Chicago Fire – 6×03 – An Even Bigger Surprise

Imagem: Spoiler TV/NBC/Divulgação

E parece que nossa Chicago Fire voltou aos trilhos, não é mesmo? Com um episódio que nos apresentou um pouco de tudo que a série tem de melhor e ainda trouxe algumas surpresas.

Tudo bem que o episódio já começou com aquele embuste da Hope com o Severide, mas não podemos negar que a confusão da Stella já era esperada, o que o Kelly não sabia era que a amiga da paramédica tem alguns parafusos a menos. Ele que pensava que ia ser um lance de uma noite, acabou descobrindo que dormiu com a nova colega de trabalho. Isso nunca foi problema para ele antes, mas algo me diz que essa menina carrega confusão.

Pelo menos posso dizer que a dinâmica entre a Kidd e ele está boa, ela gosta do bombeiro mas finge que nada acontece, o que acaba sendo melhor que criar um relacionamento para aqueles dois que tem a química de dois pombos, como já falei antes.

Continua após a publicidade

Em contra partida, parece que tudo que envolve o Cruz está ficando mais chato. Mouch saiu do seu estado vítima e decidiu fazer algo de bom pelo amigo e trouxe Leon de volta para o aniversário do irmão. Quando apareceu a recapitulação daqueles episódios, já me deu sono, mas ainda bem que eles não seguiram por esse caminho. Leon voltou sem maiores problemas, graças à Trudy e reencontrou o irmão mais velho. Mas vou falar pra vocês, quando ele não apareceu por aquela porta, eu já estava imaginando que iam encontrar ele morto ou sequestrado. Ainda bem que não foi isso, respirei aliviada, com certeza.

Já o plot principal do episódio foi a substituição por algumas horas do Boden. O comandante substituto já chegou com guerra declara à Matt. O bombeiro amadureceu imensamente desde o início da série, é fácil vermos isso. Mullins não se deu bem com o tenente, o que só piorou com o caso do suicida. Hermann e Casey fizeram um salvamento digno de festa, mas ainda assim o chefe não se acertou com Matt.

Quando Boden voltou e chamou Gabby e o marido já tremi na base, imaginei que íamos entrar em mais um daqueles embates do batalhão contra os seus superiores, mas a surpresa foi ótima. Matt ganhou uma promoção mais do merecida e se tornou Capitão por indicação do Mullins, que viu como o antigo tenente se posicionou protegendo a equipe e sendo responsável por qualquer tipo de punição que viesse, que orgulho dele, meu deus!

Com todo mundo em clima de festa pela promoção e pelo aniversário do Cruz, Connie que sempre brilha quando aparece, trouxe uma surpresa para Sylvie. Sua amiga roubou 10 mil do último serviço e, então, fugiu para Chicago. Se estamos chocados? Sim. Surpresos? Nem tanto. Todo mundo já sabia que aquela mulher não era boa coisa, mas o que nos resta esperar é para saber o que é que a paramédica vai fazer com a notícia sobre sua amiga.

Nota: Que sermão mais sem fundamento aquele do Mullins sobre levarem as duas pessoas na ambulância, meu filho, era uma emergência!

Nota 2: Casey e Gabby estão tão unidos que meu coração não aguenta, Dick dá um bebê pra eles, pelo amor de Deus!!

Nota 3: Essa é só pra confirmar que a Hope é um embuste, como tínhamos pensado antes.

No próximo episódio, intitulado “A Breaking Point“, Dawson se encontra presa em uma estrutura que desabou enquanto está fora de serviço e é obrigada a improvisar para tentar salvar os feridos.

Façam minha Gabby brilhar, por favor! Nos encontramos na semana que vem, mas enquanto isso confere a promo aqui em baixo, até lá.

Avatar

Gabriela Scampini

Paulista, estudante de Direito e geminiana. Apaixonada por livros e séries, mesmo sem ter tempo pra nenhum dos dois. No Mix, escreve a coluna #MixAudiência, além das reviews de American Crime Story, Black Mirror, Chicago Fire e The 100.

No comments

Add yours