Cinco filmes que se inspiraram em “Os Bons Companheiros”

Filmes Que Se Inspiram em Os Bons Companheiros

Quais são os filmes que se inspiram em Os Bons Companheiros? Confira!

Ele ficará na história do cinema como um dos melhores filmes de gângster já feitos. O filme Os Bons Companheiros de Martin Scorsese completa 30 anos este ano: três décadas desde que Robert De Niro, Ray Liotta e Joe Pesci se uniram para contar a incrível história de Henry Hill Jr., apresentando uma mostra de três horas do drama emocionante.

Continua após as recomendações

O filme inspirou uma geração de escritores e diretores – Família Soprano, um dos programas de TV de maior sucesso de todos os tempos, ainda conta com vários atores de Os Bons Companheiros – e você pode conferir isso em vários filmes lançados desde então. Continue lendo o artigo aqui no Mix de Séries para saber mais sobre os filmes que são diretamente inspirados no clássico filme de Scorsese.

Cães de Aluguel (1992)

Ao assistir a Cães de Aluguel, você pode sentir que já viu esse tipo de humor antes. As piadas inteligentes e brincadeiras entre os criminosos, intercaladas com cenas de violência. Isso porque o diretor Quentin Tarantino amou o diálogo espirituoso em Os BonsCompanheiros e percebeu que ele poderia se divertir um pouco com isso neste filme.

Continua após a publicidade

Os personagens de ambos os filmes costumam fazer comentários engraçados sobre coisas monótonas do dia a dia. Veja o discurso do Sr. Pink sobre dar gorjeta em Cães de Aluguel: isso se assemelha à raiva de Tommy por coisas mesquinhas no filme de Scorsese, ou quando Henry fica bravo com sua mãe por não falar mais na mesa de jantar.

Scorsese sabia da importância de usar a comédia para dar vida aos seus personagens e Tarantino pegou isso usando uma sagacidade selvagem em seu diálogo ao longo de sua carreira.

Pulp Fiction: Tempo de Violência (1994)

Sim, outro filme do Tarantino, mas vale a pena apontar outra influência importante. Os Bons Companheiros foi um dos primeiros filmes a ir e vir no tempo para nos dar diferentes estágios da história: isso porque Scorsese não considerava a ordem cronológica dos eventos tão importante.

Em Pulp Fiction: Tempo de Violência, Tarantino dá um passo adiante com saltos no tempo que chega a nos deixar um pouco tontos. Mas o efeito é poderoso: muitas vezes, a mudança repentina no tempo pode nos levar para o meio de um evento dramático impressionante.

Ambos os diretores gostam de manter os espectadores desconfiados e mexer na ordem dos eventos, é uma forma muito eficaz de fazer isso.

Cassino (1995)

Você pode se perguntar como é possível um filme inspirar outro sendo que foi dirigido pela mesma pessoa, mas Os Bons Companheiros confirmou a Martin Scorsese o quão bem De Niro e Pesci trabalham juntos e quão populares os filmes de gângster são para o público em geral.

Então, veio o filme Cassino em 1995: um conto baseado em duas grandes personalidades – Sam Rothstein (De Niro) e Nicky Santoro (Pesci). Santoro está no Cassino Black Book de Nevada, um lugar normalmente reservado para crimes como embriaguez e contagem de cartas, além de agressões. Um dos personagens, Rothstein, precisa da proteção de Santoro para ajudar a reduzir os lucros do Cassino Tangiers, administrado pela Máfia, então, os dois firmam uma parceria que acarreta muito sangue, suor e lágrimas pelo caminho.

O resultado é uma história convincente sobre a relação da Máfia com Las Vegas. Este filme consagrou um Oscar para a atriz Sharon Stone, por seu brilhante desempenho como Ginger. Nos últimos anos, o filme cresceu em popularidade e os críticos o consideram ainda mais elaborado do que o próprio Os Bons Companheiros.

Boogie Nights: Prazer sem limites (1997)

Como podemos comparar esses dois filmes? Um é um filme de gângster e o outro está com o pé no mundo da pornografia – acho que não conseguimos, certo? Bem, o diretor de Boogie Nights: Prazer sem limites, Paul Thomas Anderson, confessou publicamente seu amor por Scorsese em várias ocasiões – e o sentimento é mútuo – você pode conferir a influência de Scorsese nesse popular drama de Anderson.

Mais uma vez, a narrativa da ascensão e queda está em jogo. Dirk Diggler (Mark Wahlberg) conhece seu mentor, assim como Henry Hill, que o guia até o topo. Quando ele pensa que tem tudo, comete um erro crucial e joga fora todo o seu sucesso.

Além disso, tome nota da trilha sonora de renome de Boogie Nights: Prazer sem limites. Faixas de grande renome como Beach Boys e Marvin Gaye dão aquele toque dos anos 60/70 que fazem os espectadores se emocionarem, de forma semelhante às músicas de Os Bons Companheiros.

Profissão de Risco (2001)

Profissão de Risco é uma história sobre a explosão do tráfico de cocaína entre a América Latina e os Estados Unidos nas décadas de 70 e 80. Embora os personagens não sejam muito mafiosos, seu comportamento é igualmente violento – batalhas por suprimentos, sequestros e discussões ferozes reinam o enredo.

Se você prestar bem atenção neste filme fantástico, poderá ver alguns aspetos inspirados em Os Bons Companheiros. A ascensão e a queda do personagem principal que é baseada em uma história real de várias décadas. Além do famoso método narrativo que muda de um lado para o outro no tempo e uma trilha sonora semelhante, com melodias clássicas de rock em muitas cenas.

Caso você não esteja convencido, veja quem faz o papel de pai de George Jung (Johnny Depp): isso mesmo, é Ray Liotta – um dos principais.

Isso não quer dizer que o filme não seja um sucesso por si só. Foi um dos movimentos mais populares de 2001 e é reverenciado pelos fãs de filmes de gângster. Mas, como todas as boas obras de arte, inspira-se nos mestres.

Já tem planos para o próximo fim de semana?

A série de filmes que seguiram o caminho de Os Bons Companheiros desde seu lançamento em 1990 é a prova de quão influente ele foi. Seus personagens fortes, enredo envolvente e trilha sonora emocionante o tornaram um sucesso para todas as idades e ele não envelheceu nessas últimas três décadas. Portanto, se você tem algumas horas livres esta semana, por que não conferir este sucesso, mesmo que seja pela segunda vez? Pode até inspirar você…

Anderson Narciso

Anderson Narciso

Criador, editor e redator do site Mix de Séries, é apaixonado por séries desde sempre. Fã incondicional de One Tree Hill, ER, Friends, e não perde um episódio da Franquia Chicago.

No comments

Add yours