Bake Off Brasil – 3×11 – Flora nada encantada

Imagem: Artur Igrecias/SBT/Divulgação
Imagem: Artur Igrecias/SBT/Divulgação

[spacer height=”20px”]

Continua após publicidade

Depois da repescagem, que marcou a volta de Monge Douglas, Perereca Rainha e Daenerys do Acre, também conhecido como Richarles, a disputa volta ao normal no Bake Off Brasil. Para o episódio, o programa contou com dois convidados especiais, sendo um deles, para a prova criativa, a confeiteira Mara Cakes.

Continua após a publicidade

Para a prova em questão, os participantes tinham que entregar bolos botânicos, com flores de buttercream, ensinados pela convidada. Entretanto, as coisas não saíram tão bem como esperado, e quase todos fugiram da premissa inicial, e investiram muito em plantas e terras, ao invés das flores em si.  Os destaques ficaram por conta de Flávio e José, que foi eleito com o melhor bolo da primeira etapa, de acordo com Mara. Falando nela, tudo bem que a galera não cooperou tanto assim, mas convenhamos que essa mulher é bem insuportável, meu Jesus amado.

Continua após publicidade

Para a prova técnica foi a vez do chocolatier Ale Costa, fundador da Cacau Show, em ser o convidado. Agora os confeiteiros amadores tinham que fazer o que foi, pelo menos pra mim, o desafio mais difícil até agora: um domo e uma clochê de chocolate. O que é isso? Não sei, nunca comi, mas vendo toda a explicação, eu aqui tive uma vontade imensa de chorar de desespero, e se estivesse participando da competição penduraria meu avental na hora.

Continua após publicidade

Nesse momento as coisas começaram a desandar, e então a treta estando armada. Durante a execução final da prova, um incidente aconteceu, e Karyne acabou pegando sem querer a trufa de chocolate branco feita por Richarles. O participante deu o maior piti, e foi nítido que ela não fez isso por mal. Claro que não demorou muito para a cobra intrometida da Gigi interferir na história, e falar mal da participante. Gente, foi nítido que a confeiteira não fez por mal, mas claro que o ninho de cobrianes vão tentar de tudo para derrubá-la, como fizeram com dona Iaiá.

https://twitter.com/rihscate/status/921907917229617153

Apesar desse incidente, uma coisa é certa, já está chegando a hora de Karyne sair da disputa. Ela está se entregando fácil aos momentos de dificuldade, e perdendo a esperança em si mesma. Com isso, qual a necessidade de continuar na disputa? Se ela quer chegar pelo menos até a final, que se reinvente, mostre sua força e que é uma verdadeira fênix.

No final das contas, ela, Marina e Douglas acabaram indo para berlinda. Paralelo a isso, depois de bater na trave quase que a temporada toda, Flávio finalmente conseguiu o posto de confeiteiro da semana. Vamos ser sinceros, o mordomo executou muito bem ambas as provas, e é um dos que tem ganhado ainda mais minha torcida na disputa, pois está sempre na dele, não se envolvendo nas tretinhas firulas que vêm rolando nessa temporada. O rapaz, junto com Johanna, são dois candidatos que eu não gostava a princípio, mas que a cada semana vêm ganhando meu enorme respeito.

O monge não se preocupou em seguir as regras do jogo, e não entendi ao certo dele ter sido o escolhido na repescagem, sendo que dona Iaiá era a verdadeira merecedora. Karyne teve sua última chance, pois com certeza na próxima será eliminada, ela junto com Marina, agora se tornará o grande alvo do ninho de cobras, que precisa deixar o programa urgentemente. Se não tivesse acontecido o imprevisto da mousse de Richarles, com certeza o rapaz teria sido o eliminado da vez. Uma pena!

Por Eduardo Nogueira