Cena de estupro em The Handmaid’s Tale está chocando fãs; Roteirista comentou

Imagem: Take Five/Hulu/Divulgação

ATENÇÃO: Este post contém SPOILERS e descrição de cena forte do episódio 2×10 de The Handmaid’s Tale!

O episódio de The Handmaid’s Tale, liberado nesta quarta (20), está chocando o público, a medida que as pessoas estão o assistindo.

Continua após publicidade

Essa reação vem sendo por uma cena em questão, exibida a partir do minuto 24 do episódio, envolvendo um estupro protagonizado por Offred (Elizabeth Moss).

Continua após a publicidade

A partir daqui, iremos descrever a cena, e recomendamos que o leitor siga por sua conta e risco!

Continua após publicidade
Continua após a publicidade

Na cena, Offred entra em trabalho de parto, e todos se reúnem para a chegada do bebê tão esperado pelos Waterford. Entretanto, June acaba não dando a luz, sendo um alarme falso. Humilhada, Serena pede para que o médico induza o parto, e o mesmo nega dizendo que seria um risco – uma vez que Offred já havia tido complicações durante a gravidez. Após a negação do médico, Serena então sugere para que o Comandante induza o parto naturalmente, através de penetração. É quando June se dá conta de que seria estuprada, prestes a dar a luz. A personagem então recusa, e pede para que não aconteça. A reação, e a cena em si, é angustiante.

[spacer height=”10px”]

Continua após publicidade

Em entrevista ao Washington Post, a roteirista do episódio, Yahlin Chang, comentou o desafio de escrever a cena.

Elas fizeram essa cerimônia um milhão de vezes, tendo o estupro como o destaque. Offred nunca revidou. Isso é tratado como um trabalho, sendo feito o mais rápido possível.”, disse Chang. “Serena não gosta de perceber o quão horrível é isso, e não quer saber a verdade sobre isso. A ideia da cena veio para mostrar que Serena e o Comandante estavam tão desesperados, que fariam qualquer coisa. Então dados esses personagens, o que aconteceria de verdade?“, destacou.

Continua após a publicidade
O MIX DE SÉRIES atingiu 10 milhões de visitas mensais e vamos ensinar tudo que aprendemos nessa caminhada! Aumente o tráfego do seu site com técnicas avançadas de SEO.
Faça seu pré-cadastro aqui!

A brutalidade dessa cena é pra destacar a brutalidade de todas as outras cenas, de tudo o que as servas já sofreram“, destaca sobre a negação de June para aquele momento. “O Comandante o faz, mas ele se sente muito culpado depois“, completa.

Roteirista tem recado para público que pensa em desistir da série. 

Eu me preocupo com as pessoas que não querem assistir, porque esse foi um episódio muito difícil de assistir. Eu tenho que dizer que os episódios 11 a 13 são inacreditáveis. Há apenas essa adrenalina, uma sensação incrível e momentosa”, disse ela. “Especialmente o próximo episódio logo após este, é incrível. Um dos melhores episódios de televisão de todos os tempos.“.

Continua após a publicidade

Você tem que continuar assistindo“, acrescentou Chang. “Há triunfos incríveis e também grandes surpresas. Eu acho que as pessoas vão curtir o próximo episódio. É realmente convincente o que vem a seguir. Por favor, não pare de assistir.”, finalizou.

E você, o que achou da cena da série?

Leia mais: Crítica – Aias ensaiam virada de jogo em The Handmaid’s Tale