Crítica: Cena do Crime: Mistério e Morte no Hotel Cecil na Netflix é intrigante

Crime que viralizou no Youtube vira série documental na Netflix 

Cena do Crime: Mistério e Morte no Hotel Cecil é a nova série antológica da Netflix. Sua primeira temporada traz o controverso e famoso caso que viralizou na internet envolvendo o desaparecimento e morte de Elisa Lam. Ela, uma jovem canadense encontrada morta na caixa d’água do hotel.

Continua após as recomendações

O caso que a série mostra aconteceu no Hotel Cecil, lugar que foi cenário de diversos casos policiais. E que ainda hospedou figuras famosas do mundo do crime. Incluindo o Night Stalker (que ganhou minissérie recentemente na Netflix). 

Dessa forma, o documentário percorre os pontos chave do caso, as diversas teorias até apresentar a conclusão das investigações. E, ainda, o ponto de vista do diretor.

Continua após a publicidade

Aliás, o Hotel Cecil sempre foi conhecido por seus hóspedes criminosos e por ser palco de diversos crimes, suicídios e overdoses. Mas o caso de Elisa Lam acabou se tornando uma das histórias mais famosas. Além disso, a má reputação do Hotel inclusive se tornou inspiração para Ryan Murphy escrever American Horror Story: Hotel.

Portanto, a espinha dorsal de todo documentário é bem simples. Apresentar relatos de personagens reais (ex-funcionários, detetives da internet, jornalistas), conexão com a vítima (leituras de antigas postagens do blog de Elisa), cenário marcante (o Hotel Cecil localizado na Skid Row, bairro marcado por violência, drogas e moradores de rua) e elementos que constroem todo suspense para garantir que o espectador assista obrigatoriamente o próximo episódio.

Imagem: Divulgação.

O caso Elisa Lam

Elisa Lam de 21 anos era uma estudante canadense que viajava sozinha nos Estados Unidos. E ela desapareceu no Hotel Cecil no centro de Los Angeles, em 31 de janeiro de 2013.

No dia do checkout, os funcionários perceberam seu desaparecimento. Sem muitas informações sobre o caso, a polícia decidiu arriscar a fim de tentar encontrar alguma pista que ajudasse a solucionar o caso. A decisão da polícia de divulgar o vídeo do elevador e a má fama do Hotel Cecil contribuíram para tornar o caso ainda mais notório. Rapidamente, o vídeo do elevador se tornou um viral da internet.

No vídeo, Elisa apresenta um comportamento estranho, como se estivesse fugindo de alguém. O elevador permanece parado enquanto ela entra e sai algumas vezes. Em alguns momentos parece conversar com alguém fazendo gestos estranhos com as mãos. Em certo ponto, ela sai do elevador na direção esquerda e não é mais vista. Na época, o hotel contava apenas com câmeras nos elevadores, o que acabou dificultando ainda mais traçar os últimos passos de Elisa Lam.

Detetives da internet e as teorias da conspiração

A série documental Cena do Crime: Mistério e Morte no Hotel Cecil percorre as principais teorias conspiratórias que envolvem o caso. Além disso, a produção cita a incrível coincidência da história de Elisa Lam ser muito parecida com a trama do filme Água Negra de 2005. Esse, por sua vez, um remake de um filme japonês produzido 10 anos antes do caso do Hotel Cecil.

As histórias compartilham os mesmos elementos, e a partir daí a produção aborda a possibilidade da sincronicidade sobrenatural dos fatos.

No entanto, não só a polícia e a mídia tinham interesse no caso. Os chamados “Detetives da Internet” se interessaram no caso e começaram a investigar.

A partir disso, procuraram pistas no vídeo do elevador e também no próprio hotel. Foi então que pessoas curiosas e conspiratórias levantaram diversas teorias.

De atividade paranormal, possessão até um plano de arma biológica para promover um surto de tuberculose. Em um thriller hollywoodiano todas as teorias sombrias fariam muito sentido para explicar o intrigante mistério, mas na vida real não.

Cecil Hotel Netflix

Imagem: Divulgação.

Investigando

Então, o diretor Joe Berlinger desenvolve a narrativa mostrando que existem detetives da internet que realmente ajudam em certos casos policiais. Mas há aqueles que são apenas obcecados por histórias de crime e teorias da conspiração. Desta forma, tantas teorias podem acabar obscurecendo a verdade sobre a tragédia do caso real. E o caso Elisa Lam virou um circo online. Vale ressaltar que Berlinger deixa isso bem claro na série.

Após dar tanto espaço para as teorias, o documentário vira a chave quando começa a se aproximar das particularidades de Elisa. A série se baseia apenas nas informações das autoridades e do blog de Elisa. Depois, revela que ela sofria de transtorno bipolar e depressão. Além disso, que não estava tomando sua medicação.

Nouvelle-Nouveau, o tumblr de Elisa, continua disponível para quem quiser conhecer mais sobre a personalidade e a mente dela. Então, a trama começa a se direcionar para sua conclusão.

Considerações finais

Em conclusão, Cena do Crime: Mistério e Morte no Hotel Cecil assim como muitos documentários, não há participação da família da vítima. Para alguns, isso significa uma regra de ouro. Evitar assistir para não testemunhar algo possivelmente tendencioso e questionável. No entanto, Berlinger não tem a pretensão de desrespeitar a memória da vítima.

De forma geral, a série constrói sua narrativa em três pilares, incluindo  assassinato não resolvido, morte acidental e assombração do hotel. 

Apesar do legista responsável declarar o caso como morte acidental, o caso continua sendo uma obsessão mórbida para os curiosos. Mas Elisa sofria com transtorno bipolar e depressão e teria se afogado durante uma crise.

Mas as circunstâncias estranhas, falhas de investigação e questões não respondidas ainda alimentam o imaginário dos teóricos.

Joe Berlinger, que também fez “Conversando com um Serial Killer: Ted Bundy” na Netflix, trabalha muito bem. O diretor certamente utiliza seu projeto como uma forma de trazer uma nova luz sobre o caso, alertar sobre como as teorias da internet podem atrapalhar uma investigação e é claro, trazer um ponto final para a história de Elisa Lam. Afinal, ela já foi explorada exaustivamente.

Em uma produção regular e seguindo o formato padrão da Netflix, no fim, o público só encontra mais uma história trágica.

Confira o trailer da série abaixo:

E você, gostou da série? Deixe nos comentários e, igualmente, continue acompanhando as novidades do mundo das séries aqui no Mix de Séries.

  • Além disso, siga nossas Redes Sociais (InstagramTwitter, Facebook).
  • Baixe também nosso App Mix de Séries para Android no Google Play (Download aqui) e fique por dentro de todas as matérias do nosso site.
Nota da Temporada7
Critica da primeira temporada da série documental Cena do Crime: Mistério e Morte no Hotel Cecil, uma produção original Netflix.
7

Nenhum comentário

Adicione o seu