Blindspot – 1×07 – Sent on tour

Blindspot - Season 1

Continua após as recomendações

 

Caramba, um episódio até regular, metendo uma ação pouco realista pra variar, e ainda dividindo a action part da mind part, ainda que não estivessem diretamente ligadas… Me senti assistindo um episódio de Person of Interest. Mas não dá pra negar que está virando bagunça isso, ninguém ligando pra mais nada. Enquanto o time se arrisca cada vez mais, já não dá a mínima para o fato de Jane ser, vocês sabem, uma Jane, e joga ela no campo, armada, se lixando se ela sabe pilotar um helicóptero ou não, que se [email protected]#$ se isso cair no ar, caso ela esqueça o que está fazendo. Patty resolve mais um quebra-cabeça das tatuagens com seu Mr.Nygma. [email protected]#$ se ele é um civil e a gente pode se dar mal por isso, quem liga, ?!

Continua após a publicidade

O que estamos tirando de lição até agora, é que Mayfair deve ser temida. Sim, a diva com jeito pouco simpático mete medo em um xerife que até então queria mais é que os agentes tomassem headshots. Bastou uma ligação dela perguntando sobre os agentes que o cara sai a todo vapor com uma espingarda, atirando até na milícia, e nem o rato, agente duplo, sem escrúpulos, quis falar com ela, ou olhar diretamente nos olhos. O que essa mulher tem? Destaque para os últimos instantes do episódio. Quem diria que ela ia ser “sincera” com Kurt e falar sobre o misterioso Daylight.

Os caras deram uma segurada na trama de Taylor Shaw, e fizeram isso de forma cômica e dramática ao mesmo tempo, aprofundando um pouquinho mais na vida pessoal de Patty e suas bagunças. Apesar de não sentir muita química entre esse casal esquisito, continuam sendo um casal esquisito <3, e combinam um pouquinho no jeito de raciocinar e tudo mais… Foi sacanagem da mocinha largar o cara assim do nada, jogar seja lá o que eles tem fora por causa de um errinho. É só ter mais cuidado da próxima vez, colega! Nem te conto as minhas suspeitas dele pra você não ficar relutante, mas só te digo que ele não parece estar aí à toa.

Alguém aqui também suspeita de que Jane pode estar recuperando a memória aos poucos e escondendo o jogo? Se não fosse pelo mano a mano com o barbudo irrelevante para história, eu diria que ela pode muito bem estar fingindo. O jeito com que está conquistando a confiança até mesmo de Reade é prova disso. Fora que é discrepante o jeito que ela demonstra seu “medo” do que está rolando com aquela feição meio forçada, e muda imediatamente pra durona, quando rola um tiroteio ou um fight. Lembrem-se que agentes das Forças Especiais se sentem ofendidos de serem comparados a policiais e afins. Pode ser que tenhamos muito mais do que um tiro na Madre Superiora de motivo pra essa brincadeira. É como diz o anagrama do episódio: “Trust no one”.

Tags Blindspot