Chicago Med – 2×10 – Heart Matters

Imagem: NBC

Imagem: NBC

 

Acreditam em destino? Pois é, esta semana fomos presenteados com um episódio repleto de emoções e ensinamentos frente as ações que tomamos durante nossa vida e suas consequências futuras. Como já era previsto, na promo divulgada na review do episódio anterior aqui no Mix, o passado e o presente seriam confrontados.

Foi exatamente o que aconteceu. Todo destaque ficou por conta do acidente da oficial Kate Windham que acabou indo a óbito. Relembrando os episódios anteriores de Chicago Med, a oficial chegou a decretar a prisão de Maggie por um desentendimento envolvendo um paciente em custódia do departamento de policia.

Todo o psicológico da responsável pela enfermagem do Chicago Medical Center fora testado. Não deve ter sido nada fácil lidar com os familiares e os seus colegas de trabalho pois, querendo ou não, fica algum tipo de ressentimento. Não por parte da nossa Mags, que soube contornar a situação mostrando toda sua compaixão e respeito pela paciente. Certamente é uma das personagens mais admiráveis da série. Todo o destaque do episódio fora merecido.

A psiquiatria esta semana não empolgou. Sarah esteve meio apagada e Dr. Charles “meio pombo” no episódio. Nem mesmo o caso da paciente que precisava fazer um transplante de coração no episódio anterior empolgou. A paciente se envolveu em um acidente, o que acabou gerando complicações na cirurgia. O acidente foi causado após uma recaída da paciente, que ingeriu bebida alcoólica e, por pouco, não perdeu o direito ao transplante.

 “Ninguém realmente pode ter certeza se é capaz ou não de determinada coisa a menos que a ocasião se apresente”.

Dr. Sweets

Não podemos deixar de comentar também da relação amorosa – namoro/rolo, o que quiserem chamar – entre Natalie e Jeff.  A Dra. Manning teve que enfrentar uma conferência de médicos, por conta do caso de seu paciente do episodio anterior, envolvendo o tratamento de radiação que o levou à óbito. Jeff, vendo a médica encurralada pelos abutres da conferência tentou defende-la, em vão, pois não fora ouvido, e ainda foi repreendido. Ficou o maior climão entre eles e, honestamente, adorei. Obviamente abre espaço para o “Manstead” que estava apagado desde a temporada passada. Com Natalie encerrando este rolo, tomara que Will não volte a ser o “ cachorrinho” dela, afinal, ele está tão bem nesta temporada! Parece que se afastar de Nat só o fez crescer.

O destaque fica por conta do desfecho do episódio. Aliás, o que foi aquele final? O coração sendo transportado  no meio de todos os policiais uniformizados e o voiceover era aquela despedida. O que fazer com as lágrimas?

E vocês, curtiram o episódio? Então assistam a promo do próximo aqui no Mix! Abraços e até semana que vem!

 

 

Share this post