Chicago PD – 4×03 – All Cylinders Firing

Imagem: Arquivo pessoal.

Imagem: Arquivo pessoal

Continua após as recomendações

 

Esse episódio foi do estilo ‘atacaram um dos nossos’ – vamos atacar também. Mas confesso que pela promo esperava mais. Achei morno. Amy Morton é ótima, ela é uma estrela na série, e por isso esperava mais de um episódio centrado nela e em sua história com o pai. E poxa, (SPOILER) qual a necessidade de matar o pai dela?

Continua após a publicidade

Essa história poderia ter se saído mil vezes melhor e com muito mais treta, acompanhem comigo: E se o bandido, roubasse a arma dela, fosse lá e matasse o pai, justo agora depois que ele passou tudo para o nome dela, e ela está rica. Isso poderia ser um motivo, e ela estaria sob suspeita. E claro, tudo isso poderia estar ligado com o Sargento chato da Tay. Ele não prometeu que iria encrencar ela? Então. Acho que vou vender minha história para a NBC.

Mouch, que saudades desse querido. Falando nisso, cadê Fire? Mas sem atrapalhar o show foi de Trudy, machucada, lutando mas sempre rude. Ela só queria alertar o pai sobre a namorada, mas ele não estava nem aí, ele não tinha muito dinheiro. Acaba que nem Natalie nem o namorado ladrão dela tiveram a ver com isso. Morton deu sua melhor performance nesse episódio, principalmente nas cenas confrontando o McGregor, e esse, só queria se vingar de pai e filha.

Pela qualidade das atuações, esse plot poderia ter sido maravilhoso. Voight claro, foi de encontro da velha amiga para que ela não cometesse um ato impensado, e chegou a tempo. Todo o time empenhado, Mouse parece que já sumiu, Rusek e Kim parecem estar retornando para a velha amizade super tranquila, Med fez uma pontinha como sempre para alegrar o episódio.

 

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=cxMTczPA1kQ&feature=youtu.be[/youtube]

Nenhum comentário

Adicione o seu

Tags Chicago PD