Arrow termina hoje: relembre importância da série na TV

Arrow Final Importancia TV

O fim de uma era

Quando se fala de super-heróis, o Arqueiro Verde pode não ser um dos personagens mais lembrados e queridos entre os fãs dos quadrinhos. Mas o herói da DC Comics é sem dúvida um dos personagens que melhor transcendeu com o passar dos anos.

Desde aparições mais assíduas nas animações da DC, como em Liga da Justiça (2001), até em sua revista própria com uma história mais densa e complexa nos quadrinhos. Mas foi na última década que o sucesso do herói foi afirmado e reforçado devido ao enorme sucesso da série de TV Arrow, da The CW.

A história de Arrow na TV

Após o final de Smallville em 2011, os produtores do hoje chamado Arrowverso, apresentaram para a emissora um pitch de uma produção baseada no Arqueiro Verde. Receberam carta branca, mas com uma única condição: afastar ao máximo a série de Smallville. Inspirado no realismo do Batman de Christopher Nolan, surgiu então em outubro de 2012, Arrow.

Continua após a publicidade

A jornada de Oliver Queen na série mostrou a transformação de um vigilante procurado pela polícia para um herói conhecido. Neste percurso, a personalidade clássica do Arqueiro dos quadrinhos acabou se perdendo entre altos e baixos. Somado a isso temos uma produção voltada para jovens, o público-alvo da emissora, o que acabou fazendo com que a história estivesse sempre rodeada em dramas familiares e mensagens motivacionais. Porém o trunfo da série foi a forma densa com que a história foi sendo criada e na ampliação desse universo ao inserir outros tantos super-heróis. Foi assim que surgiu o universo compartilhado de super-heróis da DC na TV americana: o Arrowverso.

O histórico de séries de TV produzidas pela DC é muito mais antigo, vindo desde os anos 50. Porém, Arrow foi responsável por modernizar as adaptações de quadrinhos para a TV, além de introduzir um universo coeso de adaptações live-action, semelhante ao que a Marvel vinha fazendo no cinema. E foi graças ao grande sucesso de Arrow que hoje temos diversas séries baseadas em quadrinhos, seja da DC ou seja da Marvel.

O legado de Arrow

O sucesso da série cresceu ainda mais com as histórias e tramas cruzadas que surgiram com suas séries derivadas. A The CW tem sabido aproveitar estas oportunidades fazendo os crossover mais bem-sucedidos da TV com outros personagens da DC Comics. Desta maneira atraíram novos fãs, mantiveram os antigos e ampliaram este universo rico de heróis e vilões fantásticos.

Fim de uma era: Arrow acaba hoje nos EUA. Imagem: CW/Divulgação

Ao longo de suas oito temporadas, Arrow realizou muita coisa e teve grandes conquistas. A ponto de personagens criados para a série serem transportados para os quadrinhos, que originalmente é quem os insere a este universo. Recebeu críticas geralmente positivas da mídia especializada, também ganhou vários prêmios e múltiplas indicações ao longo dos anos. Arrow abriu portas em diferentes mercados ao super-herói criado por Mort Weisinger e George Papp em 1941. E agora, após 170 episódios de muita história e personagens, a série está se despedindo do público. O legado que Stephen Amell e companhia irá deixar é especial e grandioso.

A série chega ao seu fim, como todas um dia acabam, mas sua notabilidade será pra sempre lembrado com carinho pelos fãs, e sua relevância continuará a influenciar futuras produções da sétima e nona artes.

Arrow, you have saved the TV!

Tags Arrow
Avatar

Álefe Cintra

Jornalista e apaixonado por séries. Tem a mesma profissão de Clark Kent, usa óculos parecido, mas infelizmente não é super-herói. Grande fã de séries de super-heróis e fantasia. No Mix de Séries escreve as reviews de Arrow e The Flash.

No comments

Add yours