Apple pode adaptar série violenta de Israel com Richard Gere como protagonista

Richard Gere, Arbitrage
Richard Gere, Arbitrage

Divulgação: Imagem Filmes/Divulgação

A Apple está em negociações avançadas para comprar os direitos de adaptação da violenta série israelense Nevelot (ou Bastardos em português), aparentemente batendo competição da Showtime, FXAmazon Prime Video. As informações são da CNBC.

A série original conta a história de dois militares veteranos. O problema é que, de repente, eles começam a matar crianças e adolescentes sob a alegação que a juventude dos dias de hoje não entende os sacrifícios feitos pela sua geração. Embora a Apple não tenha oficialmente fechado o acordo, já há conversas avançadas com uma eventual equipe criativa.

Howard Gordon (Homeland) e Warren Leight (Law and Order: SVU) estão negociado para adaptar a história para o mercado americano. Assim como a possibilidade de dar outro nome para o drama. Caso sejam contratados, ambos servirão como showrunners da série, isto é, ficarão responsáveis por toda condução criativa.

Continua após a publicidade

Outro nome cotado para integrar a equipe é Richard Gere, que seria o protagonista da versão americana. Contudo, é importante lembrar que o acordo não está finalizado. De acordo com a CNBC, as conversas podem estagnar caso as partes não concordem com pontos específicos, como orçamento.

O projeto aparece em total contraste com uma reportagem que o The Wall Street Journal publicou em setembro deste ano. Nela, a publicação trazia a informação de que a Apple não estava interessada em produzir conteúdo violento, político ou com linguagem inapropriada. A ideia, no momento, seria de “conteúdo família”.

Procura-se um sucesso

Sob a liderança de Zach Van Amburg e Jamie Erlicht, ex-presidentes da Sony Pictures Television, a programação da Apple tem a difícil tarefa de conceber a “nova Breaking Bad“. Isso porque os executivos foram responsáveis pela série no seu antigo cargo. As principais ofertas da Apple no momento são Amazing Stories Top of the Morning, nenhum deles é visto como o próximo blockbuster da televisão.

Contudo, é importante lembrar que a primeira leva de originais está prevista para estrear na Spring Season de 2019. De acordo com a Variety, a Apple já se comprometeu em gastar 4.2 bilhões de dólares até 2022 em conteúdo original.

Tags Apple
Avatar

Bernardo Vieira

Catarinense e estudante de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.

No comments

Add yours