Conheça “Invasion”, plano de fundo para o crossovers com as séries da DC

Imagem: Horizons

Imagem: Horizons

 

Nesta segunda (28), começa o tão esperado crossover entre as quatro séries da DC Comics sob a batuta de Greg Berlanti exibidas pela CW: Supergirl, The Flash, Arrow e DC’s Legends of Tomorrow!

A história, obviamente, será apenas inspirada – assim como The Flash fez recentemente com “Flashpoint Paradox”, mas é interessante conhecermos as motivações e o plano de fundo da história original, até para entender algumas potenciais referências que serão apresentadas nas séries.

Continua após a publicidade

Lançada em 1989, “Invasion” foi o grande primeiro arco da DC Comics após o conhecido “Crise Nas Infinitas Terras”. A trama que foi escrita por Bill Mantlo e desenhada por Todd McFarlane, Bart Sears, e Giffen, logo se tornou um grande sucesso para a editora, dando margem para a história se estender em três partes, proporcionando diversos crossovers com as revistas existentes na época.

Influenciada por grandes histórias de ficções científicas, “Invasão” aborda nove raças alienígenas atacando o Planeta Terra, fazendo referências a diversas passagens da história da humanidade – como as Guerras Mundiais, mostrando ataques à locais como Cuba, Austrália, Rússia e até a Ilha Paraíso – lar da “Mulher Maravilha”.

Imagem: DC Comics

A grande raça arquiteta da invasão é a “Dominions” – raça que será mostrada no crossover – são inteligentes, impiedosos e, principalmente, estrategistas – o que dificulta o trabalho dos heróis que tentam impedir a invasão. Avançados tecnologicamente, possuem uma rígida hierarquia. Para eles, os seres-humanos são uma extensa ameaça para o resto do Universo, o que faz com que eles invadam a Terra para exterminar seus habitantes. Essa conclusão chega-se por conta do “meta-gene” que surgiu nos humanos e que, na visão dos aliens, se não freada, poderia por em risco a existência de diversos outros Planetas e Terras.

Além dos Dominions, também participam da invasão os Thanagarianos, os Gil’Dishpans, Daxamitas – que aplicam a xenofobia aos seres humanos e são bem semelhantes aos Kryptonianos, ganhando poderes extraordinários ao serem expostos ao Sol Amarelo da Terra. Ainda temos os Guerreiros de Okaara, o Povo da Cidadela, os Psíons e os Khúndios.

Não sabemos se algumas dessas raças serão referenciados no crossover que irá ao ar nesta semana, mas vale a pena ficar ciente da existência delas, caso sejam mencionadas. Juntas elas formam a “Aliança Alienígena”, que desenvolvem o planejamento do ataque aos seres “extraordinários” que vivem na Terra. A Austrália é o primeiro local a sofrer o ataque, que foi reconhecido pela ONU instantes antes. É neste ataque que os Aliens descobre alguns novos poderes, como os Daxamitas que se veem ultra poderosos com o Sol Amarelo.

Os heróis são proibidos de fazerem um ataque até um contato – que é feito pelos alienígenas que exigem a entrega de todos os seres “meta poderosos” para que a humanidade sobrevivesse. Após muita discussão, decide-se que os heróis não seriam entregues e uma Guerra seria iniciada.

Nomes conhecidos da DC Comics como Amanda Waller, Maxwell Lord, Capitão Átomo, Aquaman, Eléktron, Batman, Superman e Mulher Maravilha participam dos arcos, lutando isolodamente em pontos específicos como o Pacífico Sul, San Diego, Havana, entre outros.

Imagem: DC Comics

 

A batalha se estende por diversos números, com intensas reviravoltas – incluindo a derrota dos alienígenas que expões aos meta-humanos aos efeitos de uma bomba genética que afetam seus poderes!

Nada foi divulgado sobre como a CW e Greg Berlanti adaptarão a história. O que se sabe é que os eventos começarão no final do episódio deste segunda (28) de Supergirl, mas que a grande ação se concentrará a partir do episódio de The Flash, onde os heróis se unirão para entender e enfrentar a ameaça dos Dominions.

O ponto positivo deste crossover é que a trama contará com muitos heróis, das mais variadas origens. O Arqueiro Verde deverá abordar uma carga dramática bem pessoal na história – principalmente por se tratar de seu 100º episódio, que contará com inúmeras participações – incluindo de personagens que já se despediram do show.

Os inimigos concentrados em Legends of Tomorrow também deverão fazer parte da trama que tem tudo para se tornar um dos grandes eventos de reunião da história da TV.

Então já sabe, a trama se inicia no final do episódio de Supergirl – que deverá ser reprisado em um “previously” antes do episódio de The Flash e se estenderá até Arrow e Legends of Tomorrow, que encerra o plot na quinta (1). Preparados?

*No Brasil o crossover será exibido em duas partes: no dia 14 de dezembro, o episódio de Supergirl será exibido as 21h40, na Warner Channel. No dia 15, no mesmo horário, serão exibidos em sequência os episódios de The Flash, Arrow e Legends of Tomorrow, no mesmo canal.

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=cZDxWiQAy4o[/youtube]

Anderson Narciso

Anderson Narciso

Criador, editor e redator do site Mix de Séries, é apaixonado por séries desde sempre. Fã incondicional de One Tree Hill, ER, Friends, e não perde um episódio da Franquia Chicago.

1 comment

Add yours
  1. Avatar
    Álefe 29 novembro, 2016 at 16:11 Responder

    Acho que assim como fizeram em Flashpoint Paradox, a essência de Invasion! estará lá, apesar de toda adaptação. Já é alguma coisa. Tomara que não seja desperdiçada.

Post a new comment