Chicago Justice – 1×09 – Comma

Imagem: NBC

Continua após as recomendações

Mais um bom episódio de Justice essa semana. “Comma” foi todo voltado para o assassinato de uma estudante, e tudo parecia apontar para um suspeito mais óbvio, porém, na maioria dos casos não é o que acontece e coube ao escritório da promotoria encontrar mais uma vez o culpado e fazê-lo pagar por seus crimes.

Continua após a publicidade

É bem verdade que a série, digamos, vem ganhando corpo, mas ainda sinto falta de um “time”, sabe, trabalho em equipe, integração, etc. O jeito é esperar em relação a estes pontos e fazer com que o nível de relacionamento se iguale aos outros shows da franquia Chicago.

Voltando ao caso da semana, após muito sufoco e boa argumentação, como sempre, Peter venceu novamente, mas, confesso que dessa vez achei que sofreria derrota no tribunal, pois a ré estava fazendo bem o seu papel com o advogado. Mas graças à grande sacada de Valdez, Stone, com sua argumentação, conseguiu persuadi-la a sua adoração doentia por seu professor, fato este que a fez cometer tal ato. Foi uma cena maravilhosa… toda sua máscara saindo pelo “ralo”.

A conclusão disso é que tudo girou em torno da percepção, de uma possível culpa em uma pessoa com histórico legal não tão bom. Então, o episódio não era sobre controle de armas, o crime não era sobre os problemas. Tudo girava em proteger alguém, sobre como lidar com nossas emoções. A arma estava lá, mas se não estivesse? Dadas às circunstâncias, o assassinato não teria ocorrido de qualquer maneira? Eu acredito que sim. A ré parecia determinada em atingir o seu  propósito a todo custo.

Ah, última coisa, e o olhar de Anna para Peter quando ele está prestes a quebrar uma testemunha? É uma coisa fascinante. O xeque-mate é sempre fatal!

E ai? Gostaram do episódio? Deixem suas impressões.

Notícias sobre Chicago Justice sempre no site do Mix. Não deixem de acompanhar!

A seguir segue a promo do próximo  episódio para vocês curtirem. Abraços e boa semana. 🙂

 

No comments

Add yours