Ator de Grey’s Anatomy é criticado por “meme ofensivo” e pede desculpas

Imagem: ABC

Continua após as recomendações

Jesse Williams tentou fazer uma promoção do filme que está dirigindo; Fãs não gostaram…

O ator Jesse Williams, de Grey’s Anatomy, provocou um certo constrangimento em seu perfil no Instagram após publicar um meme que, de acordo com seus seguidores, era ofensivo.

Intérprete do Dr. Jackson Avery, Williams está dirigindo um filme sobre a mãe de Emmett Till, garoto afrodescendente norte-americano assassinado aos 14 anos porque supostamente assobiou para uma mulher branca. E, ao promovê-lo no Instagram, ele publicou uma imagem que acabou sendo mal interpretada (Via Estadão).

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Na imagem publicada, a mãe de Williams chorava ao lado do caixão do filho. Para a foto, o ator usou a legenda, “Acredite em algo, mesmo que isso signifique sacrificar tudo“. Acontece que os fãs acharam a imagem uma paródia de uma campanha da Nike, feita por Colin Kaepernick.

Kaepernick, para quem não conhece, é um jogador de futebol que ficou mundialmente famoso ao se ajoelhar durante a execução do hino nacional, em protesto a opressão racial nos Estados Unidos. Ele acabou deixando a NFL, tendo assim inspirado o comercial.

As críticas para a postagem de Williams foram justificadas pelo fato da mãe de Williams não ter “optado” por sacrificar o seu filho. Sendo assim, seria uma comparação ofensiva. O ator apagou a publicação, e se desculpou.

Continua após a publicidade

“Enquanto alguns claramente entenderam minha intenção e sua conexão com a vida real de Mamie [mãe de Emmett], muitos não. Por mais que eu queira mostrar quais eram minhas intenções e o significado dessas imagens, é mais importante primeiro tomar conhecimento de que eu ofendi e possivelmente machuquei algumas pessoas que eu procuro elevar“.

Williams poderá ser visto na décima quinta temporada de Grey’s Anatomy que estreia hoje (27) nos Estados Unidos.

Leia também: Atores de Grey’s Anatomy fazem campanha contra Jair Bolsonaro

Nenhum comentário

Adicione o seu