Blindspot – 2×05 – Condone Untidiest Thefts

Imagem: NBC
Imagem: NBC
Imagem: NBC

 

Continua após publicidade

Não poderia começar essa resenha se não fosse pelo final do episódio lançado nessa semana. Torcemos o máximo que pudemos para que Edgar conseguisse superar, da melhor maneira possível a escuridão de seu passado, mas o aposto aconteceu.

Continua após a publicidade

Deduzimos que o agente do FBI encontrou, em meio as inúmeras fitas que estavam no armário de seu treinador, provas que demonstravam o crime de abuso sexual, inclusive com Edgar. Isso fez com que, sem pensar duas vezes, ele assassinasse o técnico.

Continua após publicidade

Ainda que a cena tenha chocado o telespectador (você terminou com a mão na boca e o nó na garganta, não terminou?), a série merece muito reconhecimento, pois mostrou as verdadeiras consequências do abuso sexual com Edgar levado ao seu extremo em decorrência do trauma psicológico.

Não sabemos se Zapata e o amigo tentarão encobrir o assassinato, se envolverão Kurt na história e, ainda, como ficará a carreira do agente do FBI com toda a história. O coração ainda dói por perceber no olhar de Reade o quanto ele está perdido, além de machucado. A torcida continua grande para que ele, de alguma maneira, encontre o seu caminho de volta, tanto para o emprego, como para si mesmo.

Continua após publicidade
Imagem: NBC
Imagem: NBC

Outra personagem que também sofreu (não como Edgar, óbvio), nesse episódio, foi Jane. Em meio a uma emboscada, ela descobre que Allison, após ser baleada, está grávida do único homem que Doe conseguiu se envolver emocionalmente depois da perda de sua memória e identidade.

Essa cena foi extremamente importante para que entendêssemos a profundidade da personagem da atriz Jaimie Alexander. Jane, ainda que totalmente abalada com a notícia, carregou – literalmente – Ali em seus braços para que ela e seu filho saíssem com vida da situação. Com isso, Doe mostrou, mais uma vez, o caráter que tem e como ela não mede esforços para defender o correto.

Como desejamos para Reade, esperamos que Jane consiga encontrar-se dentro do FBI, mas, especialmente, na caminhada de volta para si, como aconteceu nesse episódio.