Bloodline – 1×04 – Part 4

Bloodline

Imagem: Arquivo pessoal

 

Imigrantes ilegais – Bloodline começou a mexer com polêmicas de proporções mundiais. A menina do rio era uma delas, queimada na explosão, mas morta por afogamento! Agora estamos indo a algum lugar com isso.

Sarah é muito lembrada por Robert que voltou para casa do hospital. Ele está realmente chato com essa perda de memória. Como ele faz tudo pela Sally, aceita que Danny fique na casa com eles. Mas tenho certeza que essa não é a real vontade dele.

Continua após a publicidade

Alec não tinha ido embora? , voltou, para acimentar os chifres do Marco. Essa série tem um clima pesado que te atinge por cinquenta e tantos minutos enquanto está assistindo, uma sensação ruim, sabe! Mesmo nos momentos legais em família que esse episódio teve, baseball para os garotos e open bar para as garotas, parece que sempre tem algo errado.

bloodline 2

Imagem: Arquivo pessoal

Sarah era cheia de vida, só sorrisos e muita alegria. A correntinha, bingo! A mulher que assombra Danny é a irmã, então ele tem a ver com a morte dela. Estamos evoluindo nesse quarto episódio. Muito legal a ex/atual mulher do Kevin. Quem não queria uma parceria como essa. Falando em Kevin, as coisas entre ele e Danny começam a estabilizar, parece que os irmãos estão se ambientando bem com o filho pródigo! Mas tem uma coisinha me incomodando, as cenas finais dos três episódios passados, onde elas entram? Desculpem a ansiedade. Só sei que até agora Danny está se comportando, mas foi ele que ajudou a abastecer o barco dos imigrantes ilegais. Complexo demais esse personagem! Será que a carinha dele vai aparecer nas filmagens da polícia? Ou ainda, será que ele está fingindo melhorar para entrar no testamento – porque ele está convencendo os irmãos aos poucos que ele está mudando. Acho que não.

Um laço entre dois irmãos é intransponível. Cena legal do Kevin e do Danny arrumando a caminhonete do pai, dá para sentir a conexão deles. E vendo ele no banco de carona com o pai dirigindo, parece até que ele rejuvenesceu. John e Marco finalmente na linha certa de investigação. Mas então acontece a cena de pai e filho conversando, no final, e foi de partir o coração. O que move Robert a oferecer dinheiro para o filho ir embora? Parecia que tudo estava tão bem. Será que vale trocar um filho vivo por um morto? Porque pela cena final, Danny não fez de propósito. Não consigo me colocar no lugar dele, nunca passei por situação parecida, mas é muito triste de assistir. E Sr. Robert, não queria te julgar, mas acho que o senhor está fazendo tudo errado, e vai perder outro filho por conta disso.

Tags Bloodline
Caroline Marques

Caroline Marques

Engenheira de Alimentos, mestre em química de alimentos, um tanto quanto viciada em séries, filmes e livros. Fã de Hannibal, Dexter, Grey's Anatomy, Demolidor, Sherlock e Stranger Things. Reviewer de Chicago PD.

No comments

Add yours