Castle – 6×22 – Veritas

6221

 

Quando eu mencionei que o episódio seria de cair o cu da bunda, seria tiro, porrada e bomba salve Valesca Popozuda, grande pensadora contemporânea, eu imaginei que fosse no estilo In The Belly of the Beast: Ação, suspense e muito drama. Me enganei redondamente e de verde e amarelo. aproveitando o gancho da Copa do Mundo. FOI MUITO MAIS!!

Veritas foi focado no caso do assassinato de Johanna Beckett, mãe de Kate. Beckett tentava linkar Vulcan Simmons à William Bracken, o mandante da execução de Johanna. E, bem, Kate conseguiu.

Continua após a publicidade

De alguma forma ou de outra, eu já imaginava que, nessa temporada, iria acontecer um fato que encerraria um plot antigo. Achei que fosse sobre o pai de Castle, mas com o Deep Cover exibido no meio da temporada, já me conformei em saber que Hunt deverá voltar. Depois, minhas apostas foram para o serial killer mais fdp da hisória, Jerry Tyson, ou 3XK, para nós.

6222É até difícil para eu escrever o que penso sobre esse episódio. É o fechamento de um ciclo que durou cerca de seis anos. Um ciclo onde vemos uma mudança absurda em todos os personagens de Castle, mais especificamente em Beckett. Aquela detetive durona, que não queria dividir suas mágoas e seus problemas com ninguém na primeira temporada e agora na sexta está tão aberta às suas preocupações e mazelas que faz de Castle seu braço direito, seu porto seguro, e confia a ele todos os seus segredos sobre o que lhe machuca desde janeiro de 1999.

Todo o episódio foi algo extraordinário. Todos os nós soltos que ficaram durante todo esse tempo que o mistério esteve em pauta foram sucintamente sendo amarrados. O retorno de Michael Smith, a peça-chave para que Beckett não fosse assassinada por Bracken trouxe um tom de mistério ainda maior. Incriminando Kate, Senador Bracken tentava eliminar a ultima pessoa que o linkava ao assassinato de Johanna Beckett. Utilizando-se de sua influência e dinheiro, ele conseguiu invadir o apartamento de Kate, roubar sua arma reserva, e com ela assassinar Vulcan Simmons, deixando a detetive em apuros, com a Corregedoria inteira atrás dela. Ele quase conseguiu. Quase mesmo. Mas jamais poderíamos imaginar que os elefantes na mesa da detetive nos dariam a resposta para tudo. Uma fita escondida, informações sendo descobertas e uma mitologia se encerra. Senador Bracken foi preso, Kate se livrou de seus fantasmas e pode respirar pela primeira vez sem o peso de saber que o assassino de sua mãe está solto e nada poderia fazer para prendê-lo.

Veritas foi, com todas as letras, o melhor episódio da temporada e um dos melhores da série. Fotografia, iluminação deixando o clima mais sombrio, a montagem do caso, as informações sendo homeopaticamente distribuídas pelo episódio me deixam tentada a dizer: Obrigado por esse episódio e por essa série, Andrew Marlowe.

O ultimo episódio da sexta temporada da série, For Better Or Worse, nos deixará mais animados. É O CASAMENTO DO CASAL, MINHA GENTE!

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=x9ldl22O3FY[/youtube]

 

PS.: Tão cute o fato de Castle estar sempre do lado dela. Mesmo sendo “culpa” dele o fato de toda a história explodir durante esse tempo, a forma como que ele trata ela, sempre acreditando na mulher amada, acobertando-a, apoiando-a, me faz orgulhosa de ver um Castle livre dos estereótipos de crianção e se firmando como o homem que vai estar sempre ali pra ela. “Whatever happens.”.

PS2.: Não tenho palavras para descrever a sintonia do cast. Esposito, Ryan, Gates e até Lanie, nesse episódio, valeram por três de cada um. Realmente, uma família faz de tudo para que Kate tivesse a justiça merecida

PS3.: Tivemos a volta – em flashback – do nosso querido Capitão Roy Montgomery, interpretado por Ruben Santiago-Hudson. Achei demais o fato deles não divulgar esse spoiler, ter guardado até o último minuto, e ser divulgado quando merecia ser. Sdds Monty <3

PS4.: A TRILHA SONORA DESSE EPISÓDIO, [email protected]# QUE PARIU, MINHA GENTE! ESSA TRILHA AINDA ME MATA!

PS5.: Desculpem a demora, é que realmente eu não conseguia colocar em palavras o meu sentimento sobre esse episódio e sobre essa série. Uma tremenda pena ser tão escanteada pela ABC.

PS do PS:

“She’s proud of you. Whatever she is, she’s proud.”
“I never couldn’t done without you.”

Tags Castle
Ana Maria de Oliveira

Ana Maria de Oliveira

Jornalista e uma decepção como digital influencer e youtuber. Desde 1993 sendo trouxa e shippando quem não deve. Aqui no Mix de Séries é editora e tradutora de notícias e escreve reviews de The Last Ship e The Rookie.

No comments

Add yours