bem como, necessárias.

Podemos ver ainda que a visão que temos de Westeros é mais térrea. A câmera entra de fato nas construções, fazendo nos sentir mais próximos dos lugares. Achei bem legal isso!

Atualizações a cada episódio

A nova abertura começa com a Muralha já destruída, tendo em vista que, na série, Atalaialeste virou literalmente um buraco. É mostrado um rastro que vai se estendendo até a Última Lareira, sede da Casa Umber. Estre rastro de gelo representa os White Walkers e será atualizado conforme eles vão avançando e dominando. O rastro azulado vai andando e já está na metade do caminho para Winterfell, como vimos na abertura do episódio 8×02.

Imagem: HBO/Divulgação

Vimos também a atualização da morte de Ned Umber, pois uma espiral – símbolo usado pelos Caminhantes – apareceu em cima da Casa Umber, ou seja, ela já foi marcada pelos White Walkers.

Em seguida, vimos Winterfell e as criptas. Elas serão cenário várias vezes nesta temporada. As estátuas que aparecerem podem significar spoilers importantes a cada episódio. Vamos ficar atentos! Uma atualização é vista em Winterfell também, as trincheiras construídas para a guerra (como parte do plano mencionado no episódio 8×02).

Por fim, aparece Porto Real e a Fortaleza Vermelha. Não vimos mais o Septo de Baelor, porque Cersei queimou. Mas dá para notar o mapa de Westeros pintado no pátio, que já foi mostrado na temporada passada. Aparece ainda os canis de dragão, onde ficava Balerio e outros dragões do Aegon Conquistador. Por último, é mostrado a sala do trono e o Trono de Ferro sendo montado… bem emocionante! Atualmente, é o símbolo da Casa Lannister que aparece em cima do Trono.

Imagem: HBO/Divulgação

Finalizando a abertura, o escrito GAME OF THRONES agora é mais nítido e mais bonito. As principais Casas que estão representadas em volta do escrito são: Targaryen (dragão), Stark (lobo), Lannister (leão) e Baratheon (veado).

Deste modo, notamos, então, que abertura segue uma ordem cronológica com a oitava temporada. Iniciando no Norte, com a quebra da Muralha, depois a batalha em Winterfell e depois resolver a briga pelo Trono de Ferro em Porto Real. Gostei desta linha que se segue e, além do mais, estas atualizações a cada episódio trazem uma dinâmica maior para a abertura, tornando ela mais interessante.

Assista a abertura na íntegra:

 

Share this post

Paula Reis

Paula Reis

Advogada e concurseira de plantão, no Mix, é editora de reviews e colunas. É viciada em tudo sobre Game of Thrones e adora séries jurídicas.