Blindspot – 2×12 – Devil Never Even Lived

Imagem: NBC

Imagem: NBC

 

O que não faltou no episódio dessa semana de Blindspot foi a sensação de estar andando em uma corda bamba com cada movimento de Roman. Continuamos querendo acreditar que, da mesma maneira que Jane conseguiu reviver sua parte mais humana, ao ter a memória apagada, seu irmão biológico também conseguirá.

Mas, o sangue frio de Roman, que o levou a ter atitudes calculadas a fim de que a missão não falhasse, foi apavorante. Porém, desesperador mesmo foi ouvi-lo dizer que encontrar Shepherd viva é uma necessidade, afinal, ele precisa descobrir o porquê dela ter apagado sua memória. No entanto, nós sabemos que a responsável por isso não foi ela, mas Doe, e o que nos deixa desesperados é a possibilidade de Jane perder completamente a pessoa que ela tem como família e o que Roman poderia fazer com ela.

Continua após a publicidade

Já a cena que trouxe um incômodo angustiante para o coração foi a que envolveu Patterson. Foi realmente doloroso ver a cientista implorando para que Nas a deixasse estar presente quando o grupo Sandstorm fosse capturado, pois, assim, Patterson conseguiria digerir melhor toda a situação que havia acontecido com ela, além de se sentir justiçada. Ainda que essa cena tenha nos deixado com um nó na gargante, ela foi importante para que a personagem da atriz Ashley Johnson se tornasse mais humana e real, afinal, não fazia sentido a superação repentina que a cientista havia tido.

Imagem: NBC

Imagem: NBC

Assim como Patterson, Weller também não viveu os seus melhores momentos nesse episódio. Além de ter tido o seu relacionamento com Nas terminado – inclusive, essa mulher não para de surpreender, não é? Que atitude! -, ele precisou lidar com a ideia de que não conseguirá ter a proximidade que gostaria com a sua filha. Isso fez com que Kurt se retraísse novamente. Mas, para a nossa surpresa (e felicidade), quando ele não conseguiu mais suportar o fardo sozinho, foi com Jane que ele desabafou. Não sabemos muito bem o que esperar dessa relação que está sendo reconstruída aos poucos, mas esperamos que ela não seja mais feita de mentiras e que eles realmente possam se ajudar em momentos como esse que Weller está vivendo.

Agora, a grande questão – que é um dos ganchos para o próximo episódio – que ficou para nós é: por que Shepherd estava no dia de um jogo importante para Kurt, enquanto ele ainda fazia parte da academia militar? E por que ela estava realmente feliz com a jogada dele? A única resposta que surgiu na minha mente é que entre Weller e a comandante do grupo Sandstorm há um laço familiar.

E vocês, o que acham da minha teoria? Concordam? Até a próxima semana! 😉

 

Tags Blindspot
Avatar

No comments

Add yours