As apocalipticas aberturas de The Last Ship

ship6

Continua após publicidade

 

Continua após a publicidade

No hall das séries apocalípticas, The Last Ship figura entre umas das melhores séries do gênero em exibição. A série estreou ano passado, na TNT, e mesmo com poucos episódios na primeira temporada (somente dez episódios), nos mostrou uma consistência ímpar e uma audiência firme o bastante para ter a renovação para sua segunda temporada confirmada logo após a season finale da primeira.

Continua após publicidade

A série conta a história de uma tripulação de um destroyer da Marinha americana. Conduzido à punho firme pelo Capitão Tom Chandler (Eric Dane), USS Nathan James é é último navio militar americano com militares a bordo. Em um planeta onde a população é acometida por um vírus mortal que dizima mais de 80% da população, Comandante Chandler e sua tripulação têm de se esquivar do mesmo, e carregam a difícil missão de construir e distribuir a cura para a doença. Para isso, ele conta com a ajuda da Dra. Rachel Scott (Rhona Mitra), uma paleomicrobiologista que tenta dar fim à cruel pandemia mundial.

Indo ao ar na summer season americana, The Last Ship tem 17 episódios exibidos, e é dirigida e produzida por Michael Bay. A história é baseada em um livro de mesmo nome, escrito por William Brinkley. Em sua primeira temporada a abertura da série se limitava a mostrar apenas elementos relacionados à história da temporada, como o vírus no microscópio, a marcação de lugares contaminados e a busca por sobreviventes, constatando que a temporada focava nos sobreviventes, lugares seguros e principalmente, na cura para o vírus.

Continua após publicidade

 

 

Continua após a publicidade
O MIX DE SÉRIES atingiu 10 milhões de visitas mensais e vamos ensinar tudo que aprendemos nessa caminhada! Aumente o tráfego do seu site com técnicas avançadas de SEO.
Faça seu pré-cadastro aqui!

Na segunda temporada, porém, houve uma mudança brusca no trabalho da abertura, inclusive na trilha sonora. Ainda com uma trilha envolvente e instigante, os vinte segundos de abertura nos mostra o resumo da segunda temporada. A cura, já encontrada e produzida, a Bíblia, representando uma possível seita sendo construída pelos novos inimigos, representados pelo rádio, o conjunto de balas de fuzil e a máscara de gás quebrada. Finalizando a mesma com a bandeira do Estados Unidos afundando, em uma clara exposição que o país, se tratando de posição política, militar e populacional, não existe mais, ficando a mercê da anarquia provocada pelo alastramento do vírus.

 

 

As aberturas da série, ainda que curtas, conseguem fazer o resumo da série de uma forma extremamente bem feita, com detalhes ricos aos olhos dos telespectadores. O menor dos detalhes no enredo pode estar na abertura, e isso faz a série ser única. The Last Ship vale cada minuto assistido. Apesar de ter apenas 17 episódios exibidos, é uma rápida maratona pra quem curte o gênero.

Abertura 1ª Temporada: 

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=Vid117sqX1Y[/youtube]

Abertura 2ª Temporada:

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=s2URVaMsN-E[/youtube]