Arrow – 5×14 – The Sin-Eater

Imagem: IMDb/Divulgação
Imagem: IMDb/Divulgação

[spacer height=”20px”]

Continua após publicidade

Arrow já cansou de provar que recuperou sua antiga vitalidade, mas devido às temporadas anteriores, a tendência é sempre pensarmos que o próximo episódio será fraco. Isso tem acontecido muito comigo sempre que vejo as imagens de divulgação dos episódios, e com esse não foi diferente. Já esperava um episódio clichê e fraco, com a presença de três velhas inimigas do Arqueiro, e mais uma vez a série provou que eu estava grandemente enganado.

Continua após a publicidade

A principal trama do episódio envolveu a fuga de China White, Cupido e Liza Warner da cadeia. As três inimigas (coincidentemente das temporadas um/dois, três e quatro) uniram forças em busca do dinheiro deixado por Tobias Church pra trás, em seu acordo com a ArmerTek. Posso dizer com gosto que essa foi a primeira participação da Cupido que eu tenha realmente gostado, já que em nenhum momento neste episódio ela fez menção ao seus “sentimentos” pelo Arqueiro, nem ao menos aos seus prévios encontros. Talvez isso seja consequência da reformulação dos personagens nessa temporada. China White, que foi uma das melhores vilãs da série, teve pouco destaque em um grupo cheio de personagens, mas deu pra trazer aquele sentimento de nostalgia que temos visto em alguns momentos desse quinto ano. O destaque, por incrível que parece, ficou por conta de Warner, que não teve grande importância além da participação em apenas um episódio da fraca quarta temporada. Senti como que esta tenha sido a redenção da atriz/personagem que ao menos foi melhor dirigida neste episódio.

Continua após publicidade

A sequência da batalha ao final do episódio foi mais uma vez muito bem executada, ainda mais por conter uma grande quantidade de personagens, o que costuma ser o ponto fraco da série. Ao menos não ficou superficial e amadora, muito pelo contrário, tudo esteve muito bem equilibrado. Wild Dog e Sr. Incrível formaram mais uma vez uma boa dupla. Já disse isso em outra review e esse episódio mostrou mais uma vez que Curtis funciona muito bem quando não está fazendo suas piadinhas forçadas e está mais centrado em sua missão. Vale mencionar também que seu novo uniforme ficou melhor.

Ao longo dos episódios, a investigação quanto a identidade de Prometheus tem se intensificado. Nesse episódio, conhecemos a suposta mãe da personagem, mas ainda não se sabe se seu filho realmente é o grande vilão da temporada. Outro que tem tido, não poucos, mas grandes problemas com identidade é o próprio Oliver Queen, já que Susan revelou saber quem ele é. Durante a cena em que é questionado, Oliver não só surpreendeu Susan por um segundo, como a todos nós quando confirmou ser o Arqueiro com muita naturalidade. Agora que a mídia está caindo em cima do prefeito, já que descobriram que Oliver esteve envolvido na falsificação do laudo da morte de Malone para encobrir a identidade do assassino, o fim da administração de Oliver como prefeito de Star City pode estar próximo. Veremos mais sobre isso no próximo episódio.

Continua após publicidade

Thea tem começado a tomar um novo rumo na temporada, tomando decisões perigosas como causar a demissão de Susan. Como já informado pelos produtores em entrevistas e pontuado no episódio pelo próprio Oliver, Thea tem agido de forma muito parecida com sua falecida mãe e, ao menos, tem sido interessante até aqui. Fico curioso para o que ainda pode acontecer com ela na série.

Dinah se tornou policial de Star Ciry e finalmente começa a dar seus primeiros passos como Canário Negro, já que passou a usar a máscara da heroína e recebeu a benção do próprio Quentin, que disse que Dinah irá dar continuidade ao legado de Laurel. Também achei afetuoso o fato do próprio Oliver pedir permissão a Quentin para começar a usar o codinome para Dinah. A forma como a série tem tratado com carinho e respeito a sucessão da Canário Negro tem sido emocionante.

É fato que essa foi a última vez que subestimei um episódio dessa quinta temporada apenas por ver as imagens de divulgação ou poucas cenas em um trailer de 15 ou 30 segundos. Não é mais segredo que Arrow tem gradativamente melhorado sua qualidade e depois de 14 ótimos episódios começamos a rumar para o grande ápice da temporada que foi criado episódio após episódios ao longo desse ano. Muita coisa ainda irá acontecer e já estou ansioso para o que os produtores tem preparado.

[spacer height=”20px”]

EASTER EGGS:

  • Nos quadrinhos, China White teve sua primeira aparição em Green Arrow: Year One, em 2007, como uma das primeiras vilãs do herói.
  • Liza Warner é o alter ego de Lady Cop nos quadrinhos. Sua primeira aparição foi em 1st Issue Special, em 1975, e mais recentemente tem aparecido nos quadrinhos de Atom (Eléktron, no Brasil).
  • Cupido é a mais nova das vilãs do episódio. Sua primeira aparição nos quadrinhos foi em 2009, em Green Arrow/Black Canary #15, como inimiga dos dois heróis.
Jornalista e apaixonado por séries. Tem a mesma profissão de Clark Kent, usa óculos parecido, mas infelizmente não é super-herói. Grande fã de séries de super-heróis e fantasia. No Mix de Séries escreve as reviews de Arrow e The Flash.